Arquivos do Blog

Spurs (3) vs Mavericks (2) – Not yet…

81X103

Ainda não foi desta vez que o San Antonio Spurs fechou a série contra o Dallas Mavericks. A derrota de hoje não chega a preocupar tanto, mas exige mais cautela da equipe, que foi dominada pelo rival desde o início e não mostrou muito empenho. A impressão que ficou é que os jogadores entraram em quadra já pensando no jogo 6 da série, que será no AT&T Center.

Início de último quarto e a cena era esta. Que venha o jogo 6 (Foto por Glenn James/NBAE via Getty Images)

Repetindo as escalações das outras partidas, as equipes começaram o jogo com posturas distintas. Enquanto o Dallas Mavericks iniciou a todo vapor, o Spurs caminhava lento, aparentemente desinteressado. Não demorou para  que Dirk Nowitzki e companhia abrissem vantagem e vencessem o primeiro quarto por 27 a 21.

Butler foi o nome do jogo. (Foto por Ronald Martinez/Getty Images)

No segundo quarto, praticamente só Tony Parker jogou. Enquanto o armador aparecia em todos os cantos da quadra, abusava da velocidade, das infiltrações e sofria faltas, o restante de seus companheiros não engrenou e  errou muito, deixando o francês em situação difícil. O placar no intervalo era de 53 a 46.

A desvantagem não parecia tão grande para uma equipe que, alguns dias antes, virou uma partida que parecia perdida, com quase 15 pontos de diferença. Mas, desta vez, o Spurs não se empenhou para buscar o placar; pelo contrário. Com uma corrida de 10-0 nos dois primeiros minutos do segundo tempo, o time de Rick Carlisle acabou com qualquer esperança de reação.

Até mesmo Gregg Popovich, que costuma ficar inquieto e gritando o tempo todo com sua equipe, parecia pouco interessado na vitória hoje. Tanto que, a partir da segunda metade do quarto, tirou Manu Ginobili e Tim Duncan e colocou Roger Mason e Ian Mahinmi em quadra. Descanso para os astros já visando o jogo 6, em San Antonio.

Parker tentou, mas pouco pode fazer (Foto por Glenn James/Getty Images)

No último quarto,  foi a vez de Keith Bogans e Garrett Temple entrarem. Apesar de apenas os reservas estarem em quadra pelo Spurs, Rick Carlisle seguiu com seus titulares. Dirk Nowitzki, Jason Terry e Caron Butler continuaram em quadra até restar cerca de seis minutos para o fim.

Butler, aliás, esteve em noite inspirada. Depois da polêmica envolvendo o jogador no jogo 3, quando o atleta saiu de quadra ainda no segundo quarto e não voltou mais, dando lugar a J.J. Barea, o ala teve grande atuação e foi o líder do Mavs na partida.

Agora, a série volta para San Antonio, onde o jogo 6 acontece na próxima quinta-feira (29). O Spurs pode fechar a série em 4 a 2 em caso de vitória.

Veja os melhores momentos da partida

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Tony Parker – 18 pontos e seis assistências

George Hill –12 pontos

Tim Duncan – 11 pontos e seis rebotes

Dallas Mavericks

Caron Butler – 35 pontos e 11 rebotes

Dirk Nowitzki – 15 pontos e nove rebotes

Jason Terry – 12 pontos

Jason Kidd – Dez pontos, sete rebotes e sete assistências

Shawn Marion – Dez pontos pontos e quatro rebotes

Spurs (3) @ Mavericks (1) – Primeira rodada dos playoffs

San Antonio Spurs @ Dallas Mavericks – Primeira Rodada dos Playoffs

Data: 27/04/2010

Horário: 22:30 (Horário de Brasília)

Local: American Airlines Center

Situação do Jogo

Depois de vencer três jogos seguidos e virar o placar da série para 3 a 1, o San Antonio Spurs vai a Dallas podendo fechar a primeira rodada dos playoffs e avançar para as semifinais de conferência. Embalado pela sequência de vitórias, os comandados de Gregg Popovich encaram um Mavs abalado, mas ainda muito perigoso.

Série nos playoffs (3-1)

18/04/2010 – San Antonio Spurs 94 @ 100 Dallas Mavericks

No Jogo 1 da série, o Spurs foi ineficaz ao marcar Dirk Nowitzki, que marcou 36 pontos, acertando 12 de 14 arremessos de quadra e todas as 12 tentativas de lance livre. Com um desempenho desses, a derrota foi inevitável. Pelo Spurs, o destaque foi Tim Duncan, com 27 pontos.

21/04/2010 – San Antonio Spurs 102 @ 88 Dallas Mavericks

No Jogo 2, a marcação do Spurs foi perfeita, anulando bem as tentativas do Dallas e contando ainda com uma grande noite de Duncan. Dirk Nowitzki não passou dos 24 pontos, tendo acertado apenas nove em 24 tentativas, enquanto Duncan anotou 25 pontos e pegou 17 rebotes.

23/04/2010 – San Antonio Spurs 94 vs 90 Dallas Mavericks

Durante toda a partida, Tim Duncan (25 pontos, cinco rebotes e quatro assistências) foi o responsável pela construção da vantagem. No período final, quem brilhou foi Manu Ginobili, que, com o nariz quebrado, decidiu o jogo a favor do Spurs.

25/04/2010 – San Antonio Spurs 92 vs 89 Dallas Mavericks

Com Tim Duncan em má noite, o Spurs teve trabalho para vencer o rival texano. Chegou a estar perdendo por mais de dez pontos de diferença, mas aí George Hill assumiu a responsabilidade e liderou a equipe para a virada. O placar de 29 a 11 no terceiro período foi a chave da vitória, a terceira na série.
.

PG – George Hill

SG – Manu Ginobili

SF – Richard Jefferson

PF – Tim Duncan

C – Antonio McDyess

Fique de Olho – George Hill vem sendo o termômetro do Spurs nesta série. Sua condição física era duvidosa no início da série devido a uma lesão no tonozelo que sofreu no fim da temporada regular, mas o armador mostrou-se estar totalemnte recuperado e foi melhorando seu desempenho a cada partida.
.

PG – Jason Kidd

SG – Caron Butler

SF – Shawn Marion

PF – Dirk Nowitzki

C – Erick Dampier

Fique de Olho – Não há dúvidas de que o jogador mais perigoso do Mavs é Nowitzki. Apesar dos esforços do Spurs na marcação, o alemão vem fazendo uma série com ótimas atuações, pontuando muito, e qualquer chance de vitória do time de Dallas passa por suas mãos.

Ginobili sofre fratura no nariz

Foto por Eric Gay/AP Photo

O ala-armador Manu Ginobili sofreu uma fratura no nariz na partida desta sexta-feira, contra o Dallas Mavericks, a terceira da primeira rodada dos playoffs. Exames realizados ainda no Ginásio do AT&T Center confirmaram a fratura, mas Ginobili ainda será reavaliado para saber a gravidade da lesão. Mais informações serão divulgadas após estes exames complementares.

Em seu twitter oficial, o camisa 20 confirmou estar bem e que os médicos decidirão seu rumo nos próximos dias. Veja a foto postada por Manu em seu perfil.

Em uma disputa com Dirk Nowitzki, no terceiro quarto, o argentino foi atingido pelo braço do rival e deixou a quadra para que fosse feito um curativo no local. O jogador ainda retornou à partida minutos depois, e atuou normalmente em todo o último período.