Spurs (54-26) @ Rockets (53-26) – Vingança nunca é plena

104×103 

Sedento pela vingança após ser superado pelo San Antonio Spurs na última quarta-feira (9), o Houston Rockets levou um balde de água fria ao novamente sucumbir diante do embalado alvinegro, nesta sexta-feira (11), pelo placar de 104 a 103. Com uma atuação soberba de Tim Duncan, a equipe comandada pelo técnico Gregg Popovich não se intimidou com os mais de 18 mil torcedores presentes no Toyota Center, casa do rival, e repetiu o triunfo sobre um adversário direto na tabela de classificação. Vamos aos principais pontos do duelo.

Mão direita de Duncan selou o resultado final da partida em Houston (Reprodução/nba.com/spurs)

Como o vinho

A duas semanas de completar 39 anos de idade – e em sua 18ª temporada na NBA -, Tim Duncan segue atuando em alto nível, aliando técnica refinada e presença em momentos fundamentais. O ala-pivô acertou 12 dos 15 arremessos de quadra que tentou, contabilizou 29 pontos e dez rebotes, e coroou a atuação de gala com um toco determinante em James Harden no último lance da partida. O barbudo poderia ter dado a vitória ao time da casa, mas viu sua bandeja ser interrompida pela mão direita do camisa 21, em jogada que pode ter mudado os rumos da temporada de ambas as equipes.

Subindo e subindo

Spurs at Rockets 4/10/15

Lenda em ação (Reprodução/nba.com/spurs)

O triunfo desta sexta foi o décimo seguido do Spurs, que, depois de passar quase toda a temporada rodando a sétima colocação da Conferência Oeste, agora aparece em terceiro lugar, com apenas meio jogo de desvantagem para o vice-líder Memphis Grizzlies. Já o Rockets, após duas derrotas seguidas, caiu para uma indigesta sexta posição e hoje seria os adversário de Duncan e companhia na primeira rodada dos playoffs. Está equilibrado ou não está?

O hack voltou

A estratégia de Popovich era bem clara: deixar James Harden fora do jogo. Para, isso o treinador não poupou estratégias, recorrendo até mesmo ao polêmico hack durante o segundo tempo. A tática de cometer faltas intencionais para levar um jogador de mau aproveitamento para a linha de lance livre, comumente usada nos anos 2000 contra Shaquille O’Neal, teve como vítima o ala-pivô adversário Josh Smith, que ostenta um aproveitamento nada positivo de 49,5% neste fundamento na temporada.

Os resultados foram 26 tiros livres cobrados pelo ala, com apenas 12 convertidos – 46,2% de acerto – e um Harden longe da bola como arquitetou o treinador.

Muitos discutem sobre a moralidade do uso do hack na NBA, alegando que o artifício é antidesportivo e deixa a partida feia e monótona. Fato é que as regras não proíbem a ação, e ela segue sendo utilizada com muita destreza por Popovich e sua trupe. Não se espantem se vermos mais disso ao longo dos playoffs, especialmente em caso de possíveis confrontos contra o próprio Rockets ou contra o Los Angeles Clippers (DeAndre Jordan sustenta medonhos 39,3% de aproveitamento nos lances livres).

Na hora certa

Depois de perder o início da temporada se recuperando de lesão, Patty Mills ainda sofre com a irregularidade no ano, mas nesta sexta ele fez aquilo que se espera dele. Em apenas 11 minutos de ação, registrou 14 pontos, colocando fogo no jogo com suas bolas de três. Foram três arremessos certeiros de longa distância em momentos cruciais do duelo. Com as atuações tímidas de Tony Parker, atormentado por lesões, ao longo dos últimos confrontos, ter o australiano em boa forma será ainda mais importante no mata-mata.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tim Duncan – 29 pontos, 10 rebotes e 3 bloqueios

Kawhi Leonard – 18 pontos, 9 rebotes e 4 roubos de bola

Patty Mills – 14 pontos

Houston Rockets

Josh Smith – 20 pontos e 6 rebotes

Trevos Ariza – 19 pontos

James Harden – 16 pontos e 10 assistências

Anúncios

Sobre Victor Moraes

Formado em Jornalismo no ano de 2012 pela Universidade Metodista de São Paulo. Fanático por esportes, sobretudo o basquete, passou pela redação do Diário Lance!, trabalhou na Liga Nacional de Basquete e no extinto Basketeria. Se orgulha de fazer parte da equipe do Spurs Brasil desde a criação em 2007.

Publicado em 11/04/2015, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 12 Comentários.

