Arquivo da categoria: Pré-Temporada

Spurs (3-2) @ Magic (2-3) – Fechando com vitória

 100×81

Encerrando sua participação na pré-temporada, o San Antonio Spurs foi até a Flórida para enfrentar o Orlando Magic e venceu o adversário pelo placar de 100 a 81. Com campanhas iguais até então, as equipes estavam em estágio similar na fase de preparação, e o time da casa era um adversário bom para um teste do renovado alvinegro. Vamos aos destaques do jogo.

Spurs se despediu com vitória sobre o Magic (Reprodução/nba.com/magic)

Astros em alta

Os destaques do Spurs no jogo foram DeMar DeRozan, com 20 pontos, e Patty Mills, que saiu do banco de reservas para contribuir com 15 pontos. Outro que também chamou a atenção foi o ala-pivô LaMarcus Aldridge, que terminou a partida com 13 pontos e 15 rebotes.

Rotação tomando forma

A equipe titular foi composta por Bryn Forbes, DeMar De Rozan, Davis Bertas, LaMarcus Aldrigde e Jakob Poeltl. Vindo do banco, participaram Patty Mills, Nick Johnson, Marco Belinelli, Quincy Pondexter, Dante Cunningham, Okaro White, Chimezie Metu e Pau Gasol.

O Spurs dominou a primeira metade do jogo, fazendo 22 a 10 no primeiro quarto e indo para os vestiários vencendo por 40 a 30. Na metade final, o alvinegro manteve o ritmo forte apresentado no primeiro tempo, vencendo a terceira parcial por 31 a 22 e encaminhando o triunfo.

Aproveitamentos médios

No jogo contra o Magic, o Spurs acertou 41% de seus arremessos de quadra e 32% de suas bolas de três, convertendo oito das 25 que arriscou. Além disso, conseguiu fazer 28 cestas dentro do garrafão. A equipe coletou 54 rebotes, sendo nove deles ofensivos, e ainda computou 24 assistências, seis roubos de bola, cinco tocos, 18 faltas e 13 desperdícios de posse.

Média da pré temporada

Rudy Gay foi o destaque da pré-temporada do Spurs, convertendo 66,7% de suas bolas de três e terminando com média de 15,3 pontos por partida, liderando a equipe nos fundamentos. DeMar DeRozan foi quem mais deu passes para cesta, quatro por jogo, e quem mais roubou bolas, 1,3 por exibição. DeJounte Murray foi quem mais coletou rebotes, com 5,7 por noite.

Próxima parada

O próximo jogo do Spurs é nesta quarta-feira (17/10), às 21h30, quando a equipe de San Antonio enfrenta o Minnesotra Timberwolves em sua estreia na temporada regular.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

DeMar DeRozan – 20 pontos e 2 roubos de bola

Patty Mills – 15 pontos e 4 assistências

LaMarcus Aldridge – 13 pontos, 15 rebotes, 4 assistências e 2 tocos

Pau Gasol – 10 pontos, 5 rebotes e 4 assistências

Orlando Magic

Evan Fournier – 23 pontos, 4 assistências e 4 rebotes

Mo Bamba – 15 pontos e 9 rebotes

Nikola Vucevic – 14 pontos, 12 rebotes e 4 assistências

Anúncios

Spurs (2-2) @ Hawks (2-2) – Cadê a defesa?

 127×130

Sem Dejounte Murray e Lonnie Walker IV, machucados, e LaMarcus Aldridge, poupado pelo técnico Gregg Popovich, o San Antonio Spurs visitou o Atlanta Hawks nessa quarta-feira (10) e foi derrotado pelo adversário pelo placar de 130 a 127 em amistoso de pré-temporada. A ausência de três dos melhores marcadores do elenco e o placar provam que a equipe texana pode ter dificuldades na defesa durante a campanha. Vamos aos destaques do confronto.

Spurs não foi páreo para o Hawks (Reprodução/airalamo.com)

Sem marcação

Apesar de se tratar apenas de um amistoso, o Spurs enfrentava um dos piores times da NBA e permitiu que o oponente marcasse pelo menos 30 pontos nos quatro quartos. Não precisando enfrentar Murray e Walker, dois dos melhores defensores de perímetro da equipe texana, e nem Aldridge, um dos melhores protetores de aro do alvinegro, o Hawks conseguiu acertar 58,3% de seus arremessos de quadra e 41,2% de suas bolas de três pontos. Dante Cunningham foi lançado como titular por Pop na tentativa de conter os adversários, mas com ele em quadra o time sofreu seis pontos a mais do que marcou. Quincy Pondexter, outro candidato a marcar os destaques rivais, nem sequer saiu do banco de reservas durante a partida.

