Ginobili fica

Emanuel Ginobili ouviu seu nome na 57ª escolha do Draft de 1999, selecionado pelo San Antonio Spurs. As atuações do argentino em seus quatro primeiros anos de carreira, em sua terra natal, e no quinto, na Itália, chamaram a atenção de Gregg Popovich, mas nem o técnico nem a torcida podiam imaginar o impacto do jogador para a franquia e para o basquete mundial.

O número 20 que certamente será imortalizado (Jesse D. Garrabrant/ NBA)

Ginobili ficou mais um tempo na Europa e em 2002 se juntou ao time. Foi um começo difícil na NBA – o argentino sofreu com lesões e viu pouco tempo de ação. Era apenas um reserva. Mas conforme a temporada se desenrolou, Popovich começou a dar mais chances para Manu, como passou a ser chamado pela torcida, e o ala-armador mostrou serviço, venceu um prêmio de novato do mês e foi eleito para o segundo quinteto ideal entre os calouros.

Nos playoffs, porém, Ginobili se tornou parte importante na rotação de Popovich e aumentou suas médias em todos os quesitos. O Spurs se sagrou campeão no ano de estreia do argentino, que correspondeu às expectativas e mostrou serviço, principalmente na fase mais importante. Em seu segundo ano, o ala-armador viu ainda mais tempo de quadra, teve mais participações nos jogos e aumentou suas médias, se tornando parte integral do elenco até os dias de hoje.

O impacto de Ginobili não se limita apenas à NBA. O argentino liderou sua seleção rumo ao título na Olimpíada de 2004, em Atenas. A chamada “geração de ouro” do basquete local possuiu grandes nomes de influência mundial, mas foi o astro do Spurs quem mais se destacou, sendo até hoje considerado o melhor do elenco. Para subir ao topo do pódio, a equipe precisou fazer o considerado impossível por muitos: superar os Estados Unidos. Os americanos tiveram um torneio atípico, perdendo duas partidas da fase de grupos, mas se recuperaram, e mais uma conquista parceria realidade. Os hermanos, porém, eliminaram os favoritos com vitória por 89 a 81, com grande atuação do ídolo da franquia de San Antonio, cestinha do jogo com 29 pontos.

A carreira de Ginobili é uma das maiores do basquete mundial. O ala-armador já conquistou tudo e mais um pouco. Possui em seu currículo duas seleções para o jogo das estrelas da NBA, duas menções para o terceiro quinteto ideal da liga, um prêmio de sexto homem do ano e quatro anéis. O jogador também é campeão da Euroliga e acumula MVPs do torneio continental, da liga italiana, da copa italiana e da Copa América, além de possuir uma medalha de ouro olímpica, uma grande conquista para um jogador que não representa os Estados Unidos no evento.

O jogo de Ginobili gerou impactos surpreendentes e inesperados na filosofia do Spurs. Popovich sempre impôs um sistema rígido para seus atletas, e a maneira com que o argentino atuava não se encaixava com o exigido pelo treinador. O técnico então, em um momento raro, mudou sua filosofia e incorporou vários fundamentos do basquete do ala-armador. Com isso, acabou mudando a forma de jogo do alvinegro, e o sucesso acompanhou a mudança.

Ginobili é sem dúvidas um ídolo da franquia texana e um futuro hall da fama, não só da NBA mas como da Fiba também. A camisa 20 do argentino será aposentada no AT&T Center assim que sua carreira inevitavelmente chegar a seu fim. O astro fez muito pelo Spurs e por isso recebe tanto carinho da torcida. O jogador já não é mais atlético, já não pula como antes, mas seu jogo sem dúvidas ainda é eficiente e lindo de se assistir. Por sorte, o ídolo ainda tem mais uma temporada no tanque, e resta à torcida do alvinegro apreciar seus últimos momentos.

Obrigado por mais uma temporada, Ginobili. Que essa seja vitoriosa como todas as outras 15.

Anúncios

Publicado em 20/07/2017, em Análises. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s