Arquivo diário: 08/11/2017

Spurs (7-4) x Clippers (5-5) – Noite dos recordes

 

120×107

O San Antonio Spurs recebeu o Los Angeles Clippers na noite desta terça-feira (7) e venceu os adversários por 120 a 107, engatando assim seu terceiro triunfo consecutivo após perder quatro jogos em sequência. Com um desempenho exemplar no terceiro quarto, a equipe texana bateu diversas marcas desta temporada. Confira, a seguir, os destaques do duelo:

LaMarcus Aldridge foi, mais uma vez, o maior pontuador do Spurs (NBA/Getty Images)

Introdução – O time como um todo

Quem vê o placar pode dizer que o Spurs não teve grandes problemas em bater o Clippers em casa. No entanto, a noite não começou tão bem assim para os mandantes. A equipe texana foi para os vestiários perdendo por três pontos, com ambos os times apresentando bom aproveitamento dos arremessos de quadra. Foi no terceiro quarto (aquele, que historicamente é conhecido pelos apagões) que a história do jogo começou a mudar.

Lembra daquela larga vantagem que a equipe abriu na volta do intervalo na vitória sobre o Phoenix Suns? Se repetiu na noite desta terça. Ao melhor estilo Gregg Popovich de jogar basquete, o Spurs intensificou a defesa, forçou o adversário a cometer erros, aproveitou as oportunidades, apresentou ótimo jogo coletivo e conseguiu aplicar a vantagem e administrar até concretizar a vitória. O time de Los Angeles acertou apenas oito de seus 21 nos arremessos de quadra tentados nesta parcial e ainda cometeu seis desperdícios de posse.

Dentre várias marcas batidas no AT&T Center diante do Clippers, vale destacar o desempenho do time como um todo. Começando pela pontuação, a maior atingida pela equipe na temporada até aqui. Além disso, foi o jogo em que o time mais roubou bolas: foram 12 no total. Para completar, também foi o duelo em que o alvinegro mais distribuiu passes para a cesta nesta temporada: 33 assistências ao todo. Agora, vamos aos destaque individuais.

Green atingiu marcas históricas (Reprodução/nba.com)

Capítulo 1 – Danny Green

Desde a série contra o Miami Heat em que bateu o recorde de bolas e em nas finais, Danny Green vem deixado a desejar e, inclusive, despertando a ira de alguns torcedores mais exigentes. No entanto, a temporada 2017/2018 começou e, quando a equipe mais precisa – está desfalcada de Kawhi Leonard, machucado -, o ala-armador tem mostrado que reencontrou seu basquetebol. O camisa #14 anotou 24 pontos diante do Clippers, seu recorde nesta fase de classificação. Como se não fosse só isso, se tornou o único armador da NBA com 50 tocos e 50 roubos de bola em cada uma das últimas cinco campanhas.

Capítulo 2 – Pau Gasol

Assim como Green, Pau Gasol despertou desconfiança no torcedor mais crítico. O pivô não vive mais sua fase de Memphis Grizzlies e Los Angeles Lakers, mas mostrou que pode jogar em alto nível, principalmente contra um garrafão forte como é o do Clippers.

Nesta temporada, suas médias são de 10.3 pontos e 8.2 rebotes em 19 minutos por jogo. Diante da equipe californiana, anotou 19 pontos (8-9 FG e 3-4 3PT), oito rebotes e seis assistências.

Capítulo 3 – Rudy Gay

Já que o assunto é desconfiança, não podemos deixar Rudy Gay de fora. O ala já viveu melhores dias na NBA e chegou ao Spurs claramente para ser o reserva imediato de Kawhi Leonard. Mesmo sem o camisa #2 em quadra, vem ganhado bastante tempo e convencendo aqueles que duvidaram dele após sua contratação na free agency. O jogador foi responsável por 22 pontos, sete rebotes, três assistências e dois roubos em 24 minutos contra o Clippers.

Considerações finais

Vale explicar o motivo destes três atletas serem destacados: combinado, o trio teve aproveitamento de 11-15 dos chutes de longa distância – ao todo, a equipe acertou 15 dos seus 28 arremessos de três pontos, outro recorde na temporada. O Spurs chega à terceira vitória consecutiva após tropeçar quatro vezes seguidas. A equipe encara o Milwaukee Bucks nesta sexta-feira (10) no quinto compromisso de uma série de seis jogos realizados no AT&T Center. Encerrando a sequência, o time de San Antonio encara o Chicago Bulls no sábado (11).

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

LaMarcus Aldridge – 25 pontos, 6 rebotes, e 2 tocos

Danny Green – 24 pontos

Rudy Gay – 22 pontos, 7 rebotes, 3 assistências e 2 roubos de bola

Pau Gasol – 19 pontos, 8 rebotes e 6 assistências

Los Angeles Clippers

Austin Rivers – 24 pontos e 3 assistências

Lou Williams – 17 pontos e 3 assistências

Blake Griffin – 15 pontos, 9 rebotes e 6 assistências

Wesley Johnson – 12 pontos e 6 rebotes

DeAndre Jordan – 11 pontos e 6 rebotes