  1. Petterson Moraes

    Que jogaço……e não me venham novamente com essa história que o “hack” é imoral…..imoral é um jogador profissional ter um péssimo aproveitamentoem lance livre.
    Duncan mal?ele está cada vez melhor mesmo com 39 anos!!!!Ginobili errando?tudo bem…..para isso existe um banco que pode rotacionar a vontade e equilibrar a balança em um dia que as estrelas não estejam bem.
    E eu ainda acredito na segunda posição do Oeste…já que temos apenas Phoenix e New Orleans, e o Memphis tem Clippers e Warriors.
    E Duncan já começou a encarnar a alma de playoffs…..

  2. Alex jose dos Santos

    Grande vitória mas quase perdemos erros bobos cestas no finalzinho de ducan que salvou no final ginobili no final também si for o Huston temos que melhorar isso porque Huston vai vir doido para derubar os spurs ta na hora do thiago voltar para sigurar o 12 Haward o santo antónio caiu na pilha da provocação dele e cometeu fastas e perdeu um jogador. .
    Ta chegando a hora e precisamos do parker de qualquer jeito em forma para vencer quem sabe Huston

  3. Alex jose dos Santos

    Não ligo pra isso de faltas seguidas em Smith
    mas pra mim santo antónio não precisa disso pra vencer Huston e nem Clippers
    Dai ficou um pouco mais tenso pilhado um tanto quanto perigoso.. Huston dominou em bolas de 3
    nosso Dany green mal mal nem parecia ele livre para derubar e só aro vamos precisar muito dele..
    muita atenção e respeito com Huston rocktes

  4. Foi um grande jogo. Tommy foi monstro.

  5. #GOSPURSGO#

    Se você Leonardo,entendesse realmente de Basquete,saberia que é praticamente impossível os Spurs obter o mando de quadra.
    1)A Campanha do Houston e Memphis é muito sólida,é praticamente impossível que qq um deles ceda uma defasagem de 4 jogos faltando apenas 9 partidas.
    2)Com o Portland,ninguém mexe,pois mesmo que os Spurs tenham campanha melhor que o mesmo,por ser campeão de sua divisão,automaticamente o Portland carimba no mínimo o 4 lugar.
    3)Resta aos Spurs escolher entre Memphis e Portland,qual seria o melhor desafio não tendo o mando de quadra.
    CADE esse Otario q falou q nao dava. Torcedor é torcedor tem q acreditar SEMPRE Ainda mais NO SPURS.

    • Falou tudo, esse Zé Mané escreveu essa bobagem, retrucou com outro e aonde ele está agora?

      Tem gente que perde chance de ficar calado.

  6. Douglas de Paula

    O Ginobili no fim do jogo perdeu a bola e quase culminou a vitória dos Rockets. Um jogador consagrado e experiente como ele não deveria ter perdido aquela bola, jogaria a estrategia dos 4 tempos por agua abaixo em segundos. Quanto ao hack, acredito eu nem pelo mau aproveitamento do smith, e sim para poupar o time. Quanto ao Leonard, faltou personalidade nos arremessos de 3.

  7. Os Spurs de fato são como vinho….o MELHOR TRIO DA HISTORIA, o BASKETBALL MAIS BONITO E BEM JOGADO DOS ÚLTIMOS DEZ ANOS da liga, distribuição de bola, plasticidade e altruismo, time com mais assistências, GINOBILI O MAGO, DUNCAN O HALL OF FAME ETERNO, PARKER O CEREBRO, LENARD A GARRA, SPLITER A EFICIÊNCIA, e o que falar de POPPOVICH….O MELHOR TE NICO DA HISTÓRIA (apenas uma estatística…18 -DEZOITO!!!! PLAYOFFS SEGUIDOS..,COm 50 !!!!!! VITORIAS OU MAIS!!!

    GO SPURS GO, TO SENTINDO O HEXA, ARRANCADA NA HORA CERTA E SÓ CONTRA OS TOPS DA CONF.OESTE!!! NUNCA VENCERAM DOIS. SEGUIDOS…BATERAM AÍ NA TRAVE…CHEGOU A HORA!!!

  8. E PARA QUEM FALOU SOBRE O SPURS SER DIFICIL OBTEr HOME ADVANTAGE…Va ESTUDAR UM POUCO ANTES DE DEFECAR PELA BOCA…O PORTLAND DE FATO FICA EM QUARTO MAS MESMO QUEM FICAR EM QUINTO TERA HOME COURT ADVANTAGE CONTRA ELES!!! SÓ A POSICAO É INVERTIDA!!!

    GO SPURS!!!

  1. Pingback: Spurs (54-26) vs Suns (39-41) – Temporada Regular | Spurs Brasil

  2. Pingback: Spurs (55-26) vs Suns (39-42) – Segundo lugar | Spurs Brasil

  3. Pingback: Duncan é nomeado jogador da semana do Oeste | Spurs Brasil

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s