Arquivo do autor:Lucas Pastore

Arritmia afasta LaMarcus Aldridge

Nesse sábado (11), o San Antonio Spurs anunciou que foi detectada uma arritmia cardíaca no ala-pivô LaMarcus Aldridge, titular da equipe texana nas duas últimas temporadas. Com isso, o jogador do alvinegro vai ficar afastado das quadras por um período indeterminado.

Força, Aldridge! (Getty Images)

De acordo com Gregg Popovich, técnico do Spurs, os exames foram feitos após Aldridge se sentir estranho durante a derrota para o Oklahoma City Thunder. Vale lembrar que, em 2007, o ala-pivô foi diagnosticado com Síndrome de Wolff-Parkinson-White, tipo de arritmia cardíaca, mas foi prontamente operado. Por isso, esperava-se que a condição não retornasse.

Aldridge, que tem médias de 17,3 pontos e 7,4 rebotes em 32,6 minutos por exibição na temporada, deve ser submetido a novos exames nos próximos dias pela franquia texana.

Spurs (50-14) @ Thunder (36-29) – Parou em nove

https://i2.wp.com/content.sportslogos.net/logos/6/233/thumbs/827.gif92×102

Nessa quinta-feira (10), o San Antonio Spurs visitou o Oklahoma City Thunder e acabou derrotado pelo placar de 102 a 92, interrompendo sua sequência de resultados positivos após nove vitórias. Vamos, a seguir, aos destaques do confronto.

Murray foi mais uma vez titular (Reprodução/nba.com/spurs)

Situação na tabela

Com a derrota, o Spurs está agora dois jogos atrás do Golden State Warriors, líder da Conferência Oeste. Vale lembrar que ainda restam dois confrontos diretos – o primeiro deles no sábado, no AT&T Center, no próximo compromisso do time texano. Como o alvinegro venceu o primeiro duelo, será preciso apenas mais um triunfo para garantir a vantagem do desempate caso as duas equipes terminem com a mesma campanha.

Forbes ganhou tempo de quadra (Reprodução/nba.com/spurs)

Prévia?

Spurs e Thunder entraram em quadra como segundo e sétimo colocados no Oeste, respectivamente, o que configurava uma possível prévia para os playoffs. Porém, com a vitória, os donos da casa ultrapassaram o Memphis Grizzlies na classificação. Mesmo se os times voltarem a se encontrar na pós-temporada, as coisas devem ser diferentes, já que o alvinegro estava sem Tony Parker, machucado, e Manu Ginobili, poupado. Kyle Anderson, que poderia ser opção para substituir o segundo, também está lesionado. Com isso, Bryn Forbes, novato que menos tempo de quadra teve no campeonato, jogou 16 minutos, anotando dois pontos, dois rebotes e uma assistência.

Preocupa?

Kawhi Leonard levou uma pancada durante o jogo e nem sequer entrou em quadra no quarto período. De acordo com Gregg Popovich, o ala não voltou por jogo por precaução, e a comissão técnica deve reavaliá-lo em breve. Medida fundamental tratando-se de um jogo que já estava praticamente perdido, já que o próximo duelo é contra o Warriors e vale muita coisa.

Fim da marca

O Spurs era um dos únicos três times da NBA que nunca haviam permitido um triplo-duplo de Russell Westbrook. Era… na noite dessa quinta-feira, o armador do Thunder deixou a quadra com 23 pontos, 13 assistências e 13 rebotes, além de duas roubadas de bola, para colocar fim à escrita. Somente Charlotte Hornets e Chicago Bulls seguem “invictos” no quesito.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Kawhi Leonard – 19 pontos

Pau Gasol – 18 pontos e 7 rebotes

LaMarcus Aldridge – 17 pontos e 6 rebotes

Oklahoma City Thunder

Russell Westbrook – 23 pontos, 13 assistências, 13 rebotes e 2 roubos de bola

Victor Oladipo – 20 pontos, 4 rebotes e 3 assistências

Enes Kanter – 14 pontos e 10 rebotes

Doug McDermott – 11 pontos

Spurs (50-13) @ Thunder (35-29) – Temporada Regular

San Antonio Spurs @ Oklahoma City Thunder – Temporada Regular

Data: 09/03/2017

Horário: 22h00 (Horário de Brasília)

