Arquivo diário: 15/12/2016

Spurs (20-5) @ Suns (8-17) – Temporada Regular

San Antonio Spurs @ Phoenix Suns – Temporada Regular

Data: 16/12/2016

Horário: 00h00 (Horário de Brasília)

Local: Talking Stick Resort Arena

Onde assistir: NBA League Pass

Menos de 24 horas após vencer o Boston Celtics em casa, o San Antonio Spurs visita o Phoenix Suns e tentar mante a grande campanha nas partidas fora de casa na temporada. LaMarcus Aldridge que foi poupado dessa última partida, deve participar do confronto desta quinta-feira, e outros jogadores, como Tony Parker, Pau Gasol e Manu Ginobili, podem ser poupados do confronto. O time mandante, por sua vez, pode ter os desfalques de Brandon Knight, com uma lesão na mão esquerda, e Alex Len, com problemas no quadril.

Clique aqui e compre seus ingressos para o jogo

http://a.espncdn.com/combiner/i?img=/i/headshots/nba/players/full/2983.png&w=350&h=254

PG – Tony Parker

SG – Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – LaMarcus Aldridge

C – Pau Gasol

Fique de Olho – Poupado na vitória sobre o Celtics, no dia interior, LaMarcus Aldridge deve estar em quadra para compor a equipe. O ala-pivô vem tendo dificuldade neste início de temporada, com algumas das piores médias da carreira: 16,5 pontos e 6,7 rebotes por jogo.

http://a.espncdn.com/combiner/i?img=/i/headshots/nba/players/full/4238.png&w=350&h=254https://i1.wp.com/content.sportslogos.net/logos/6/238/thumbs/23843702014.gif

PG – Eric Bledsoe

SG – Devin Booker

SF – P.J Tucker

PF – Marquese Chriss

C – Tyson Chandler

Fique de Olho – Eric Bledsoe vem tentando carregar o Suns para as vitórias, mas a vaga para os playoffs vai ficando cada vez mais distante. Na última partida, quando o time venceu o New York Knicks na prorrogação, ele anotou 31 pontos, oito assistências e seis rebotes.

Anúncios

Spurs (20-5) vs Celtics (13-12) – Tabu mantido

 108×101

Na madrugada dessa quinta-feira (15), o San Antonio Spurs recebeu o Boston Celtics no AT&T Center e venceu o oponente pelo placar 108 a 101. O líder da equipe texana no confronto foi Kawhi Leonard, que contou com a ajuda dos veteranos do elenco para concretizar a vitória. Foi o 11º triunfo seguido sobre os adversários. Confira, a seguir, como foi o duelo:

Voz da experiência

Como já era de se esperar, Kawhi Leonard foi o destaque do duelo. Contudo, mesmo com seus 26 pontos e seis assistências, o ala não resolveu tudo sozinho. Muito pelo contrário. O torcedor que estava com saudades de ver aquele Tony Parker de antigamente pôde ter um pouco de nostalgia dos melhores dias do armador. O francês fez 16 pontos e distribuiu sete assistências. Deixando os números de lado, o camisa #9 fez o que se espera dele: atacou, organizou, arremessou e assumiu a responsabilidade diante de um time que estava sem seu principal jogador: Isaiah Thomas. Prova disso foram os dez pontos que anotou só no último quarto. Como se não bastasse, converteu oito dos 15 arremessos de quadra que tentou. E não foi só da dupla que foi construída a vitória texana. Pau Gasol foi importante nome no triunfo, tendo contribuído com um double-double de 17 pontos e 13 rebotes.

Fazendo as pazes em casa

Esta foi a terceira vitória seguida do Spurs no AT&T Center após mau início em casa. O Spurs está com sete vitórias e quatro derrotas no Texas depois de igualar um recorde da NBA com uma marca de 40-1 na última temporada. A equipe estava focada em manter a boa fase como visitante. Após ter vencido os 13 primeiros jogos que fez como visitante na temporada, o time texano caiu diante do Chicago Bulls. Antes disso, estava a apenas um triunfo de igualar o melhor começo na estrada da história do campeonato, e a somente três de empatar com a melhor sequência fora de casa da história da liga profissional americana.

Garçons

Um número que chamou a atenção no duelo contra o Celtics foi a quantidade de assistências. Retomando um pouco, ao todo a equipe distribuiu 38 assistências na vitória sobre o Brooklyn Nets. Contra o Celtics, foram mas 33 passes para cesta. O líder foi Tony Parker, com sete. Em seguida, temos Kawhi Leonard e Pau Gasol, com seis, Manu Ginobili e Davis Bertans, com quatro, David Lee, com três, Patty Mill,s com duas, e Danny Green, com uma.

Folga para os “tiozinhos”

Quem viu o jogo pôde notar a ausência de um importante nome: LaMarcus Aldridge. Embora não seja tão velho assim, com só 31 anos, o ala-pivô ganhou a noite de folga e não foi à quadra contra o Celtics. Foi seu segunda dia de descanso na temporada – a primeira foi no dia 30 de outubro, na vitória sobre o Miami Heat. Ao todo, ele, Parker, Gasol e Ginobili perderam oito jogos combinados de repouso na campeonato. Só o argentino ausentou-se três vezes.

Folgas de lado, Aldridge foi substituído por David Lee, que foi bem e mostrou serviço, anotando oito pontos e dez rebotes. Com isso, o ala-pivô se tornou o 88º jogador na história da NBA com dez mil pontos e sete mil rebotes na carreira. Com a vitória, o time de San Antonio está com 11 triunfos em 13 jogos contra as equipes da Conferência Leste.

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Kawhi Leonard – 26 pontos e seis assistências

Pau Gasol – 17 pontos, 13 rebotes e seis assistencias

Tony Parker – 16 pontos e sete assistências

Manu Ginobili – 12 pontos e quatro assistências

Boston Celtics

Avery Bradley – 25 pontos, dez rebotes e seis assistências

Jae Crowder – 15 pontos e seis rebotes

Al Horford – 13 pontos, cinco rebotes e quatro assistências

Marcus Smart – 11 pontos e seis assistências