Renovado

Mais uma vez, Rudy Gay foi o destaque do Spurs em um amistoso de pré-temporada. Com a ausência de Aldridge, poupado, o ala pôde explorar o poste baixo, posição que se sente confortável para produzir ofensivamente, e ainda converteu três dos seis arremessos de três pontos que arriscou, mostrando evolução no fundamento. Com isso, deixou a quadra com 28 pontos, cinco assistências e quatro rebotes em 31 minutos. Sua presença no time titular ao lado de Dante Cunningham deixa a equipe versátil, já que os dois podem atuar tanto na posição 3 quanto na posição 4, e faz com que o recém-contratado possa marcar o ala adversário mais perigoso, deixando Gay poupar um pouco de energia na defesa.

Grata surpresa

Elogiado por Pop por sua evolução desde que chegou ao Spurs, Bryn Forbes fez mais uma boa partida, registrando 22 pontos, dois rebotes e duas roubadas de bola em 23 minutos. Calibrado, acertou nove dos 11 arremessos de quadra que tentou e três das cinco bolas de três pontos que arriscou, cumprindo seu papel em quadra. Hoje é possível afirmar que só DeMar DeRozan, Rudy Gay e LaMarcus Aldridge têm lugar cativo na rotação. Atuações como essa podem pesar na hora que o técnico for distribuir minutos para quando a temporada regular começar.

Elenco tomando forma

Após a partida, o Spurs anunciou a dispensa do ala Josh Huestis. Assim, a franquia texana ficou com 18 jogadores sob contrato: Dejounte Murray, Derrick White, Patty Mills, Nick Johnson, Bryn Forbes, Lonnie Walker, Marco Belinelli, DeMar DeRozan, Quincy Pondexter, Dante Cunningham, Rudy Gay, Davis Bertans, LaMarcus Aldridge, Chimezie Metu, Pau Gasol, Jakob Poeltl, Okaro White e Drew Eubanks, os dois últimos em vínculos do tipo two-way. Na fase de preparação, uma equipe de NBA pode ter até vinte jogadores. Na temporada regular, esse número cai para 17 – 15 com contratos profissionais e mais dois em regime two-way.

Destaques da partida 

San Antonio Spurs

Rudy Gay – 28 pontos, 5 assistências e 4 rebotes

Bryn Forbes – 22 pontos e 2 roubos de bola

Derrick White – 15 pontos, 6 rebotes, 3 assistências e 2 tocos

DeMar DeRozan – 15 pontos e 6 assistências

Pau Gasol – 14 pontos, 10 assistências e 6 rebotes

Marco Belinelli – 12 pontos

Atlanta Hawks

Taurean Prince – 25 pontos e 6 rebotes

Trae Young – 22 pontos, 7 assistências, 3 rebotes e 2 roubos de bola

Alex Len – 16 pontos, 10 rebotes e 5 assistências

Kent Bazemore – 15 pontos e 3 assistências

DeAndre Bembry – 14 pontos, 5 rebotes e 2 roubos de bola

Alex Poythress – 12 pontos, 4 assistências e 3 rebotes

Jeremy Lin – 10 pontos e 3 rebotes

Spurs (2-1) x Rockets (2-1) – Muitos problemas à frente

https://i0.wp.com/content.sportslogos.net/logos/6/233/thumbs/23325472018.gif 93×108https://i2.wp.com/content.sportslogos.net/logos/6/230/thumbs/8xe4813lzybfhfl14axgzzqeq.gif

O San Antonio Spurs teve uma noite pra esquecer nesse domingo (7), quando foi derrotado em casa pelo Houston Rockets pelo placar de 108 a 93 em clássico texano válido pela pré-temporada. Além do revés para o rival, o alvinegro sofreu a baixa do armador Dejounte Murray, afastado das quadras por pelo menos seis meses. Confira os principais pontos da partida

Murray foi ao chão ao se lesionar (Soobum Im/USA Today Sports/Reuters

Murray se lesiona

DeRozan fez bom jogo (Jerry Lara/San Antonio Express-News)

O Spurs, já desfalcado do calouro Lonnie Walker IV, que passará por um procedimento no menisco do joelho direito e deve ficar fora de 6 a 8 semanas, também teve outra importante baixa durante a partida. Dejounte Murray acabou sentindo o joelho direito durante o segundo e, após exames realizados nesta segunda, ficou confirmada a ruptura do seu ligamento cruzado anterior. Como o período de recuperação é de no mínimo seis meses, o jovem armador corre o risco de estar fora da temporada.

