Spurs (31-9) @ Suns (13-27) – Zebra mexicana

https://i2.wp.com/content.sportslogos.net/logos/6/233/thumbs/827.gif105×108

Noite para ser esquecida pelos lados do Texas. Nesse sábado (14), o San Antonio Spurs visitou o Phoenix Suns no México, em um dos jogos válidos pelo NBA Global Games dessa temporada, e acabou derrotado pelo adversário, que é um dos piores do campeonato até aqui, pelo placar de 108 a 105. Vamos, a seguir, aos destaques do confronto.

Leonard igualou seu recorde (David Dow/NBAE via Getty Images)

Leonard igualou seu recorde (David Dow/NBAE via Getty Images)

Vantagem desperdiçada

Quando Jonathon Simmons acertou um arremesso de três e o Spurs abriu 81 a 70 faltando 1:39 para o fim do terceiro quarto, parecia que mais uma fácil vitória estava a caminho do Texas. Ledo engano. O Suns reagiu ainda no mesmo período, que acabou 85 a 80 a favor do alvinegro, e se manteve na cola durante toda a parcial final, virando nos minutos finais. Danny Green ainda teve a chance de empatar com uma bola de três, mas errou.

Manu veio bem do banco (Barry Gossage/NBAE via Getty Images)

Manu veio bem do banco (Barry Gossage/NBAE via Getty Images)

Lado bom…

Apesar da derrota, a atuação de Kawhi Leonard entrou para a história do ala. O camisa #2 do Spurs deixou a quadra com 38 pontos, igualando seu recorde na NBA, além de quatro rebotes e três assistências. O astro acertou 12 dos 15 arremessos de quadra que tentou, duas das cinco bolas de três que arriscou e 12 dos 14 lances livres que cobrou durante a partida.

E o lado ruim…

Kawhi Leonard só conseguiu chegar ao número histórico porque teve pouca ajuda do resto do quinteto inicial. Tony Parker deu contribuição razoável, com 14 pontos em dez arremessos, mas os demais membros do time titular ficaram devendo. Danny Green errou as quatro bolas de três que tentou na partida e registrou somente seis pontos. Pau Gasol arriscou apenas quatro arremessos de quadra e obteve só três pontos. Por fim LaMarcus Aldridge precisou de 14 arremessos para conseguir 13 pontos. Faltou pontaria.

Na segunda unidade, com a ausência do australiano Patty Mills, que lesionou a panturrilha esquerda, só Manu Ginobili, com 16 pontos e três assistências, se destacou no ataque.

E a marcação?

Nem a defesa de perímetro, ponto forte do Spurs, funcionou contra o Suns. Isso porque o ala-armador Devin Booker, astro do time do Arizona, bateu seu recorde pessoal de pontuação, deixando a quadra com 39 pontos. Noite para ser esquecida pelos lados do Texas.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Kawhi Leonard – 38 pontos, 4 rebotes e 3 assistências

Manu Ginobili – 16 pontos e 3 assistências

Tony Parker – 14 pontos

LaMarcus Aldridge – 13 pontos e 4 rebotes

Phoenix Suns

Devin Booker – 39 pontos

Eric Bledose – 17 pontos, 10 assistências e 6 rebotes

TJ Warren – 12 pontos e 2 roubos de bola

Anúncios

Sobre Lucas Pastore

Um dos fundadores do Spurs Brasil, seu maior orgulho na carreira jornalística. Formado em Jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2010, é redator do UOL. Cobriu o basquete olímpico na Olimpíada de 2016 pelo LANCE!. Trabalhou também para Basketeria e mob36.

Publicado em 15/01/2017, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 7 Comentários.

  1. Perdemos mais um jogo que tínhamos tudo para ganhar. São essas derrotas que mais pesam na classificação final.

  2. Tô chegando a conclusão que zebra é ganharmos esses jogos dados como garantidos.

  3. Derrotas: Suns, Bucks(sem antetokompo), Magic, Bulls, Hawks.. Creio que pros Clippers, Rockets e Jazz sejam aceitáveis..
    Realmente devemos nos preocupar com os piores da liga..

  4. Detesto essas derrotas para times com campanhas mais fracas, por que são elas que vamos remoer o resto da temporada, principalmente se as coisas ficarem ruim nos playoffs, como a para pelicans que nos jogou para sexto em 2015.

  1. Pingback: Spurs (31-9) vs Wolves (14-27) – Temporada Regular | Spurs Brasil

  2. Pingback: Spurs (32-9) vs Wolves (14-28) – Vitória sofrida | Spurs Brasil

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s