Arquivos do Blog

Spurs (3) @ Mavericks (2) – Primeira rodada dos playoffs

San Antonio Spurs @ Dallas Mavericks – Primeira rodada dos playoffs

Data: 02/05/2014

Horário: 21h00 (Horário de Brasília)

Local: American Airlines Center

Na TV: ESPN

Cotação no Apostas Online: Spurs 1,63 (favorito) @ Mavericks 2,30

Após retomar a liderança na série, o San Antonio Spurs vai até a casa do adversário para tentar fechar o confronto contra o rival texano. Foram duas vitórias seguidas para o time comandado por Gregg Popovich, e a terceira significaria evitar todo o trabalho físico e metal que é um jogo 7, ainda se tratando da primeira rodada dos playoffs da Conferência Oeste. 

Confrontos na série (3-2)

20/04/2014 – Spurs 90 vs 85 Mavericks

O Spurs só liquidou a fatura no fim, mesmo após começar melhor. O Mavs acordou no segundo tempo e chegou a ficar na frente, mas Tim Duncan, com 27 pontos e sete rebotes, e Tony Parker, com 26 pontos, seis assistências e quatro rebotes, ajudaram na virada.

23/04/2014 – Spurs 92 vs 113 Mavericks

Mesmo na casa do adversário, o Mavs atropelou. Foi o duelo mais desigual da série até agora. O destaque do alvinegro foi Manu Ginobili, que anotou 27 pontos e quatro assistências.

26/04/2014 – Spurs 108 @ 109 Mavericks

Vince Carter, restando pouco mais de um segundo, acertou bola de três pontos da zona morta e deu vitória ao Mavs. Tim Duncan, com 22 pontos, foi o cestinha da equipe de San Antonio.

29/04/2014 – Spurs 93 @ 89 Mavericks

Em briga para saber quem era o gordinho mais decisivo, Boris Diaw saiu vencedor, fazendo cesta de três nos instantes finais para retomar o mando de quadra a pelo Spurs. DeJuan Blair era seu adversário e fazia grande partida até ser excluído por acertar chute em Tiago Splitter. Manu Ginobili, com 23 pontos e cinco assistências, se destacou novamente.

30/04/2014 – Spurs 109 vs 103 Mavericks

O Spurs contou com a ajuda de Tiago Splitter e um bom jogo de Tony Parker para virar. O brasileiro teve números impressionantes, foram 17 pontos, 12 rebotes e cinco assistências.

PG – Tony Parker

SG – Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – Tim Duncan

C – Tiago Splitter

Fique de Olho – Após jogos de doer só de olhar o francês, Tony Parker acordou para a série. Se quando o armador estava mal o Spurs esteve mal, agora que o camisa 9 está jogando melhor o time voltou a vencer. Uma atuação boa dele será necessária para evitar o jogo 7.

PG – José Calderón

SG – Monta Ellis

SF – Shawn Marion

PF – Dirk Nowitzki

C – Samuel Dalembert

Fique de Olho – Dirk Nowitzki melhorou a cada jogo nesses playoffs. O alemão está com média de apenas 16 pontos por exibição no confronto, mas no último jogo já chegou à marca de 26.

Anúncios

Spurs (23-7) @ Mavericks (16-13) – Banco invejável

116×107

Em seu segundo jogo em duas noites, o San Antonio Spurs conseguiu uma importante vitória, fora de casa, contra o rival Dallas Mavericks. O time comandado por Gregg Popovich esteve na frente no placar durante praticamente toda a partida e chegou a tomar um susto no final, mas teve calma para fechar o jogo e garantir o resultado. Vindo do banco, Danny Green comandou a segunda unidade com 22 pontos. Tony Parker, com 23, foi o destaque dos visitantes. Dirk Nowitzki, que anotou 25, foi o cestinha da noite. No domingo, o alvinegro volta à quadra e recebe o Sacramento Kings. Já o Mavs viaja para enfrentar o Chicago Bulls, no sábado.

Parker foi o cestinha do Spurs (Getty Images)

Banco

A vitória do Spurs teve grande responsabilidade do banco do time. Os reservas que mais pontuam na liga atropelaram a segunda unidade do Mavs por 49 a 28. Danny Green, que recentemente foi colocado no banco, mostrou que se adequou ao novo papel e marcou 22 pontos. O ala-armador teve uma noite incrível nos arremessos, acertando todos os sete que tentou, sendo cinco deles da linha de três pontos. Apenas Jordan Hill e Chandler Parsons se igualam no feito de ter um jogo sem erros de arremessos e mais de vinte pontos.

Mais um duplo-duplo para Duncan (NBAE/Getty Images)

Último quarto

Com 5:30 para o fim do jogo, o Spurs vencia pela tranquila vantagem de 100 a 85. No entanto, pouco mais de um minuto e meio depois, a diferença já havia caído pra apenas três pontos. Perdas de bola e erros defensivos fizeram com que os momentos finais do jogo fossem de tensão para o torcedor dos visitantes. Monta Ellis foi responsável por 13 pontos no último quarto.

Aprendeu a ir para a linha 

Pode parecer uma estatística irrelevante, mas Tiago Splitter bateu o seu recorde de idas para a linha de lance livre. Foram 11 tentativas e oito acertos para o camisa #22 do Spurs. Duas coisas para comentar aqui. A primeira é que o pivô brasileiro sabe bem tomar a falta e isso está cada vez melhor. A segunda é que o seu lance livre se tornou um arremesso mais seguro. E pensar que já fizeram hack-a-Splitter no passado…

Sr. Duplo-Duplo

O jogador em atividade com o maior número de duplos-duplos adicionou mais um à sua marca. Tim Duncan, com 21 pontos e 13 rebotes, atingiu pela décima vez na temporada a marca de dois dígitos em dois fundamentos. No lado contrário, o ex-Spur DeJuan Blair também conseguiu o feito. Foram 14 pontos e 11 rebotes para o pivô, que tem sido titular no rival.

