Arquivo do autor:Lucas Santos

Spurs (6-4) vs Heat (5-5) – Noite Difícil

sanantoniospurs88×95Imagem relacionada

Após ser derrotado pelo Orlando Magic, o San Antonio Spurs enfrentou o Miami Heat, também da Flórida, e não conseguiu mudar o resultado, perdendo para o Miami Heat por 95 a 88, nessa quarta-feira (8), com um roteiro parecido. Veja, a seguir, os detalhes do confronto.

Photos from Wednesday's game versus the Miami Heat

Patty Mills foi um dos destaques do Spurs na derrota (Reprodução/NBA.com/Spurs)

Começo devagar

A equipe de San Antonio entrou em quadra com uma atuação apática e logo no início da partida já estava em situação complicada. Com cinco tocos de Hassan Whiteside, o Heat liderava por 15 a 4 quando Gregg Popovich resolveu trocar todo o quinteto, acionando a segunda unidade. Foi, então, que o Spurs teve um pequeno lampejo, mas não o suficiente para tirar a diferença aberta pelos mandantes. Outro momento bom só foi surgir no último período, quando já era tarde.

Fagulha

Photos from Wednesday's game versus the Miami Heat

Forbes teve bons momentos  (Reprodução/NBA.com/Spurs)

Patty Mills foi um dos responsáveis por manter o Spurs no jogo em diversos momentos e surpreendeu em uma função que geralmente não precisa exercer. Com 11 pontos seguidos no primeiro quarto, impediu que a partida fosse um atropelo ainda maior. Infelizmente, o australiano teve sua melhor atuação da temporada em uma ocasião que será lembrada negativamente.

Sem Resposta

Hassan Whiteside abusou da defesa do Spurs. O pivô conseguiu desequilibrar o jogo de maneira totalmente inesperada. Quando os texanos atacavam, ele estava sempre embaixo do aro realizando uma proteção excelente, como mostra seu número de tocos. No ataque, o camisa 21 dominou o garrafão alvinegro, e ninguém foi capaz de neutralizá-lo durante o jogo.

Promissor

Enfim recuperado de lesão, Derrick White não viu tanta ação quanto era esperado, mas sua estréia na temporada trouxe sinais promissores.

No ataque, o armador se mostrou paciente e disposto a encontrar sempre um bom arremesso para os companheiros, apesar de ter mostrado uma tendência a infiltrar sempre para passar, sem buscar a cesta. Na marcação, o camisa #4 está sofrendo uma certa pressão. É esperado que o seu retorno transforme a defesa do time, o que não irá ocorrer, apesar de suas contribuições terem sido certamente positivas. Resta esperar para ver como o segundanista irá se portar nessa temporada, na qual terá uma função mais importante.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Patty Mills – 20 pontos

Davis Bertans – 19 pontos

DeMar DeRozan – 18 pontos, 14 rebotes e 8 assistências

Bryn Forbes – 12 pontos

Miami Heat

Hassan Whiteside – 29 pontos, 20 rebotes e 9 tocos

Wayne Ellington – 20 pontos

Josh Richardson – 14 pontos, 5 assistências e 5 rebotes

Anúncios

Spurs (2-2) vs Pacers (3-2) – Atuação Apática

sanantoniospurs96×116ind1

O San Antonio Spurs retornou aos seus domínios na noite dessa quarta-feira (25) para enfrentar o Indiana Pacers. A partida, que ocorreu após os alvinegros vencerem o Los Angeles Lakers na Califórnia após emocionante prorrogação, foi um triunfo fácil para os visitantes e resultou na primeira derrota dos texanos em casa. Veja, a seguir, os destaques do confronto:

Photos from Wednesday's game versus the Indiana Pacers in San Antonio.

DeRozan foi o cestinha da equipe na derrota (Reprodução/nba.com/Spurs)

Defesa

O Spurs entrou em quadra embalado por conta de sua primeira vitória fora de casa na temporada, e buscava, em seus domínios, continuar com os resultados positivos. Porém, a defesa dos texanos se mostrou muito fraca para o excelente ataque do Pacers, que além de bem executado e planejado, contou com a mão quente de seus jogadores, que tiveram 52,9% de aproveitamento nos arremessos de quadra, contra 40,2% dos mandantes. Gregg Popovich viu a equipe sofrer com a falta de comunicação e química no lado defensivo da quadra, coisas normais para um elenco ainda tão novo, mas, em certos momentos, a falta de dedicação dos atletas foi o diferencial, algo inadmissível para o técnico, que certamente irá corrigir esses erros.

Azar

Photos from Wednesday's game versus the Indiana Pacers in San Antonio.

