Spurs (31-38) @ Pelicans (30-40) – Vitória e susto

122×113

No que parecia ser sua melhor atuação na bolha até aqui, o San Antonio Spurs conseguiu importante vitória por 122 a 113 sobre o New Orleans Pelicans nesse domingo (9), se mantendo vivo na briga por uma vaga nos playoffs e eliminando o adversário. Porém, o alvinegro deixou a quadra com um gosto amargo por causa da preocupante lesão de Derrick White. Vamos, a seguir, aos destaques do confronto.

DeRozan foi decisivo para a vitória do Spurs (Reprodução/nba.com/spurs)

Preocupante

Destaque do Spurs dos dois lados da quadra desde a retomada da temporada em Orlando, Derrick White marcou 16 pontos na primeira metade do jogo e ajudou seu time a abrir 20 de vantagem. Parecia que o alvinegro caminhava para uma vitória tranquila com uma grande exibição, até que uma trombada mudou tudo. O camisa #4 sentiu o joelho esquerdo pouco antes do intervalo, após choque com Jrue Holiday.

White ainda tentou voltar para o segundo tempo depois de ir mancando para os vestiários, mas logo pediu para sair e deixou a arena com a região imobilizada. Sem ele, o Pelicans chegou a cortar a diferença para quatro pontos.

“Quando Derrick saiu, um terço da nossa capacidade de infiltração foi com ele. Então, a bola ficou um pouco travada no segundo tempo”, explicou o técnico Gregg Popovich, segundo reportagem do jornal americano San Antonio Express-News.

Ajuda veterana

Para sorte do Spurs, o DeMar DeRozan que assume a responsabilidade no quarto período, que tem aparecido durante as decisivas partidas da bolha, voltou a dar as caras contra o Pelicans. O camisa #10 marcou 15 dos seus 27 pontos na parcial derradeira, deixando a quadra como cestinha da partida. Outro veterano importante foi Rudy Gay, que registrou 19 pontos, cinco rebotes, três assistências e três roubadas de bola saindo do banco.

E agora?

Ainda não se sabe se o Spurs poderá contar com White nesta terça-feira (11), quando o time enfrenta o Houston Rockets em partida decisiva para seu futuro na temporada. O alvinegro informou que o armador sofreu uma “contusão no joelho esquerdo”, e por enquanto ele é listado como dúvida para o clássico texano.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

DeMar DeRozan – 27 pontos e 4 rebotes

Rudy Gay – 19 pontos, 5 rebotes, 3 assistências e 3 roubos de bola

Dejounte Murray – 18 pontos, 5 rebotes e 2 roubos de bola

Derrick White – 16 pontos, 3 assistências e 3 rebotes

Marco Belinelli – 14 pontos

Drew Eubanks – 8 pontos, 11 rebotes, 3 assistências, 2 tocos e 2 roubos de bola

Jakob Poeltl – 4 pontos, 14 rebotes e 2 roubos de bola

New Orleans Pelicans

JJ Redick – 31 pontos, 5 rebotes e 3 assistências

Zion Williamson – 25 pontos e 7 rebotes

Brandon Ingram – 17 pontos, 6 rebotes e 5 assistências

Derrick Favores – 10 pontos e 12 rebotes

Lonzo Ball – 5 pontos, 10 assistências, 5 rebotes e 2 tocos

Sobre Lucas Pastore

Um dos fundadores do Spurs Brasil. Formado em Jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2010, é editor assistente do UOL Esporte. Cobriu o basquete olímpico na Olimpíada de 2016 pelo LANCE!. Trabalhou também para Basketeria e mob36.

Publicado em 10/08/2020, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.