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Tony Parker – 23 pontos e 3 assistências

Danny Green – 22 pontos

Tim Duncan –  21 pontos e 13 rebotes

Tiago Splitter – 12 pontos e 6 rebotes

Dallas Mavericks

Dirk Nowitzki – 25 pontos e 5 rebotes

Monta Ellis – 23 pontos e 6 assistências

Vince Carter – 20 pontos e 3 assistências

DeJuan Blair – 14 pontos e 11 rebotes

Spurs (2-3) vs Mavericks (4-1) – Spurs perde na despedida

76×82

Em sua última partida na Summer League de Las Vegas, neste sábado (21), o San Antonio Spurs não conseguiu superar o Dallas Mavericks e perdeu por 82 a 76 na prorrogação. O armador Cory Joseph foi o destaque da equipe do time preto e prata na partida.

Joseph em ação! O armador foi o cestinha do Spurs (Shep McAllister/Spurs.com)

Início complicado

Durante o tempo regulamentar, o jogo foi bastante acirrado. O Mavs saiu na frente nos dois quartos iniciais. No fim do primeiro período, o time de Dallas vencia por seis pontos. No entanto, quando a segunda parcial acabou, essa vantagem já era de 11. Jae Crowder foi um dos responsáveis principais por isso. Com 21 pontos e seis rebotes, o ala foi o cestinha da partida e completou a Summer League com boas apresentações em todos os jogos.

Anderson fez 16 (Shep McAllister/Spurs.com)

Aposta canadense 

O armador Cory Joseph, que se se alternou entre o San Antonio Spurs e o Austin Touros na temporada passada, foi o melhor jogador com a camisa preto e prata na quadra. O canadense carregou o time na Summer League nas costas após a saída do ala Kawhi Leonard, que foi dispensado para treinar com os titulares do time texano.

Joseph marcou 18 pontos, coletou sete rebotes e distribuiu cinco assistências contra o Mavericks. Nos desperdícios de bola, a melhora foi considerável: de dez na última partida, contra o Miami Heat, os turnovers diminuíram para dois neste sábado.

Outras atuações

Dos 12 jogadores do Spurs que pisaram em quadra, oito conseguiram pontuar e quatro alcançaram dez ou mais pontos. O armador L. D. Williams, por exemplo, conseguiu mais minutos de jogo e alcançou dez pontos, com direito à cesta decisiva que levou o jogo para a prorrogação. O ala-armador Dwight Buycks marcou 11.

Já Ryan Richards, com apenas 13 minutos de jogo, conseguiu marcar nove pontos, com direito a duas boas enterradas, e pegar quatro rebotes.

James Anderson, por sua vez, não se apresentou tão bem, acertando apenas três arremessos dos 11 que tentou. Ainda assim, o ala-armador chegou a 16 pontos, seis assistências e cinco rebotes diante do Mavericks. Dificilmente o atleta continuará no Spurs na próxima temporada.

Segunda metade

No terceiro quarto, o Spurs melhorou muito em quadra, tirou a diferença e conseguiu finalizar a período na frente: 54 a 50. Já o último período foi disputado do começo ao fim. Com um empate por 76 a 76 nos segundos finais, o time de San Antonio conseguiu levar a partida para a prorrogação.

Como o tempo extra na Summer League só dura dois minutos, o Dallas conseguiu uma dianteira  inicial e impediu os ataques do rival, fechando a partida em 80 a 76.

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Corry Joseph –  18 pontos e sete rebotes

James Anderson – 13 pontos, seis assistências e cinco rebotes

Dwight Buycks – 11 pontos e duas assistências

L. D. Williams – Dez pontos e dois rebotes

Ryan Richards – Nove pontos e quatro rebotes

Dallas Mavericks

Jae Crowder – 21 pontos e seis rebotes

Justin Dentmon – 16 pontos e sete rebotes

Spurs (2-2) vs. Mavericks (3-1) – Summer League


San Antonio Spurs vs Dallas Mavericks – Summer League de Las Vegas

Data: 21/07/2012

Horário: 19h (Horário de Brasília)

Local: Cox Pavilion

Desde que Kawhi Leonard, o melhor jogador do jovem elenco do San Antonio Spurs, foi dispensado da Summer League, o time não achou mais o caminho da vitória. Foram duas derrotas seguidas, para o Los Angeles Clippers e para o Miami Heat. Comandados pelo armador Cory Joseph, os garotos da equipe texana têm a última chance de tentar mostrar serviço contra o rival Dallas Mavericks, que só perdeu uma vez no torneio.

PG – Cory Joseph

SG – James Anderson

SF – Derrick Byars

PF – Eric Dawson

C – Luke Zeller

Fique de Olho –  James Anderson tem sua última chance de impressionar algum time, ou até mesmo de mostrar que tem condições de contribuir no Spurs para a próxima temporada. O ala-armador está apresentando médias de dez pontos, cinco rebotes e uma assistência por exibição na Summer League

PG – Justin Dentmon

SG – Dominique Jones

SF – Jae Crowder

PF – Drew Gordon

C – Bernard James

Fique de Olho – Com médias de 20,3 pontos em 33 minutos por jogo na Summer League, Dominique Jones é o melhor jogador do Dallas Mavericks nesse verão americano.