DeRozan mais uma vez foi protagonista (Reprodução/nba.com/Spurs)

Os jogadores do Spurs não tiveram uma boa partida. No geral, todos deixaram a desejar, e, no ataque, a equipe viu um aproveitamento pífio nos arremessos impedir uma possível virada. Foi uma noite ruim no ataque por conta do azar, e na próxima partida o time deve ter uma atuação melhor no setor.

Ajustes

Depois do verão mais movimentado da história da franquia, com muitas contratações e saídas, o Spurs se encontra incapaz de colocar um quinteto em quadra com 100 minutos de experiência junto. Com a falta de conhecimento e entrosamento entre os jogadores, é normal que ocorram noites inconstantes e frustrantes, mas, com apenas quatro jogos realizados, ainda não é tempo para decisões precipitadas. Popovich ainda é um dos melhores técnicos da história do basquete e só precisa de tempo para encontrar a solução para a equipe, à medida em que todos estão se conhecendo.

Paciência

A defesa tem sido, sem dúvidas, a principal preocupação da comissão técnica do Spurs. A temporada ainda está no começo e, apesar de levar um tempo, a marcação do time tem potencial para ser consertado. Na entrevista pós-jogo, Gregg Popovich afirmou que a equipe está “tendo um desafio defensivo”, mas afirmou que irá focar no problema nos treinos e mostrou confiança no elenco, que descreveu como “um grupo disposto a aprender”.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

DeMar DeRozan – 18 pontos e 4 assistências

LaMarcus Aldridge – 15 pontos e 13 rebotes

Bryn Forbes – 15 pontos

Rudy Gay – 11 pontos e 10 rebotes

Indiana Pacers

Victor Oladipo – 21 pontos, 9 assistências e 5 rebotes

Tyreke Evans – 19 pontos e 5 assistências

Domantas Sabonis – 16 pontos e 10 rebotes

Spurs (2-1) vs Pacers (2-2) – Temporada Regular

San Antonio Spurs vs Indiana Pacers – Temporada Regular

Data: 24/10/2018

Horário: 21h30 (Horário de Brasília)

Local: AT&T Center

Onde assistir: NBA League Pass

Depois de vencer o Los Angeles Lakers fora de casa e encerrar um jejum de triunfos longe do AT&T Center, o San Antonio Spurs volta a seus domínios onde enfrenta o Indiana Pacers.

Clique aqui e compre seus ingressos para o jogo

DeMar DeRozan

PG – Bryn Forbes

SG – DeMar DeRozan

SF – Rudy Gay

PF – LaMarcus Aldridge

C – Jakob Poeltl

Fique de Olho – DeMar DeRozan tem sido a engrenagem que faz o ataque da equipe de San Antonio funcionar nessa temporada, ficando responsável por criar jogadas tanto para si quanto para seus companheiros. Na última partida, foram 14 assistências, e o ala-armador deve ter mais uma grande noite, tanto na pontuação quanto na distribuição do jogo. Até aqui, o camisa #10 possui médias de 29,3 pontos e nove assistências em 39,3 minutos por partida.

ind1Victor Oladipo

PG – Darren Collison

SG – Victor Oladipo

SF – Bojan Bogdanovic

PF – Thaddeus Young

C – Myles Turner

Fique de Olho – Depois de vencer o prêmio de jogador que mais evoluiu e ser eleito para o terceiro quinteto ideal da temporada passada, Victor Oladipo busca seguir sua trajetória em Indiana com as mesmas glórias do último ano. Agora um jogador respeitado e nível All-Star, o jovem tem médias de 21,5 pontos e três assistências em 31 minutos por partida.

Spurs (2-1) vs Lakers (0-3) – Tabus encerrados

sanantoniospurs143×142lakers_logo_500

Depois de ser derrotado pelo Portland TrailBlazers fora de casa, o San Antonio Spurs, em mais uma partida fora de seus domínios, venceu o Los Angeles Lakers na Califórnia pelo placar de 143 a 142. Com isso, os texanos atrasaram a primeira vitória de LeBron James pelos angelinos e, de quebra, encerram dois tabus da equipe. Vamos, a seguir, aos destaques do jogo.

Photos from Monday night's game versus the Los Angeles Lakers in overtime.

DeRozan e Aldridge lideraram a equipe, e Gay e Mills foram decisivos (Reprodução/nba.com/Spurs)

O Jogo

O Spurs entrou em quadra com uma mudança no quinteto inicial. Dante Cunningham entrou como titular, e sua presença defensiva foi forte ao longo do primeiro tempo, quando o jogador limitou LeBron a 25% de aproveitamento nos arremessos de quadra. Os texanos começaram o jogo com um aproveitamento espetacular e rapidamente abriram dois dígitos de vantagem. A partir disso, os comandados de Gregg Popovich administraram a vantagem até o último quarto, quando o Lakers assumiu a liderança e eventualmente levou o jogo a prorrogação. Nela, a equipe de San Antonio conseguiu uma virada no último minuto, com uma bola de três de Rudy Gay seguida por um arremesso de média distância de Patty Mills.