Local: Chesapeake Energy Arena

Onde assistir: NBA League Pass

O San Antonio Spurs, segundo colocado na Conferência Oeste, visita o Oklahoma City Thunder, sétimo, em uma possível prévia para os playoffs desta temporada. Vindo de nove vitórias consecutivas, melhor sequência da NBA, o time texano poupou Kawhi Leonard da vitória sobre o Sacramento Kings, na noite anterior, somente o lesionado Kyle Anderson deve ser baixa. A equipe visitante, por sua vez, tem todo o elenco à disposição.

Clique aqui e compre seus ingressos para o jogo

Confrontos na temporada (1-0):

31/01/2017 – Spurs 108 x 94 Thunder

No primeiro duelo da temporada, o Spurs venceu com grande atuação de Kawhi Leonard, que deixou a quadra com 36 pontos, oito rebotes e quatro assistências.

PG – Tony Parker

SG – Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – LaMarcus Aldridge

C – Dewayne Dedmon

Fique de Olho – Depois de ser poupado da vitória sobre o Kings, Kawhi Leonard volta para comandar o ataque do Spurs e provavelmente marcar Russell Westbrook, um de seus maiores adversários na briga pelo prêmio de MVP do campeonato. Na temporada, o ala tem médias de 26,3 pontos, seis rebotes e 3,4 assistências em 33,7 minutos por exibição.

PG – Russell Westbrook

SG – Victor Oladipo

SF – Andre Roberson

PF – Domantas Sabonis/Taj Gibson

C – Steven Adams

Fique de Olho – Reforço do Pelicans para a reta final da temporada, Taj Gibson é um daqueles jogadores físicos de garrafão que costumam dar trabalho para o Spurs. Desde que chegou, o ala-pivô tem médias de 7,4 pontos e 4,6 rebotes em 23,2 minutos por jogo.

Leonard é eleito o jogador da semana no Oeste

Nessa segunda-feira (7), o San Antonio Spurs anunciou que Kawhi Leonard, ala do time texano, foi eleito o jogador da semana na Conferência Oeste. Foi a quarta vez na carreira que o astro levou a honraria, igualando George Gervin e ficando atrás apenas de Tony Parker (oito vezes), David Robison (14) e Tim Duncan (23) na história da franquia.

Leonard viveu semana histórica (Reprodução/NBA.com/Spurs)

Durante a semana em questão, Leonard teve médias de 32 pontos, nove rebotes, 4,3 assistências e quatro roubadas de bola em 39,4 minutos por exibição, ajudando o Spurs a vencer os três jogos que fez no período. O primeiro triunfo veio sobre o Indiana Pacers, quando o ala fez a cesta derradeira e deixou a quadra com 31 pontos, dez rebotes e três roubadas de bola. O segundo foi sobre o New Orleans Pelicans, quando o astro registrou 31 pontos, sete rebotes, seis assistências e três roubadas de bola e foi decisivo com sua marcação. Finalmente, o último foi sobre o Minnesota Timberwolves, com 34 pontos, dez rebotes, seis roubadas de bola e cinco assistências do craque da camisa #2.

No período, Leonard se juntou a George Gervin e David Robinson na lista dos únicos jogadores da história do Spurs com pelo menos 20 jogos com 30 ou mais pontos em uma temporada. Além disso, foi apenas o segundo jogador da história da franquia a registrar ao menos 30 pontos, dez rebotes, cinco assistências e cinco roubadas de bola em um jogo.

Leonard já marcou 30 ou mais pontos em 22 jogos no campeonato, o máximo que um jogador do Spurs conseguiu desde que Robinson registrou 23 na temporada 1995/1996. O ala registrou dígitos duplos em pontuação nos últimos 90 jogos, sexta maior sequência ativa da NBA e a maior da franquia desde que Tim Duncan chegou a 91 na temporada 2003/2004. Depois de se tornar o sexto jogador a atingir seis mil pontos mais rapidamente pelo alvinegro, o craque ainda pode se tornar o primeiro com média de pelo menos 25 pontos por exibição desde que The Big Fundamental conseguiu na temporada 2001/2002.