Adversário com força máxima

Enquanto pelo lado do Spurs apenas DeMar DeRozan passou dos 30 minutos em quadra, o Rockets resolveu usar o máximo de suas estrelas para demonstrar força ao rival texano, com Chris Paul, James Harden e PJ Tucker superando a marca. Além disso, o recém-contratado Carmelo Anthony chegou aos 29 minutos de jogo.

Quem armará esse time?

Agora com a ausência de Murray, o promissor Derrick White terá mais oportunidades de estar em quadra junto ao australiano Patty Mills e dividir a responsabilidade de ser o armador do Spurs. Já com essa pressão, o jovem não fez boa partida, anotando apenas dois pontos e errando todos os sete arremessos de quadra que tentou em 18 minutos de participação.

Blossomgame fora

Após mais uma partida da pré-temporada, o Spurs começa a fechar seu elenco para a temporada regular, e Jaron Blossomgame foi dispensado segundo o jornalista Jabari Young, do site americano The Athletic. O ala, que foi campeão da G-League na última temporada pelo Austin Spurs, esteve presente nos três jogos amistosos feitos pela franquia texana na pré-temporada, acumulando totais de 11 pontos e cinco rebotes em 19 minutos.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

DeMar DeRozan – 22 pontos, 5 assistências, 2 roubos de bola e 2 tocos

Rudy Gay – 13 pontos, 6 rebotes e 2 roubos de bola

Marco Belinelli – 11 pontos

LaMarcus Aldridge – 10 pontos e 7 rebotes

Houston Rockets

James Harden – 21 pontos, 9 assistências e 5 rebotes

PJ Tucker – 19 pontos e 7 rebotes

Gerald Green – 13 pontos

Carmelo Anthony – 12 pontos e 6 rebotes

Chris Paul – 11 pontos, 9 assistências e 8 rebotes

Spurs (2-0) x Pistons (1-1) – Aquecendo

 117×93det

Seguindo com a fase de preparação para a temporada regular da NBA, o San Antonio Spurs atuou novamente em seus domínios e venceu com tranquilidade o Detroit Pistons nessa sexta-feira (05) pelo placar de 117 a 93. A seguir, confira os destaques do jogo.

20181005-untitled20181005-spurs-pistons-adriangarcia-sse_aa92875

Dejounte Murray teve outra ótima atuação (Reprodução/nba.com/spurs)

Diferente escalação

No segundo jogo pela pré-temporada, o técnico Gregg Popovich não hesitou e já começou com um quinteto titular diferente em relação ao do primeiro confronto. Sacou Pau Gasol, colocou Jakob Poeltl – que havia feito uma boa primeira aparição – e transferiu Rudy Gay para a segunda unidade, para dar mais força aos jogadores vindos do banco. Com isso, Patty Mills entrou na função de ala-armador, ao lado de Dejounte Murray e DeMar Derozan.

Ainda não poderemos afirmar se essa realmente será a escalação para as próximas partidas, afinal, só foram dois jogos até o momento e tudo muda na fase regular. O que dá para perceber é que Pop está criando diferentes cenários, tanto para começar jogos, como para o decorrer dos mesmos. Além disso, tem dado oportunidades para os jovens jogadores disponíveis no plantel, algo que em outros tempos demoraria muito mais tempo para acontecer.

20181005-untitled20181005-spurs-pistons-adriangarcia-sse_aa93303

Belinelli será força vindo do banco (Reprodução/nba.com/spurs)

Evolução

Pelo que tem apresentado até agora, Dejounte Murray é uma realidade. Não desconsiderando suas atuações na temporada passada, principalmente na parte defensiva, mas agora o armador evoluiu a ponto de mostrar que está completamente diferente. Nos dois primeiros jogos, o jovem xodó da franquia texana tem se mostrado muito mais focado, atacou a cesta, não tem hesitado para arremessar e sua mecânica e seleção de arremessos estão melhores, o que tem facilitado o jogo para seus companheiros. O camisa #5 terminou o duelo com 16 pontos e 11 rebotes, acertando sete dos 12 dos arremessos de quadra que tentou em 21 minutos.

Futuro

Para não falar só de Murray, temos de ser justos com os outros jovens do elenco. Derrick White novamente entrou bem vindo do banco, contribuindo com oito pontos, três assistências e três rebotes em 16 minutos.

