Arquivo do autor:Sergio Neto

Spurs (13-14) vs Suns (4-23) – Temporada Regular

San Antonio Spurs vs Phoenix Suns – Temporada Regular

Data: 11/12/2018

Horário: 23h30 (Horário de Brasília)

Local: AT&T Center

Onde assistir: NBA League Pass

Depois de vencer o Utah Jazz por 110 a 97, o San Antonio Spurs volta a entrar em quadra nesta terça-feira (11) contra o pior time da temporada até aqui: o Phoenix Suns. Mas, não espere vida fácil já que os texanos foram vítimas de uma das únicas quatro vitórias do time do Arizona no campeonato até agora. Ao longo dos anos, os comandados de Gregg Popovich ficaram conhecidos por seu extremo empenho defensivo, e é nisso que a equipe aposta para se reerguer na temporada e ficar acima de 50% de aproveitamento nos duelos disputados.

Confrontos na temporada (1-1)

31/10/2018 – Spurs 120 @ 90 Suns

O Spurs visitou o Suns no primeiro confronto entre as equipes na temporada e levou a melhor sobre os adversários, sem grandes sustos. Sem Devin Booker e com Deandre Ayton pouco inspirado, DeMar DeRozan assumiu o protagonismo com 25 pontos, quatro rebotes e três assistências, enquanto LaMarcus Aldridge guardou 24 pontos e três rebotes.

14/11/2018 – Spurs 96 @ 116 Suns

Em um revés preocupante, o Spurs visitou o Suns no Arizona e perdeu pelo sonoro placar de 116 a 96, totalizando o quarto tropeço da equipe texana em seis jogos como visitante na temporada 2018/2019 até então. De um lado, DeMar DeRozan foi o destaque de San Antonio com 24 pontos, cinco rebotes e quatro assistências, enquanto TJ Warren fez 27 pontos, quatro rebotes e três roubos de bola.

PG – Derrick White

SG – Bryn Forbes

SFDeMar DeRozan

PF – Rudy Gay

C – LaMarcus Aldridge

Fique de Olho – DeMar DeRozan foi o principal jogador do Spurs nos dois confrontos com o Suns até aqui. Vindo de uma vitória sobre o Jazz, que serviu para empolgar a equipe, o ala-armador pode aproveitar do momento para liderar a equipe mais uma vez.  No triunfo sobre os rivais de Salt Lake City, guardou 26 pontos, com oito assistências e seis rebotes.

PG – De’Anthony Melton

SG – Mikal Bridges

SF – T.J. Warren

PF – Trevor Ariza

CDeandre Ayton

Fique de Olho – Primeira escolha do Draft deste ano, Deandre Ayton pode muito bem se aproveitar do garrafão do Spurs, que deve ir bem aberto com dois armadores, dois alas e um ala-pivô. Com a ausência de Devin Booker, o calouro tem sido o principal pontuador do Suns e contra a desgastante partida contra o Los Angeles Clippers fez 20 pontos e conquistou 12 rebotes.

Anúncios

Spurs (10-11) @ Timberwolves (11-11) – Apagão

 

89×128

Com um excelente desempenho defensivo contra uma das equipes reconhecidas justamente por conta deste fator, o Minnesota Timberwolves não tomou conhecimento do San Antonio Spurs e derrotou a equipe texana pelo placar de 128 a 89 na noite dessa quarta-feira (28). Foi o quarto triunfo seguido equipe de Mineápolis, que chega a 50% de aproveitamento na temporada pela primeira vez desde 31 de outubro. Vamos, a seguir, aos destaques do duelo:

Em jogo irreconhecível, Spurs perde para o Timberwolves (Foto: Reprodução/Gorgui Dieng Twitter)

Desastroso

Sem integrantes de seu vitorioso Big Three pela primeira vez desde 1997, o Spurs está longe de ser a equipe que já foi. O sistema defensivo do Wolves também não é o mesmo. O time de Minnesota tinha perdido 14 dos últimos 15 duelos com o alvinegro, mas desta vez conseguiu segurar os texanos para apenas 39,5% de aproveitamento nos arremessos de quadra.

O Timberwolves chegou a liderar por 48 pontos de vantagem antes de finalizar a partida com sua maior margem na história sobre os comandados de Gregg Popovich. O time da casa conseguiu o feito de limitar o Spurs a apenas nove pontos no segundo quarto, marca que fica na 15ª posição em dígitos únicos defendidos em um quarto na história da franquia.

