Arquivo diário: 22/10/2019

Com dispensas, Spurs fecha elenco para temporada

O elenco do San Antonio Spurs está pronto para a temporada 2019/2020 da NBA. A franquia texana está com o máximo de jogadores sob contrato após oficializar as suas três últimas dispensas: as de Galen Robinson, Kenny Williams e Daulton Hommes.

Hommes em ação pelo Spurs na pré-temporada (Daniel Dunn/USA TODAY Sports)

Robinson e Williams foram dispensados na última quarta-feira (16), mesmo dia em que foram contratados. Com isso, nem sequer chegaram a vestir a camisa do Spurs na pré-temporada.

Hommes, por sua vez, entrou em quadra em quatro das cinco partidas que a equipe fez nesta fase preparatória, obtendo médias de 0,8 rebotes e 0,5 assistências em 6,7 minutos por exibição. Ele foi oficialmente dispensado pelo alvinegro texano nesse sábado.

Uma franquia da G-League tem prioridade na contratação dos últimos dispensados por sua afiliada da NBA. Assim, o Austin Spurs pode ser o destino de Robinson, Williams e Hommes.

Com isso, o Spurs tem 15 jogadores sob contrato profissionais e mais dois em formato two-way, atingindo o limite permitido pela NBA. São eles: Dejounte Murray, Derrick White, Patty Mills, Bryn Forbes, Marco Belinelli, Lonnie Walker, DeMar DeRozan, Keldon Johnson, Demarre Carroll, Rudy Gay, Trey Lyles. Chimezie Metu, Luka Samanic, LaMarcus Aldridge e Jakob Poeltl no elenco fixo mais Quinndary Weatherspoon e Drew Eubanks indo e voltando da G-League.

Spurs (2-3) vs Grizzlies (3-2) – Fechando em alta

104×91

Nessa sexta-feira (18), o San Antonio Spurs recebeu o Memphis Grizzlies para sua última partida derradeira na pré-temporada e venceu o oponente por 104 a 91. Vamos aos destaques do jogo.

Mills teve boa atuação (Reprodução : Logan Riely/NBAE via Getty Images)

Mills teve boa atuação (Reprodução : Logan Riely/NBAE via Getty Images)

Detalhes da partida #1

Apensar de seu duplo-duplo, LaMarcus Aldridge não teve uma grande noite, precisando de 17 arremessos para marcar 14 pontos. Entretanto, fica claro que ele pode dominar facilmente jogadores menores do que ele, mesmo que esses tenham capacidade física para o defender. O camisa #12 é muito grande e forte para jovens como Jaren Jackson Jr e Brandon Clarke.

Detalhes da partida #2

Gregg Popovich continuou a dar minutos para Trey Lyles. Ele começou o jogo como titular, mas ficou em quadra por só 15 minutos. Após sólida exibição na vitória sobre o Houston Rockets, o canadense parecia estar tentando fazer demais. Contra a velocidade e a extensão dos jovens defensores do Grizzlies, ele simplesmente não tinha para onde ir. A tentativa de mantê-lo jogando aparenta um problema, já que a equipe tem LaMarcus e Jakob Poeltl, jogadores tradicionais de garrafão mas também parece ainda querer um ala-pivô moderno na maior parte do jogo. Chimezie Metu não mostrou o suficiente para ganhar esses minutos, o que fez o Spurs dar uma olhada em algumas formações small-ball no fim do jogo com DeMar DeRozan nessa posição. É cedo para dizer o quão bem isso vai funcionar, mas definitivamente tem potencial.

Detalhes da partida #3

Marco Belinelli retomou sua posição na rotação no lugar de Lonnie Walker. O jovem ainda não parece pronto para assumir tamanha responsabilidade de ser o ala reserva imediato, já que contra o Grizzlies atuou por apenas oito minutos, sendo todos no último quarto.

Destaques da partida 

San Antonio Spurs

Patyy Mills – 16 pontos

LaMarcus Aldridge – 14 pontos e 11 rebotes

DeMar DeRozan – 14 pontos, 6 rebotes e 5 assistências

Bryn Forbes – 14 pontos

Rudy Gay – 13 pontos

Memphis Grizzlies

Ja Morant – 16 pontos, 6 assistências e 5 rebotes

Grayson Allen -12 pontos

Jae Crowder – 11 pontos e 11 rebotes

Brandon Clarke – 11 pontos e 10 rebotes

Jaren Jackson Jr. – 11 pontos e 5 rebotes