Arquivo diário: 06/03/2018

Spurs (37-27) vs Grizzlies (18-45) – Nostalgia

sanantoniospurs100×98793

O San Antonio Spurs encerrou sua sequência de três partidas em casa nessa segunda-feira (5). Depois de sofrer com derrotas para Los Angeles Lakers e New Orleans Pelicans, o alvinegro texano se reergueu e conquistou um importante resultado ao vencer o Memphis Grizzlies, rival da Divisão Sudoeste, pelo placar de 100 a 98. Veja, a seguir, os destaques do confronto:

Bertans foi um dos destaques e ajudou o Spurs a vencer a partida (Reprodução/nba.com/spurs)

Resultado importante

Vindo de duas derrotas seguidas em casa, o Spurs havia caído de terceiro para sétimo na Conferência Oeste. Com o time prestes a embarcar em uma sequência de três partidas longe de seu ginásio contra equipes fortíssimas, o único resultado satisfatório era a vitória. O adversário, já fora da briga pela pós-temporada e com 13 tropeços seguidos, era considerado zebra. Mas já é notória a dificuldade de se vencer o Grizzlies, e dessa vez não foi diferente. Os texanos demoraram para se encontrar no jogo e deixaram os oponentes sonharem até os minutos finais.

Quem é que está velho mesmo?

Tony Parker teve atuação de gala (reprodução/nba.com/spurs)

Tony Parker foi cestinha e destaque da partida. Fez 11 pontos só no primeiro quarto e foi o responsável por manter o Spurs em ordem durante todo seu tempo em quadra. Com belas jogadas de infiltração, jogo de pés impecável e a liderança já conhecida, o francês pareceu voltar no tempo e teve uma atuação digna de seus anos como astro. Com 23 pontos, sendo oito seguidos no último período, o camisa #9 apareceu em um momento crucial para a temporada de seu time e contribuiu demais para um resultado importantíssimo.

Destaques improváveis

Com LaMarcus Aldridge de volta após se lesionar contra o New Orleans Pelicans, era esperado que a atuação do ala-pivô fosse ser a responsável pela vitória, além do principal destaque. Porém, o camisa #12 viu seus companheiros aparecerem muito bem e ajudarem o texano a superar uma noite fria nos arremessos. Kyle Anderson apareceu muito bem no último quarto, teve diversas roubadas de bola e produziu um belo and-one e uma linda ponte aérea para Davis Bertans.

As jogadas garantiram o bom momento ao Spurs e mantiveram a equipe na liderança nos minutos finais. E Bertans não participou apenas de uma jogada: foi agressivo ao chegar perto da cesta e conseguiu bons lances, além de uma bola de três importante. Momentos assim garantem experiência para o ala-pivô e podem ser uma ótima preparação para o futuro. Danny Green também foi muito bem nos tiros de longa distância e foi um dos fatores para o resultado positivo.

Momento complicado

O Spurs não aproveitou a sequência de três jogos seguidos em casa e pode se complicar por conta disso. Os próximos compromissos são contra Golden State Warriors, Oklahoma City Thunder e Houston Rockets, todos fora de casa contra adversários muito fortes. Com a briga na Conferêncie Oeste completamente acirrada, cada jogo importa agora, e os texanos não podem mais se dar ao luxo de perder jogos como contra o Lakers, quando levaram dura virada.

Destaques da partida

San Antonio Spurs:

Tony Parker – 23 pontos e 4 assistências

Davis Bertans – 17 pontos, 4 rebotes e 3 assistências

Danny Green – 14 pontos, 3 rebotes e 2 roubos de bika

Kyle Anderson – 11 pontos, 5 roubos de bola e 4 assistências

Memphis Grizzlies

Marc Gasol – 23 pontos, 10 rebotes e 4 assistências

Dillon Brooks – 21 pontos e 4 rebotes

JaMychael Green – 14 pontos, 15 rebotes, 5 assistências e 2 tocos

Anúncios