O jogo

O Wolves ampliou a campanha para sete vitórias em nove partidas desde que mandou o descontente ala Jimmy Butler para o Philadelphia 76ers em troca de Robert Covington, Dario Saric, Jerryd Bayless e uma escolha de draft de segunda rodada. Os mandantes abriram o segundo quarto com uma sequência de 17 a 2, principalmente quando os reservas vieram à quadra. O time de Minnesota liderava por 57 a 34 no intervalo, marcando o pior placar do Spurs nesta temporada somando as duas primeiras parciais. Essa foi a toada do jogo até o fim.

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Jakob Poeltl – 14 pontos e 8 rebotes

Quincy Pondexter – 13 pontos e 4 rebotes

Marco Belinelli – 11 pontos

LaMarcus Aldridge – 10 pontos e 9 rebotes

DeMar DeRozan – 10 pontos

Minnesota Timberwolves

Robert Covington – 21 pontos e 9 rebotes

Karl-Anthony Towns – 16 pontos, 11 rebotes e 5 assistências

Derrick Rose – 16 pontos

Taj Gibson – 13 pontos e oito rebotes

Josh Okogie – 12 pontos

* Texto publicado pelo mesmo autor no site The Playoffs.

Spurs (7-5) @ Kings (8-6) – Tabu quebrado

 

99×104

Após vencer o Houston Rockets nesse sábado, o San Antonio Spurs voltou a entrar em quadra na noite dessa segunda-feira (12) e perdeu para o Sacramento Kings fora de casa por 104 a 99. A derrota marcou o fim de uma sequência de 14 triunfos seguidos dos comandados de Gregg Popovich sobre a equipe da Califórnia. Vamos, a seguir, aos destaque do confronto.

Willie Cauley-Stein terminou o duelo com double-double (Foto: Reprodução/Sacramento Kings Twitter)

A importância do resultado para eles

14 jogos em cerca de quatro anos. Foi isso que durou a hegemonia do Spurs sobre o Kings. Porém, mais do que a quebra do tabu em si, o triunfo representa muito para a franquia da Califórnia. A equipe encerrou série de quatro jogos em casa após perder para o Los Angeles Lakers, no domingo, jogando abaixo do esperado. Na ocasião, distribuiu só nove assistências ao todo. Contra o alvinegro, foram 27. São números expressivos diante de um adversário tradicional, vindo de um elenco formado por jovens promessas. Além disso, o banco dos mandantes fez 45 pontos e foi superior ao dos visitantes, que anotou 32. Vale lembrar que boa parte do plantel do time de Sacramento estava no colégio no dia 15 de novembro de 2014, quando a última conquista sobre Pop e companhia aconteceu.

Frio

No geral, o jogo foi equilibrado. Nenhuma equipe desgarrou. Apesar de ter liderado a terceira parcial, o Kings não abalou o Spurs como gostaria. “Houve apenas um monte de falta de comunicação, troca de posse e muitas coisas que nos fizeram desmoronar. Eles tiraram vantagem disso e acertaram os três chutes quando precisaram. Eles nos exploraram e nos fizeram virar a posse quando cometemos um erro”, disse DeMar DeRozan.

O Kings aproveitou o tiro frio do Spurs no terceiro período para assumir o controle. O time de San Antonio fez mais lances livres, oito, do que cestas de quadra, seis, na parcial, que acabou empatada em 21 pontos. No último quarto, o alvinegro até tentou deslanchar, conseguindo o empate em 90 pontos a 5:11 do fim, mas a equipe acabou esfriando e converteu apenas mais três arremessos até o estouro final do cronômetro, todas eles de três pontos.

Departamento médico

Pau Gasol, com dores no pé esquerdo, perdeu seu terceiro jogo consecutivo. Já Rudy Gay, que passou três anos com o Kings antes de assinar com o Spurs na temporada passada, voltou após perder três jogos com dores no calcanhar direito. O ala anotou 14 pontos e nove rebotes.

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

DeMar DeRozan – 23 pontos e 8 assistências

LaMarcus Aldridge – 14 pontos, 18 rebotes e 3 tocos

Rudy Gay – 14 pontos e 9 rebotes

Derrick White – 11 pontos e 5 assistências

Bryn Forbes – 10 pontos e 4 assistências

Sacramento Kings

Bogdan Bogdanovic – 22 pontos e 3 assistências

De’Aaron Fox – 19 pontos e 7 assistências

Buddy Hield – 14 pontos e 4 assistências

Willie Cauley-Stein – 13 pontos e 13 rebotes

Harry Giles – 12 pontos e 6 rebotes

Nemanja Bjelica – 11 pontos e 6 rebotes

Spurs (1-1) @ Blazers (2-0) – Primeiro tropeço

 

