Spurs (16-4) vs Wizards (6-12) – Leonard para a vitória

https://i2.wp.com/content.sportslogos.net/logos/6/233/thumbs/827.gif107×105

Nessa sexta-feira (02), o San Antonio Spurs recebeu o Washington Wizards e, com grande arremesso de Kawhi Leonard faltando seis segundos, venceu o adversário pelo placar de 107 a 105, melhorando assim seu desempenho dentro de casa. Vamos aos destaques do jogo.

Patty Mills foi bem como titular (Reprodução/nba.com/spurs)

Patty Mills foi bem na armação do time (Reprodução/nba.com/spurs)

Primeiro tempo pra esquecer

O Spurs iniciou mais uma partida de maneira lenta, como vem acontecendo nos jogos no AT&T Center, permitindo que o Wizards tomasse a dianteira do placar desde o começo e chegasse a abrir 11 pontos de diferença. Os visitantes fecharam o primeiro tempo vencendo por 60 a 57. No garrafão, a equipe texana também não esteve bem, anotando apenas 30 pontos em toda a partida e permitindo 50 pontos de seu adversário perto da cesta.

Leonard brilhou de novo (Reprodução/nba.com/spurs)

Leonard brilhou de novo (Reprodução/nba.com/spurs)

Sem Parker, sem problemas

O armador francês Tony Parker ficou fora da partida por conta de uma lesão muscular na coxa esquerda, o que deu a oportunidade para o argentino Nicolas Laprovittola conseguir sua segunda partida como titular. Mas quem comandou a armação do time mesmo foi Patty Mills e Manu Ginobili, vindos do banco, distribuindo sete e oito assistências, respectivamente.

Momentos finais emocionante

Faltando 53 segundos para o fim da partida, Beal anotou uma cesta de três pontos e colocou o Wizards na frente: 103 a 102. Logo depois, Danny Green anotou seus primeiros três pontos no jogo e deu a dianteira ao Spurs faltando 19 segundos. Depois, John Wall empatou faltando 11,2 segundos, conseguindo uma bandeja ao fugir da marcação de Manu Ginobili. Porém, logo depois, Kawhi Leonard deu a liderança novamente para o alvinegro com uma cesta de dois pontos convertida do topo do garrafão.

Otto Porter Jr. tentou ainda mais um arremesso curto para empatar novamente a partida, mas errou, e o confronto acabou com placar favorável para a equipe texana.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Kawhi Leonard – 23 pontos

Pau Gasol – 19 pontos e 10 rebotes

LaMarcus Aldridge – 19 pontos

Manu Ginobili – 13 pontos e 7 assistências

Patty Mills – 10 pontos e 8 assistências

Washington Wizards

Bradley Beal – 23 pontos

Marcin Gortat – 21 pontos e 18 rebotes

John Wall – 17 pontos e 15 assistências

Otto Potter Jr. – 15 pontos, 12 rebotes e 4 roubos de bola

Markieff Morris – 12 pontos

Anúncios

Sobre Glauber da Rocha

Estudante de Direito e torcedor do San Antonio Spurs desde 2007

Publicado em 03/12/2016, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 9 Comentários.

  1. Gasol não consegue marcar nem consulta no proctologista, incrível a falta de vontade desse cidadão. Um dia tenho que encontrar Duncan e pedir-lhe perdão por achar que esse espanhol era o nome ideal para substituí-lo.

    E o Green voltou ao normal, uma partida boa por mês, ainda está por vir a de dezembro.

    Espero que o Parker não volte tão cedo, aliás, que nem volte.

  2. Vitoria ,basta um ponto a frente,foram dois…mas a defesa ta uma jujuba podre na calçada,nao parece spurs .
    A torcida ficava sempre na arquibancada ,agora fica um vazio , parece que estão satisfeitos com o titulo de 2014 … lembrem que o mvp foi leonard e se fosse pra desistir ,tinha-se dado para um pré-hall da fama . Poxa,foi passado o bastão,para proserar e não afundar! Perdemos o sangue preto e prata . Chateada ,mas compreensiva,torcendo pra melhora rapida dessa equipe. É nossa familia .
    Espero e torço pra melhorar daqui em diante .

  3. pauloricardo09

    Muitos TO’s novamente do Spurs, e a defesa muito relaxada principalmente no primeiro tempo, mas gostei da atuação do David Lee, e o Ginobili teve boa atuação tbm, os reservas foram muito bem e Kawhi matou duas bolas decisivas além daquela do Green de 3 um pouco antes, Wizards foram perseverantes e Wall e Beal formaram uma dupla chata e quase levaram pra OT, mas no sufoco e forçando alguns erros do time da capital prevaleceu o Spurs…

  4. Concordo que o Tim Duncam é único para a história do Spurs. Ele quando não estava jogando, era o primeiro a levantar do banco e cumprimentar a todos, passando uma energia positiva ao time. Exemplo de profissional, jogador e time.
    Quanto a essa temporada, nossa defesa esta horrível.
    Para muitos jogadores faltam aquela agressividade. (minha opnião)
    O jogo de ontem foi uma prova disso, o time conseguiu melhorar nesse ponto no 2. tempo.
    Espero ver o Gasol e o L.A. melhorar nessa temporada.
    Pois sabemos que o playoffs é outro campeonato.
    Agora ver o Ginobili jogando bem não tem preço. (Ontem foi muito bem)
    Abraços a todos!

    • Sobre a singularidade de duncan,citarei sempre para a hisroria do basquete,pois voce pode procurar quem jogue parecido e não vai achar. Feito os demais franchising que sempre têm isso ou aquilo em comum,duncan moldou a propria historia e seus capitulos,nao foi como os outros,que “são capitulos na historia “…

  5. Dos que estão atuando, LA e Gasol são os que precisam entrar e jogar, só assisti o jogo de dentro da quadra não dá, não dá.. Estamos com uma boa campanha, novamente atrás apenas dos guerreiros, mas essa campanha engana e muito, o time está horrível, dependendo somente do Kawhi, é muito pouco.. O Green é o mesmo de sempre, mata uma bolas de três e ajuda um pouco na defesa, fora isso limitado.. Kawhi nem se fala, só dá ele.. Agora, se o Gasol e Aldridge entrarem no esquema, ai sím ficaremos on fire até os playoffs, senão, nada feito.. Chega de jogos sofridos..

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s