Arquivo diário: 23/03/2019

Spurs (42-31) @ Rockets (46-27) – Modo Hard(en)

105×111

Nessa sexta-feira (23), o San Antonio Spurs visitou o Houston Rockets e não teve resposta para James Harden, que anotou 61 pontos, igualou seu recorde pessoal na carreira e comandou a vitória do seu time no clássico por 111 a 105. Vamos, a seguir, aos destaques do confronto.

Harden foi o cara do jogo (Reprodução/twitter.com/HoustonRockets)

Decisivo

É difícil explicar a vitória sem falar sobre Harden. O ala-armador fez 27 pontos no primeiro quarto e colocou o Rockets em vantagem. O time de Houston foi para o intervalo vencendo por 15 pontos de diferença, mas o Spurs se recuperou e chegou a liderar por seis restando quatro minutos para o fim. Foi aí que o Barba assumiu controle, comandou corrida de 13 a 2 dos mandantes e fechou o jogo em grande estilo, fazendo o que DeMar DeRozan não conseguiu.

Cadê os astros?

Os dois maiores jogadores do Spurs tiveram dificuldades contra o Rockets. LaMarcus Aldridge marcou dez pontos em 13 arremessos de quadra, além de cinco tocos, quatro rebotes e quatro assistências em 33 minutos. DeMar DeRozan, por sua vez, deixou a quadra com 16 pontos em 19 arremessos de quadra, além de oito assistências e oito rebotes em 33 minutos. O ala-armador do alvinegro de San Antonio tomou decisões ruins especialmente na reta final da partida, abusando de situações no um contra um e forçando bolas de difícil conversão.

Descalibrado

Até o fim de fevereiro, Davis Bertans havia convertido 46,9% de seus arremessos de três pontos na temporada e chegou a ser o melhor jogador de toda a NBA no quesito. Contra o Rockets, no entanto, o ala-pivô acertou apenas uma das dez bolas que tentou do perímetro, fazendo com que seu aproveitamento em março seja de somente 30,3%. O Spurs precisa que o letão esteja calibrado se quiser sonhar com alguma coisa nos difíceis playoffs da Conferência Oeste.

Pelo menos…

Em meio a uma decepcionante derrota em um clássico estadual, o Spurs pelo menos teve algumas pequenas boas notícias. Depois de ceder 19 lances livres antes do intervalo, o time de San Antonio mostrou defesa animadora no terceiro quarto, não cedendo nenhum em toda a parcial. Além disso, o alvinegro converteu 56 pontos de dentro do garrafão, contra apenas 36 do rival. Por fim, Lonnie Walker entrou em quadra para jogar minutos competitivos pela segunda vez na temporada – foram sete – e registrou quatro pontos, uma assistência, um rebote, uma roubada de bola e um toco. Com ele em quadra, a equipe fez sete pontos a mais do que sofreu.

Destaques da partida 

San Antonio Spurs

Bryn Forbes – 20 pontos e 5 rebotes

Derrick White – 18 pontos, 8 rebotes, 3 assistências e 2 roubos de bola

DeMar DeRozan – 16 pontos, 8 assistências e 8 rebotes

Marco Belinelli – 11 pontos

LaMarcus Aldridge – 10 pontos, 5 tocos, 4 rebotes e 4 assistências

Houston Rockets

James Harden – 61 pontos, 7 rebotes e 3 roubos de bola

Chris Paul – 18 pontos, 5 assistências e 3 rebotes

Eric Gordon – 12 pontos

Clint Capela – 7 pontos, 16 rebotes e 4 assistências

Anúncios