Arquivo do autor:Leonardo Sacco

Prospecto do Spurs pode ser trocado por lateral

Mesmo que indiretamente, o San Antonio Spurs está envolvida em uma das situações mais curiosas recentes do esporte. Uma troca entre um clube de futebol e um de basquete.

Direitos de Hanga pertencem ao Spurs (Reprodução/nba.com)

A figura central dessa história, pelo lado da bola laranja, é o ala húngaro Adam Hanga, velho conhecido do Spurs. Selecionado pela equipe texana no Draft de 2011, ele segue fazendo carreira na Europa, onde atuará pelo Barcelona na próxima temporada.

Depois se destacar pelo Laboral Kutxa, também da Espanha, ele chegou ao clube catalão. Que, de antemão, talvez se desfaça de um dos jogadores de seu elenco de futebol para poder concretizar o negócio. E o escolhido seria o folclórico brasileiro Douglas.

O negócio depende apenas da aprovação de Josea Querejeta, presidente do Kutxa e que também é o todo poderosos no Alavés, tradicional clube de futebol espanhol. E, segundo jornal catalão Sport, Douglas seria o motivo pelo qual Hanga será liberado. 

Sem espaço no clube catalão, Douglas deve migrar para o Alavés em breve. Com isso, Hanga deve assinar com o Barcelona e, aos 27 anos, ficar cada vez mais longe de jogar no Spurs.

Spurs envia Diaw para o Jazz para assinar com Gasol

Se você esperava que o San Antonio Spurs adquirisse algo de valor em troca de Boris Diaw, pode tirar o cavalinho da chuva. O francês foi para o Utah Jazz em troca de Olivier Hanlan. 

Adeus, gordinho saliente! (Reprodução/nba.com/spurs)

Quem?

Isso mesmo, Olivier Hanlan.

O jogador, que pode atuar como armador ou como ala-armador, é totalmente desconhecido do público de NBA porque nunca atuou na liga. Canadense, ele foi selecionado pelo Jazz no Draft de 2015, na segunda rodada. Mas nunca chegou a atuar pelo time de Salt Lake City.

Diferente de muitos jogadores que jogam na Europa, ele fez faculdade nos Estados Unidos. Mais especificamente pelo Boston College, onde se tornou o primeiro jogador desde 2003 a vencer um prêmio de jogador do mês na NCAA defendendo as cores da equipe.

A movimentação não foi feita para ajudar a reforçar o elenco, e sim para permitir a chegada do ala-pivô espanhol Pau Gasol. Para assinar com o agente livre, o Spurs precisava se desfazer do contrato expirante de Diaw. E, por isso, já se esperavam propostas baixas.

Na última temporada, Hanlan atuou pelo Zalgiris Kaunas, da Lituânia. Pelo Canadá, foi destaque em algumas seleções de base, com seu ápice em 2010, quando foi terceiro colocado no Mundial Sub-17. Nascido em 1993, ele completou 23 anos em fevereiro deste ano.

O jogador esteve em quadra contra o Spurs nessa segunda (4), em jogo da Summer League.

VAIVÉM: Veja quem chega, quem sai e os rumores sobre o Spurs

Após optar por sair do Spurs, West reforça o Warriors

Mais uma baixa para o San Antonio Spurs. Mais uma vez causada pelo Golden State Warriors. Mas dessa vez mais esperada. David West, que esteve no time texano na última temporada, está de mudança para a Califórnia para jogar com Stephen Curry e Kevin Durant.

Eis o novo colega de Curry e Durant (Tom Reel/San Antonio Express-News)

Justo. Afinal, quando veio para o Spurs, o ala-pivô queria um anel. Nada mais fácil do que pegar o atalho que se tornou o Warriors, super reforçado com a chegada do astro Kevin Durant. E West seguirá baixando seu salário na busca pelo título.

De acordo com David Aldridge, jornalista responsável pela informação, o salário do ala-pivô no Warriors será o mínimo para veteranos: US$ 1,55 milhões. Dentro da nova e robusta folha salarial permitida pela NBA, saiu quase de graça para os atuais vice-campeões.

Além de ser uma baixa para o Spurs, West reforça o que deverá ser o principal time da NBA na próxima temporada. Segundo vários jornalistas que cobrem NBA, o ala-pivô teria sido mais um que teria se oferecido – sim, se oferecido – para jogar por lá após a adição de Durant.

Falando apenas de Spurs, o time perde mais um jogador de garrafão – ainda há o risco da equipe ficar sem Tim Duncan, que cogita se aposentar. Trouxe, até o momento, o ótimo reforço de Pau Gasol, que deverá mudar a dinâmica no setor. Ainda está em curso a possível renovação de Boban Marjanovic. Pela chegada do espanhol, o Spurs procura candidatos a absorverem o contrato do francês Boris Diaw, que deixará o time.

