Arquivo diário: 24/12/2016

Spurs (24-6) @ Blazers (13-19) – De volta aos trilhos

https://i0.wp.com/content.sportslogos.net/logos/6/233/thumbs/827.gif110×90

O San Antonio Spurs viajou até o Oregon, na madrugada desse sábado (24), e venceu o Portland TrailBlazers com facilidade por 110 a 90. A partida marcou a estréia de Dejounte Murray como titular pelo time texano. Vamos, a seguir, aos destaques do jogo.

Dejounte Murray fez sua estréia como titular

Dejounte Murray fez sua estréia como titular (Reprodução/nba.com/spurs)

De olho no futuro

Com Tony Parker poupado, Gregg Popovich preferiu começar com Dejounte Murray como armador titular. A estratégia até que deu certo, pois, junto com Patty Mills, o armador ajudou a limitar o astro do oponente, Damian Lillard, a apenas 16 pontos. O jovem foi a escolha de primeira rodada do Spurs no Draft deste ano e mostrou-se enérgico durante todo o tempo. Não foi maduro o suficiente para enfrentar de igual para a igual a estrela adversária, porém conseguiu nove pontos, três rebotes e uma roubada de bola em 19 minutos.

Leonard foi o cestinha do Spurs (Reprodução/nba.com/spurs)

Leonard foi o cestinha do Spurs (Reprodução/nba.com/spurs)

Estabilidade

Ao contrário da última partida do Spurs, que terminou em derrota para o Los Angeles Clippers, na qual nos dois últimos quartos Kawhi Leonard mostrou um basquete ‘não-Spur’, com linguagem corporal muito ruim e totalmente desligado de seus companheiros de time, contra o Portland TrailBlazers o ala apresentou seu basquete de elite e de candidato a MVP da temporada. Com 33 pontos, o astro permaneceu atento durante toda a partida, sendo o cestinha do jogo. A estabilidade do jogo do camisa #2 pode definir muitas partidas, e a diferença de postura apresentada do revés para o Los Angeles Clippers ao triunfo desse sábado pode ser o detalhe que fará com que o alvinegro seja campeão da NBA no ano que vem.

O banco é dele

Armador reserva há algumas temporadas, mas enfim atleta indispensável no elenco, Patty Mills tornou-se, neste campenato, arma essencial da equipe.

Vindo do banco, traz a energia necessária na defesa, o controle de bola no ataque, e os pontos (principalmente da linha dos três pontos) que muitas vezes trazem a equipe de volta ao jogo, ou como no triunfo sobre o Houston Rockets, definem a vitória. Seus 23 pontos, com direito cinco bolas de três, mostram que cada vez mais a segunda unidade tem um novo dono.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Kawhi Leonard – 33 pontos

Patty Mills – 23 pontos e 5 assistências

LaMarcus Aldridge – 18 pontos, 14 rebotes e 6 assistências

Portland TrailBlazers

Damian Lillard – 16 pontos, 5 rebotes e 6 assistências

CJ McCollum – 16 pontos e 6 rebotes

Allen Crabbe – 10 pontos

Anúncios