Na temporada, Leonard tem médias de 26,1 pontos (melhor da carreira) e 6,2 rebotes em 33,6 minutos por jogo, com 48,5% de aproveitamento nos arremessos de quadra, 37,9% nas bolas de três e 89,3% nos lances livres (melhor da carreira). O ala é o quinto melhor da NBA em roubos, sétimo em pontuação e oitavo no aproveitamento dos lances livres.

Kemba Walker, do Charlotte Hornets, levou a honraria na Conferência Leste.

Spurs (47-13) @ Pelicans (24-38) – Mills grau

https://i2.wp.com/content.sportslogos.net/logos/6/233/thumbs/827.gif101×98

Nessa sexta-feira (3), o San Antonio Spurs visitou o New Orleans Pelicans e venceu o adversário por 101 a 98, em jogo decidido na prorrogação. A equipe texana contou com arremessos decisivos de Patty Mills para triunfar. Vamos aos destaques do confronto.

Mills foi decisivo (Layne Murdoch/NBAE via Getty Images)

Mills foi decisivo (Layne Murdoch/NBAE via Getty Images)

Spurs Mills grau

Os arremessos de três pontos de Patty Mills foram decisivos para o Spurs sair do jogo com a vitória. Na prorrogação, o armador australiano acertou primeiro a bola que colocou o time texano na frente pela primeira vez na parcial, com 97 a 94 restando 2:17 para o fim. Depois, converteu mais um tiro do perímetro, abrindo 100 a 96 a favor do alvinegro. O jogador deixou a quadra com 15 pontos e duas roubadas de bola em 29 minutos.

Leonard jogou muito outra vez (Layne Murdoch/NBAE via Getty Images)

Leonard jogou muito outra vez (Layne Murdoch/NBAE via Getty Images)

Ladrão

Mais uma vez cestinha de um jogo do Spurs, Kawhi Leonard anotou 31 pontos, sete rebotes, seis assistências e três roubadas de bola em 40 minutos contra o Pelicans. Apesar da fundamental contribuição ofensiva, foi no último fundamento que o craque foi decisivo. Primeiro no minuto final do tempo regulamentar, quando o astro do time texano tomou a bola de Jrue Holiday e cortou a diferença para um ponto. Depois, na prorrogação, quando bateu a carteira de DeMarcus Cousins e assistiu à primeira bola de três decisiva de Mills anteriormente citada.

Histórico

A vitória sobre o Pelicans trouxe grandes números para Kawhi Leonard e o Spurs. O ala passou da marca dos 30 pontos pela 21ª vez na temporada, aumentando seu recorde pessoal, e chegou aos dígitos duplos pela 89ª vez seguida, maior marca da história da franquia desde que o lendário Tim Duncan atingiu 93 em 2001.

Além disso, o recorde de 47-13 marca a terceira melhor campanha de todos os tempos do alvinegro nesta altura do campeonato. Mais uma temporada histórica para a torcida do Spurs.

Sequência difícil

Kawhi Leonard e LaMarcus Aldridge jogaram 40 minutos contra o Pelicans. Danny Green e Pau Gasol jogaram 36, Tony Parker jogou 24 e Manu Ginobili jogou 21. É provável que alguns desses jogadores sejam poupados pelo técnico Gregg Popovich no duelo contra o Minnesota Timberwolves, que acontece já neste sábado, no AT&T Center.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Kawhi Leonard – 31 pontos, 7 rebotes, 6 assistências e 3 roubos de bola

LaMarcus Aldridge – 21 pontos, 15 rebotes e 3 tocos

Patty Mills – 15 pontos e 2 roubos de bola

Pau Gasol – 13 pontos e 8 rebotes

New Orleans Pelicans

Anthony Davis – 29 pontos, 9 rebotes e 3 assistências

Jrue Holiday – 26 pontos, 7 rebotes e 5 assistências

DeMarcus Cousins – 19 pontos, 23 rebotes e 4 assistências