Spurs (9-14) vs Kings (8-13) – Vitória na prorrogação

105×104

Na noite dessa sexta-feira (6), o San Antonio Spurs recebeu o Sacramento Kings, e a sina da jornada anterior seguiu no AT&T Center: partida difícil, recuperação no quatro período e alívio na prorrogação. Foi assim no triunfo sobre o Houston Rockets e na vitória por 105 a 104 sobre os californianos. Vamos, a seguir, aos destaques do confronto.

Belinelli fez cesta decisiva (Reprodução/nba.com/spurs)

O jogo

O cestinha do Spurs foi LaMarcus Aldridge, com 19 pontos, mas a estrela da partida foi DeMar DeRozan. O camisa #10 pontuou, deu assistências e participou bem ao longo dos 40 minutos em que esteve na quadra. Mais do que números, o ala-armador saiu do lugar comum: chutou da linha dos 3 e foi um líder para a equipe no momento em que ela mais precisou.

Gregg Popovich utilizou 11 jogadores ao longo da partida. Derrick White, Bryn Forbes e Rudy Gay completaram o quinteto titular ao lado de DeRozan e Aldridge. Do banco de reservas, saíram Dejounte Murray, Patty Mills, Lonnie Walker, Marco Belinelli, Trey Lyles e Jakob Poeltl.

A equipe de Sacramento, por sua vez, contou com três peças para pontuar em larga escala: Buddy Hield, Yogi Ferrell e a estrela do time, Harrison Barnes, que em 43 minutos produziu 21 pontos e dez assistências.

O momento chave do jogo aconteceu quando faltava 1:50 para o fim do jogo. O Spurs conseguiu apagar vantagem adversária de nove pontos e levou a bola para a prorrogação graças a arremesso convertido por Belinelli com somente quatro segundos pela frente. No tempo extra, a defesa agressiva do alvinegro ajudou a garantir o triunfo.

O que eles disseram

Após o jogo, DeRozan comemorou a vitória, mas alertou para os buracos em que o time tem caído na temporada.

“É definitivamente dramático, mas uma vitória é uma vitória. Acho que é a melhor maneira de entendermos como precisamos encerrar o jogo, que erros nos levam a um buraco em que temos que lutar tanto. Na maioria das vezes, desde que consigamos a vitória, isso é tudo que importa”, afirmou.

Popovich, por sua vez, exaltou a cesta decisiva de Belinelli e o tempo para treinar a equipe, que só volta à quadra na próxima quinta-feira (12) para receber o Cleveland Cavaliers.

“Eles executaram a jogada muito bem, e Belinelli ficou bem livre e a derrubou. Ele ama essas situações. Ele sempre gostou de toda a sua carreira, então fomos até ele e ele entregou. Vamos dar a eles mais alguns dias de folga, como fizemos antes deste jogo. Porque esses 34 dias, jogando todos os dias, foram realmente difíceis para eles. Esta é uma boa pausa para que possamos treinar nas segundas e terças-feiras e ter um bom trabalho e partir daí”, projetou.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

DeMar DeRozan – 25 pontos, 10 rebotes e 7 assistências

LaMarcus Aldridge – 19 pontos e 13 rebotes

Dejounte Murray – 14 pontos, 7 rebotes e 4 assistências

Patty Mills – 13 pontos e 5 assistências

Jacob Poltl – 13 pontos e 3 rebotes

Sacramento Kings

Buddy Hield – 23 pontos e 7 rebotes

Harrison Barnes – 21 pontos, 10 rebotes e 5 assistências

Yogi Ferrell – 17 pontos e 3 assistências

Richaun Holmes – 13 pontos e 14 rebotes

Publicado em 08/12/2019, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s