Spurs (30-38) @ Jazz (43-26) – Valeu pela vitória

119×111

Nessa sexta-feira (7), o San Antonio Spurs entrou em quadra contra um desfigurado Utah Jazz e mesmo assim teve dificuldades, mas conseguiu importante vitória por 119 a 111, resultado que manteve acesas as esperanças de ida aos playoffs. Vamos, a seguir, aos destaques do confronto.

Murray ajudou o Spurs a vencer o Jazz (Reprodução/twitter.com/spurs)

Arrancou na unha

O Jazz entrou em quadra sem contar com Mike Conley, Donovan Mitchell, Nigel Williams-Goss e Royce O’Neale, lesionados, e nem Rudy Gobert, poupado. O Spurs até conseguiu limitar o adversário a 41,8% de aproveitamento nos arremessos de quadra, mas teve dificuldades para conter Jordan Clarkson, que deixou a quadra com 24 pontos e quatro assistências em 24 minutos saindo do banco. Longe de suas melhores atuações, o alvinegro suou mais do que o esperado para conter o time “B” de Utah.

Ajuda veterana

Um dos melhores jogadores do Spurs desde a retomada da temporada, Rudy Gay foi importantíssimo para a conquista da vitória. Mais uma vez saindo do banco, o ala marcou dez dos seus 14 pontos no terceiro período, ajudando o alvinegro a abrir decisivos 16 pontos de vantagem. O camisa 22 ainda registrou sete rebotes, três assistências e três roubadas de bola.

Volta por cima?

Derrick White foi o destaque da vitória do Spurs com 24 pontos, seis rebotes e quatro assistências, e Jakob Poeltl veio logo em seguida, com 19 pontos, dez rebotes e três tocos, se recuperando de péssima atuação na derrota para o Denver Nuggets.

“Eu fui um pouco mais agressivo. Eu sabia que eles iam tentar marcar nossos arremessadores, então teria um pouco mais de espaço para eu me movimentar no garrafão”, explicou Poeltl, segundo reportagem da emissora americana ESPN.

Sonho vivo

Com o resultado, o Spurs aparece na décima colocação, a um jogo do Portland TrailBlazers, nono, e dois do Memphis Grizzlies, oitavo. Essas seriam as duas equipes que hoje disputariam o play-in que decidiria o último classificado para os playoffs da Conferência Oeste.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Derrick White – 24 pontos, 6 rebotes e 4 assistências

Jakob Poeltl – 19 pontos, 10 rebotes e 3 tocos

Rudy Gay – 14 pontos, 7 rebotes, 3 assistências e 3 roubos de bola

Lonnie Walker – 14 pontos e 4 rebotes

DeMar DeRozan – 13 pontos, 5 assistências e 2 roubos de bola

Dejounte Murray – 11 pontos, 6 assistências e 6 rebotes

Utah Jazz

Jordan Clarkson – 24 pontos e 4 assistências

Tony Bradley – 15 pontos, 11 rebotes e 3 tocos

Miye Oni – 14 pontos e 7 rebotes

Emmanuel Mudiay – 14 pontos e 5 assistências

Joe Ingles – 12 pontos, 3 assistências e 3 rebotes

Sobre Lucas Pastore

Um dos fundadores do Spurs Brasil. Formado em Jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2010, é editor assistente do UOL Esporte. Cobriu o basquete olímpico na Olimpíada de 2016 pelo LANCE!. Trabalhou também para Basketeria e mob36.

Publicado em 08/08/2020, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. O bom disso tudo , é que não é ”estão deixando a gente sonhar” , e sim , real o que estamos jogando .
    Isso que importa .

  1. Pingback: Jazz (43-28) vs Spurs (32-38) – Temporada Regular | Spurs Brasil

  2. Pingback: Spurs pode tirar valiosas lições da bolha | Spurs Brasil

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.