Chimezie Metu e Jaron Blossongame foram bem também. Apesar de não terem tanto tempo de quadra, já mostram que têm muito teto para evoluir e se tornarem peças importantes no time.

Por fim, a maior das expectativas dos novos jogadores alvinegros para essa temporada está sobre o ala-armador Lonnie Walker IV, selecionado pela franquia no último Draft. O garoto, que não havia participado da vitória o Miami Heat, atuou por apenas cinco minutos – até se lesionar – e havia mostrado grande potencial, marcando seis pontos com bonitos highlights.

Sobre o problema, Walker terá que ficar de seis a oito semanas longe das quadras, tendo que ser submetido à uma cirurgia para reparar uma ruptura no menisco medial do joelho direito, mesma lesão que o incomodou quando ele ainda atuava na Universidade de Miami. Torceremos para que se recupere rápido e que as lesões o deixem de lado por muito tempo.

Próximo duelo

Já nesse domingo, o Spurs enfrentará o rival de divisão Houston Rockets, – novamente no AT&T Center. O rival também fez duas partidas nesta pré-temporada, tendo vencido uma e perdido a outra. O único desfalque será Lonnie Walker IV, e espera-se ver DeMar Derozan já mais habituado com seu novo time, jogando mais solto e apresentando o que todos esperam dele, formando uma ótima dupla com o ala-pivô LaMarcus Aldridge no quinteto inicial.

Destaques da partida 

San Antonio Spurs

Dejounte Murray – 16 pontos e 11 rebotes

LaMarcus Aldridge – 14 pontos e 3 rebotes

Pau Gasol – 13 pontos e 5 rebotes

Marco Belinelli – 12 pontos

Detroit Pistons

Andre Drummond – 18 pontos e 10 rebotes

Henry Ellenson – 11 pontos, 6 rebotes e 3 assistências

Stanley Johnson – 11 pontos e 4 rebotes

Spurs (1-0) x Pistons (1-0) – Pré-temporada

San Antonio Spurs x Detroit Pistons – Pré-temporada

Data: 05/10/2018

Horário: 21h30 (Horário de Brasília)

Local: AT&T Center

Onde assistir: NBA League Pass

Cotação no Apostas Online: Spurs 1,47 (favorito) x Pistons 2,50

Após vencer o Miami Heat em seu primeiro duelo na pré-temporada, no qual contou com um time bastante recheado de novas caras e diferente do que os torcedores estavam acostumados a ver nos últimos anos, o San Antonio Spurs recebe nessa sexta-feira o Detroit Pistons, que também só realizou uma partida até o momento, vencendo o Oklahoma City Thunder fora de casa. Este será o segundo compromisso de DeMar Derozan com a camisa alvinegra. Após ter uma estreia bastante discreta, o ala-armador está ainda se habituando ao modo de jogo do novo clube. Também devido aos testes que ocorrem nessa fase de preparação, o técnico Gregg Popovich visa dar tempo de quadra especialmente aos jovens, para que possam mostrar serviço e para que ele possa avaliar possíveis formações para o decorrer da temporada, bem como decidir quem ficará com a última vaga do elenco para quando os jogos oficiais começarem.

Clique aqui e compre seus ingressos para o jogo

dejounte murray

PG – Dejounte Murray

SG – DeMar DeRozan

SF – Rudy Gay

PF – LaMarcus Aldridge

C – Pau Gasol

Fique de Olho – Que a expectativa está cada vez mais alta em Dejounte Murray, todos sabem. O que resta é verificar se todo esse hype realmente se concretizará. Neste início de pré-temporada, o armador apresentou uma melhora significativa na mecânica de arremesso e demonstrou estar mais confiante para atacar a cesta, se mostrando mais solto e mais à vontade na quadra. Essa será a primeira temporada que o jovem poderá começar atuando de titular, podendo assim crescer de forma exponencial, realizando o desejo de todo torcedor texano.

detdrummond

PG – Jose Calderon

SG – Reggie Bullock

SF – Stanley Johnson

PF – Blake Griffin

C – Andre Drummond

Fique de Olho – Andre Drummond teve enorme participação no primeiro teste do Detroit Pistons, anotando 31 pontos e 16 rebotes em uma atuação para lá de dominante. O que resta saber é se ele se manterá assim no decorrer do ano, jogando ao lado de Blake Griffin e estando agora sob a tutela de Dwane Casey. Se conseguir adaptar seu jogo à nova NBA e se principalmente conseguir defender melhor, os adversários podem se preparar, pois o pivô é um atleta que tem todas as ferramentas para ser forte em todos aspectos se bem trabalhado.