Líder

Photos from Monday night's game versus the Los Angeles Lakers in overtime.

DeRozan brilhou na armação (Reprodução/nba.com/Spurs)

LaMarcus Aldridge começou a temporada com um arremesso ruim, mas, nesse jogo, mostrou o motivo de ter sido eleito para um dos quintetos ideais da NBA na última temporada. O astro abusou dos pivôs adversários, conseguiu acertar suas bolas e cavar faltas, sendo importantíssimo na reta final, quando DeMar DeRozan caiu de produção. O camisa #12 provou que é um dos melhores jogadores do garrafão, e sua atuação foi importantíssima para a vitória.

DeMar “DeFrozen”

DeRozan estava em uma noite inspiradíssima, prestes a concluir um dos jogos mais memoráveis de sua carreira, com bom aproveitamento nos arremessos e distribuição de jogo fenomenal. O ala-armador fez o time inteiro funcionar, e suas 14 assistências, melhor marca da sua carreira, refletiram isso. Porém, com a chegada dos minutos finais, o camisa #10 pareceu perder o ritmo e se abater com o cansaço, deixando a desejar e cometendo uma série de erros ao longo do último período e da prorrogação, o que quase custou a vitória do Spurs.

Porém, sua habilidade de organizar o ataque tem se mostrado fundamental até aqui, e o mais novo membro do alvinegro tem de tudo para ter seu melhor ano em termos de armação.

Coadjuvantes brilhando

Apesar do foco em DeRozan e Aldridge, o elenco como um todo teve boas atuações. Marco Belinelli acertou suas tradicionais bolas de três, Bryn Forbes mostrou confiança em seu arremesso e converteu tentativas decisivas, Rudy Gay teve mais uma noite eficiente nos dois lados da quadra e Patty Mills foi responsável pela cesta da vitória. O time parece ter engrenado nos tiros do perímetro após ter sido um dos piores no fundamento no ano passado. Todos os jogadores contribuíram com a vitória, que marcou a desde longe do AT&T Center, além de encerrar uma sequência de derrotas contra os rivais de Los Angeles.

Destaques da partida

San Antonio Spurs:

LaMarcus Aldridge – 37 pontos, 10 rebotes e 5 assistências

DeMar DeRozan – 32 pontos, 14 assistências e 8 rebotes

Rudy Gay – 16 pontos e 6 rebotes

Bryn Forbes – 16 pontos

Patty Mills – 12 pontos e 3 assistências

Los Angeles Lakers

Kyle Kuzma – 37 pontos, 8 rebotes e 3 assistências

LeBron James – 32 pontos, 14 assistências e 8 rebotes

Josh Hart – 20 pontos e 10 rebotes

Spurs (1-1) @ Lakers (0-2) – Temporada Regular

San Antonio Spurs vs Los Angeles Lakers – Temporada Regular

Data: 22/10/2018

Horário: 23h30 (Horário de Brasília)

Local: Staples Center

Onde assistir: NBA League Pass

Depois de sofrer seu primeiro tropeço na temporada ao perder para o Portland TrailBlazers, o San Antonio Spurs viaja até a Califórnia para enfrentar o Los Angeles Lakers, que vai para a partida com Rajon Rondo e Brandon Ingram suspensos após briga no jogo contra o Houston Rockets. O alvinegro entra em quadra buscando encerrar um jejum de vitórias longe do AT&T Center, que perdura desde fevereiro, quando os comandados de Greg Popovich venceram o Cleveland Cavaliers, que à época era liderado por LeBron James.

Clique aqui e compre seus ingressos para o jogo

aldridge

PG – Bryn Forbes

SG – DeMar DeRozan

SF – Rudy Gay

PF – LaMarcus Aldridge

C – Jakob Poeltl

Fique de Olho – LaMarcus Aldridge foi o principal nome da última temporada do Spurs e foi o líder na campanha para a pós-temporada. Com a chegada de DeMar DeRozan, o protagonismo passou a ser dividido entre os dois. Com um início difícil em termos de arremesso, o ala-pivô busca se recuperar de uma partida ruim contra o Blazers. Com o garrafão do Lakers sem grandes nomes, essa é a chance ideal para o camisa #12 ter um grande jogo.

lakers_logo_500LeBron James

PG – Lonzo Ball

SG – Kentavious Caldwell-Pope

SF – LeBron James

PF – Kyle Kuzma

C – JaVale McGee

Fique de Olho – Depois de cumprir sua promessa e levar um título à cidade de Cleveland, LeBron James começa a contar sua história em Los Angeles. O ala assinou um contrato de quatro anos com o Lakers na última offseason e busca sua primeira vitória com a equipe.