Arquivos do Blog

Spurs (19-5) vs Lakers (3-20) – Sem surpresas

assinatura SA Br''

109×87

Nessa sexta-feira (11), o San Antonio Spurs venceu o Los Angeles Lakers pelo placar de 109 a 87 e manteve a invencibilidade dentro do AT&T Center na temporada, chegando à marca de 12 triunfos em 12 compromissos. Sem o armador Tony Parker, poupado, o alvinegro contou com atuações inspiradas de Patty Mills e LaMarcus Aldridge para alcançar ao seu 19º triunfo no campeonato. Sem tempo para descanso, os texanos retornam à ação neste sábado, fora de casa, contra o Atlanta Hawks. Vamos, a seguir, aos destaques da partida:

LaMarcus foi o cestinha do Spurs na partida (Reprodução/nba.com/spurs)

Aquele LaMarcus

Como adiantamos no pré-jogo, LaMarcus Aldridge não teve dificuldades contra a frouxa marcação no garrafão do Lakers. Com um início arrasador, o ala-pivô do time de San Antonio botou o calouro Larry Nancy Jr. no bolso e anotou 14 pontos só na primeira parcial, liderando uma corrida de 12 a 0 que deu ao alvinegro a liderança no placar que seria mantida até o final. O camisa #12 fechou o jogo com mais um double-double ao anotar 24 pontos (11-20 FG) e pegar 11 rebotes, além de distribuir seis assistências ao longo do confronto.

Mills foi preciso nos chutes (Reprodução/nba.com/spurs)

Sem Parker, sem problema

No duelo desta sexta-feira, o técnico Gregg Popovich optou por dar descanso ao armador titular Tony Parker, colocando o pouco utilizado Ray McCallum no quinteto inicial e mantendo Patty Mills na segunda unidade. Uma sábia decisão… Vindo do banco, o armador australiano foi o retrato da boa pontaria dos texanos no triunfo (53,7% FG), convertendo nada menos do que nove arremessos em 11 tentados, sendo três do perímetro, nos 22 minutos em que esteve em quadra. O camisa #8 terminou o jogo com 22 pontos, seis deles no início do último quarto, o que praticamento sacramentou a vitória do time.

Digestão

Recuperado de problemas estomacais que provocaram a sua ausência em um compromisso e, em seguida, a sua pior atuação nesta temporada, Kawhi Leonard voltou a ser importante para uma vitória do Spurs.

O camisa #2 saiu de quadra com 16 pontos, 11 rebotes, três roubadas de bola e duas assistências e ainda travou, em alguns momentos, um duelo interessante com Kobe Bryant, levando vantagem sobre o astro da equipe adversária na maioria do tempo.

Olho Neles

Uma surpresa agradável no duelo do AT&T Center foi a presença do ala-armador Jonathon Simmons no segundo tempo. Sendo agressivo em direção à cesta, o novato ganhou minutos do titular Danny Green – que vive péssima fase – e contribuiu com nove pontos, dois rebotes e uma assistência nos 19 minutos em que esteve em quadra.

Já pelo lado dos californianos, D’Angelo Russell, escolha número dois do último Draft, mais uma vez mostrou seu potencial. Conferindo 24 pontos (melhor marca da carreira), o rookie foi o principal responsável por manter os visitantes no páreo até o início da última parcial. Ele ainda contribuiu com seis rebotes, seis assistências e dois roubos de bola.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

LaMarcus Aldridge – 24 pontos, 11 rebotes e 3 assistências

Patty Mills – 22 pontos, 3 rebotes e 3 assistências

Kawhi Leonard – 16 pontos, 11 rebotes e 3 roubadas de bola

Los Angeles Lakers

D’Angelo Russel – 24 pontos, 6 assistênciase 6 rebotes

Louis Williams – 19 pontos e 3 rebotes

Kobe Bryant – 12 pontos, 6 rebotes e 4 assistências

Anúncios