Arquivos do Blog

Duncan mantém suspense sobre aposentadoria

assinatura SA Br

Os fãs do basquete e, principalmente, do San Antonio Spurs não gostariam que esse dia chegasse, mas a aposentadoria de Tim Duncan é uma realidade que se aproxima. Prestes a completar 38 anos de idade e podendo encerrar seu contrato ao fim da temporada, The Big Fundamental cada dia mais convive com o dilema sobre a hora de parar. Em entrevista à ESPN americana, o ex-treinador do Denver Nuggets, George Karl, levantou o rumor de que o camisa #21 se retiraria da liga ao fim do atual campeonato. O camisa #21, por sua vez, se irritou com o boato e prontamente desmentiu, mas sem deixar pistas sobre o seu futuro.

Timmy ainda não decidiu sobre o seu futuro após o término da temporada (NBAE/Getty Images)

Na última terça-feira, durante entrevista, o ex-treinador George Karl, que jogou em San Antonio nos anos 70, levantou boatos sobre a aposentadoria de Tim Duncan.

“Recebi alguns telefonemas, um deles de San Antonio, que diziam que Duncan vem pensando que este será o seu último ano”, revelou Karl, amigo próximo de Gregg Popovich.

“Ver o melhor e mais completo jogador de garrafão que já jogou na NBA se aposentando me deixaria muito, muito triste. Seria difícil para mim assistir o Spurs sem ele”, completou.

Dessa forma, Karl levantou a hipótese de Duncan exercer a opção de não renovar por mais um ano o seu contrato, antecipando assim sua aposentadoria. Entretanto, o experiente ala-pivô desmentiu a informação, se mostrando, inclusive, irritado com a situação, em entrevista concedida para o jornal americano San Antonio Express-News.

“Eu gostaria de saber com quem ele falou. Se eu não sei o que vou fazer, então como ele sabe? Ele que cuide de si próprio”, esbravejou Duncan, não dando pistas sobre o futuro.

“Eu não me preocupo com esse assunto”, esclareceu.

Tetracampeão da NBA, três vezes MVP das finais, duas vezes MVP da temporada regular e 14 vezes All-Star são algumas das honrarias que Timmy acumulou nos seus 17 anos de carreira. Na última terça-feira, na vitória diante do Los Angeles Clippers, o camisa #21 chegou a seu nono double-double nos últimos 13 jogos. Na temporada 2013/2014, o veterano apresenta, até agora, médias de 15,6 pontos, 10,1 rebotes e três assistências por partida.

Anúncios

Curtas: Duncan em forma, Green adaptado e Karl confiante

Not in my house!

Como as pessoas vêm dizendo por aí, Tim Duncan é como o vinho: quanto mais velho, melhor ele fica!

No Jogo 1 da série contra o Los Angeles Clippers, Timmy relembrou os velhos tempos ao marcar 26 pontos e pegar dez rebotes em quase 35 minutos.

“Tim foi sólido como sempre”, disse o técnico Gregg Popovich após o embate. “Ele tem atuado dessa maneira durante todo o ano. Dificilmente você o verá fazendo uma jogada espetacular para aparecer na TV; quem sabe uma jogada espetacular aos olhos de um treinador. Ele é o nosso porto seguro”, completou.

Quando perguntado sobre o assunto, o camisa 21 manteve a humildade que lhe é peculiar. “Nós sabíamos antes da partida que ia demorar um pouco para desenferrujarmos”, explicou. “Errei alguns arremessos no começo e só depois peguei no tranco. Meus companheiros movimentaram a bola bem e consegui algumas bandejas fáceis”, pontuou.

E mais…

Danny Green cada vez mais adaptado

O ala Danny Green tem sido um dos principais jogadores do San Antonio Spurs desde que ganhou a vaga de titular. Em entrevista concedida ao site Fay Observer, o camisa 4 disse que estar na NBA ainda parece um sonho, mas que é preciso manter o foco para continuar evoluindo.

“Meu sonho sempre foi chegar à NBA”, afirmou. “Quando você alcança esse objetivo, você percebe que é difícil conseguir um time, fazer parte dos planos de um treinador. Ainda nem acredito que conquistei isso tudo. Me sinto um dos caras mais sortudos do mundo”, concluiu o ala-armador.

Apesar do bom momento, Green sabe que é preciso continuar dando duro para atingir um outro nível de maturidade. “É necessário manter a humildade. Você aproveita essa fase, claro, mas tem que trabalhar duro para continuar fazendo as coisas que te levaram aonde você chegou”, finalizou.

George Karl acredita que o título ficará entre Spurs e Thunder

Enquanto muitos apostam que o Miami Heat ganhará o título desta temporada, o técnico George Karl, do Denver Nuggets, acredita que o troféu ficará na costa oeste. Em entrevista concedida ao site da ESPN norte-americana, Karl apontou San Antonio Spurs e Oklahoma City Thunder como favoritos ao título da NBA. Segundo ele, quatro ou cinco times da Conferência Oeste teriam capacidade para derrotar LeBron James e companhia. Será?