Em sua única temporada pelo Spurs, West pode ser considerado uma decepção. Talvez pela idade, talvez pelo difícil esquema do time, mas a realidade é que ele não rendeu em San Antonio o que rendera outrora no Charlotte Hornets e, principalmente, no Indiana Pacers. No Texas, suas médias foram de 7.1 pontos e quatro rebotes por duelo.

VAIVÉM: Veja quem chega, quem sai e os rumores sobre o Spurs

Pau Gasol assina por dois anos com o Spurs

Após a notícia da iminente aposentadoria de Tim Duncan, o San Antonio Spurs trouxe uma boa nova para seus torcedores. De acordo com reportagem do site americano The Vertical, ala-pivô espanhol Pau Gasol é o novo reforço da equipe texana.

Gasol foi bicampeão da NBA pelo Lakers (Reprodução/youtube.com)

Gasol chega ao Spurs depois de não renovar com o Chicago Bulls, time que defendeu na última temporada. Antes, atuou ainda por Memphis Grizzlies e Los Angeles Lakers, pelo qual foi bicampeão da NBA. Aos 35 anos, traz ainda mais bagagem para o experiente Spurs.

O espanhol terá um contrato de dois anos que lhe renderá US$ 15 milhões, sendo que apenas o primeiro deles é garantido. Ou seja: ao fim da próxima campanha caberá ao jogador a decisão de ficar por mais uma temporada ou não em San Antonio.

Experiente, Gasol adiciona uma eficácia ofensiva e um arsenal de ataque bem vasto ao Spurs. Com a saída quase certa de Duncan, o espanhol assumiria o posto de titular.

O experiente jogador de 35 anos desembarcou na NBA em 2001, ainda aos 21. Ficou sete temporadas em Memphis até ser envolvido em troca com o Lakers. Na Califórnia, viveu bons momentos com o título e uma relação amistosa com Kobe Bryant.

Ao deixar Los Angeles, assinou por dois anos com o Bulls. Por lá, o espanhol seguiu tendo o destaque de sempre, mas sem um time competitivo, motivo que o fez deixar Chicago e chegar ao Texas. Na carreira, o espanhol tem médias de 18,2 pontos e 9,5 rebotes por noite.

VAIVÉM: Veja quem chega, quem sai e os rumores sobre o Spurs

Após quase duas décadas, Duncan deve se aposentar

O momento que nós sabíamos que ia acontecer, mas preferíamos negar parece estar próximo de chegar. Tim Duncan deve, nos próximos dias, anunciar sua aposentadoria.

Duncan estaria perto de se aposentar (Reprodução/slamonline.com)

O lendário ala-pivô estaria, de acordo com reportagem do site The Vertical, inclinado a não voltar para a próxima temporada. Assim sendo, ele encerraria sua passagem pela NBA após 19 temporadas, todas defendendo as cores do San Antonio Spurs.

O papo de aposentadoria não é novo para Duncan. Há pelo menos cinco anos o assunto é recorrente ao fim da temporada do time. Em todos, porém, o veterano optou por continuar jogando pelo alvinegro, sempre com uma queda gradativa em seu salário.

Acontece que, já na última temporada, o corpo parecia vencer a batalha contra Duncan. O ala-pivô atuou em 61 jogos dos 82 disputados na temporada regular e, pela primeira vez na vida, foi reserva em uma partida. Somou, neste ano, modestas médias de 8,6 pontos e 7,3 rebotes.

Números à parte, Duncan seguiu com importância enorme dentro de quadra. E não só por sua liderança. Timmy foi um dos pilares da defesa do Spurs em 2015/2016 – simplesmente uma das melhores da história. Não à toa, torcedores já lamentam sua ausência.

Os rumores sobre a possível e iminente aposentadoria de Duncan, por coincidência, surgem no mesmo dia em que o ala Kevin Durant optou por assinar com o Golden State Warriors, aumentando consideravelmente uma já consolidada força da Conferência Oeste. O Spurs, um dos candidatos a trazer o ala, agora foca seus esforços em outros reforços.

A possível saída de Timmy aumenta ainda mais os rumores de que o ala-pivô espanhol Pau Gasol pode optar por jogar em San Antonio. Sem Duncan, ele teria tudo o que quer atualmente: salário bom, muitos minutos, titularidade e chance de competir pelo título. 

A era Tim Duncan está perto de acabar.

VAIVÉM: Veja quem chega, quem sai e os rumores sobre o Spurs