108×121

Após derrotar o Minnesota Timberwolves em seu primeiro compromisso da temporada, o San Antonio Spurs viajou até Oregon, onde enfrentou o Portland Trail Blazers nesse sábado (20). A equipe texana contou com mais uma boa atuação de DeMar DeRozan, mas acabou sendo superada pelos adversários por 121 a 108. Confira, a seguir, os destaque do duelo:

McCollum causou dor de cabeça aos defensores do perímetro (Reprodução/twitter.com/CJMcCollum)

Sinal de alerta ligado

Ok, talvez seja cedo fazer qualquer previsão para o restante da temporada, mas certos aspectos mostraram fragilidade nesses dois primeiros jogos. Entre eles, a defesa do perímetro. O Spurs até igualou o jogo no primeiro tempo, mas a marcação começou a prejudicar o segundo tempo da equipe, e foi aí que o Blazers aproveitou para abrir vantagem. Um setor que costumava contar com Danny Green, Kawhi Leonard e Kyle Anderson, que deixaram o Texas, e Dejounte Murray, machucado, hoje é um dos principais pontos e se melhorar no time.

De novo 28

DeRozan chegou ao Spurs com certas dúvidas. Não por causa do seu basquete em si, mas sim porque o ala-armador não gostou nem um pouco de deixar o Toronto Raptors. Vida nova, casa nova, e o jogador já se mostra bastante à vontade. Nos dois jogos desta temporada, anotou 28 pontos e se mostrou capaz de dividir com LaMarcus Aldridge a missão de liderar a equipe.

Próximo desafio

O Spurs volta a entrar em quadra na próxima segunda-feira, 22, quando visita o Los Angeles Lakers de LeBron James e companhia. O duelo está previsto para as 23h30 (de Brasília).

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

DeMar DeRozan – 28 pontos e 9 assistências

Bryn Forbes – 17 pontos e 3 assistências

LaMarcus Aldridge – 12 pontos, 8 rebotes e 5 assistências

Rudy Gay – 12 pontos e 7 rebotes

Davis Bertans – 11 pontos e 4 rebotes

Portland Trail Blazers

Damian Lillard – 29 pontos e 9 assistências

CJ McCollum – 24 pontos

Jusuf Nurkic – 12 pontos e 8 rebotes

Zach Collins – 11 pontos e 5 rebotes

Spurs (1-0) @ Blazers (1-0) – Temporada Regular

San Antonio Spurs @ Portland Trail Blazers – Temporada Regular

Data: 20/10/2018

Horário: 23h (Horário de Brasília)

Local: Moda Center

Onde assistir: SporTV e NBA League Pass

Após derrotar o Minnesota Timberwolves na última quarta-feira (17), o San Antonio Spurs agora faz primeiro compromisso fora do Texas na temporada 2018/2019 da NBA. O adversário da vez é o Portland TrailBlazers, que vem embalado por um triunfo em casa sobre o Los Angeles Lakers na estreia de LeBron James. O duelo contra a ex-equipe de LaMarcus Aldridge ficará marcado pela primeira derrota na campanha para uma das duas franquias.

PG – Bryn Forbes

SGDeMar DeRozan

SF – Rudy Gay

PF – LaMarcus Aldridge

C – Jakob Poeltl

Fique de Olho – Recém-chegado ao Spurs em troca que envolveu a ida de Danny Green e Kawhi Leonard ao Toronto Raptors, DeMar DeRozan provou que pode dividir com LaMarcus Aldridge a função de cuidar da pontuação da equipe. No primeiro compromisso da equipe texana, o ala-armador foi o cestinha do jogo com 28 pontos, acertando dez de seus 21 arremessos de quadra, além de ter coletado quatro rebotes e distribuído quatro assistências.

PGDamian Lillard

SG – CJ McCollum

SF – Jake Layman

PF – Al-Farouq Aminu

C – Jusuf Nurkic

Fique de Olho – O triunfo sobre o Lakers de LeBron James ficou marcado por uma característica do Blazers para esta edição da NBA: a manutenção do elenco. Enquanto os californianos reformularam o plantel, tendo o camisa 23 em foco, a equipe do Oregon optou por manter a base e reforçar alguns pontos. Prova disso foi o desperdício dos ataque de um lado e o aproveitamento do outro. Damian Lillard foi um dos responsáveis pela estreia com vitória nesta temporada. O armador anotou 28 pontos, seis rebotes e quatro assistências.