Spurs (9-3) @ Kings (4-8) – Invictos na estrada

https://i2.wp.com/content.sportslogos.net/logos/6/233/thumbs/827.gif110×105

Na madrugada de quarta para quinta-feira (17), o San Antonio Spurs visitou o Sacramento Kings e venceu o adversário pelo placar de 110 a 105. Com o resultado, a equipe texana se manteve invicta como visitante na temporada. Vamos, a seguir, aos destaques da partida.

Gasol fez grande partida (Reprodução/nba.com/spurs)

Gasol fez grande partida (Reprodução/nba.com/spurs)

Perto do recorde

Com a vitória sobre o Kings, o Spurs está invicto nos seis primeiros jogos que fez como visitante no campeonato, marca atingida apenas pela terceira vez na história da franquia. As outras foram nas temporadas 2006/2007, com sete triunfos seguidos, e 2010/2011, com oito.

Aldridge ajudou no garrafão (Reprodução/nba.com/spurs)

Aldridge ajudou no garrafão (Reprodução/nba.com/spurs)

Caça e caçador

Sem Dewayne Dedmon, machucado, o Spurs não tinha um bom defensor para lidar com DeMarcus Cousins, que registrou 26 pontos, 17 rebotes e seis assistências em 36 minutos. A solução, então, foi fazê-lo gastar energia na defesa. Assim, LaMarcus Aldridge e Pau Gasol chamaram a responsabilidade ofensivamente. O ala-pivô anotou 21 pontos, seis rebotes, dois tocos e duas roubadas de bola em 33 minutos, enquanto o pivô espanhol contribuiu com mais 24 pontos, nove rebotes e dois tocos em 31 minutos.

Fora da rotação

A ausência de Dewayne Dedmon poderia fazer com que Kyle Anderson, que começou a temporada como ala-armador titular enquanto Danny Green se recuperava de lesão, ganhasse alguns minutos na posição 4. Mas quem herdou os minutos do pivô foi Davis Bertans, que anotou sete pontos e três assistências em 17 minutos. O camisa #1 entrou em quadra apenas no garbage time, com o jogo decidido.

Entrando para a história

A vitória sobre o Kings foi a de número 1.098 da carreira de Gregg Popovich, que se igualou a Larry Brown na sétima colocação entre os treinadores mais vitoriosos da história da NBA. O líder da lista é Don Nelson, com 1.335. Será que dá para o comandante do Spurs chegar?

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Pau Gasol – 24 pontos, 9 rebotes e 2 tocos

LaMarcus Aldridge – 21 pontos, 6 rebotes, 2 tocos e 2 roubos de bola

Kawhi Leonard – 20 pontos, 6 rebotes e 4 roubos de bola

Tony Parker – 14 pontos, 7 assistências e 3 rebotes

Sacramento Kings

DeMarcus Cousins – 26 pontos, 17 rebotes e 6 assistências

Matt Barnes – 15 pontos

Ben McLemore – 14 pontos e 3 rebotes

Willie Cauley-Stein – 11 pontos e 4 rebotes

Rudy Gay – 11 pontos, 3 rebotes e 3 assistências

Darren Collison – 10 pontos, 6 assistências, 4 rebotes e 2 roubos de bola

Sobre Lucas Pastore

Um dos fundadores do Spurs Brasil, seu maior orgulho na carreira jornalística. Formado em Jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2010, é editor do LANCE!Net desde 2013, três anos após ter sido estagiário do Diário LANCE!. Neste meio tempo, foi repórter de automobilismo na agência mob36, redator do UOL Esporte e colunista no Basketeria.

Publicado em 17/11/2016, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 9 Comentários.

  1. Bom ver Gasol bem ofensivamente. Kyle é horrível.

  2. Gasol tá começando a se achar no Spurs, e como é imporatante ter o Parker mais regular em quadra, quando ele passa dos dez pontos normalmente o time joga bem…

  3. Spurs Soares

    Admiro o pop pela paciência que tem com o K.Anderson, o cara já está no terceiro ano de liga e não mostra tamanha evolução , parece que quando vimos a Summer League estamos vendo outro jogador , lá ele é MVP ,25 pontos de média , mas na NBA parece que tem medo de pontuar…

    Vamo acordar Boris Diaw magro!

    • Em pensar que eu havia me apaixonado pela regularidade dele,nos medidos 25 pontos,mas…então,um “tal” de Curry,demorou seculos pra evoluir! Vou esperar o mesmo desse garoto,eserando que ele estrague nossa esperança .

  4. Não vi o jogo, mas concordo com todos que estejam falando mal do Kyle e ainda digo que é pouco. Esse cara tá só barrando o crescimento de outros. Tem que aproveitar enquanto ele é visto como alguém de futuro e trocarmos ele, o que vier é lucro. Talvez por isso tenham renovado com ele, pra enganar os outros times haha.
    Spurs precisa buscar um pivô de boa marcação com urgência, mesmo que atacando seja muito ruim. Talvez na d-league, mas aí o pop nunca colocaria pra jogar. Bem, antes nada que Joel anthony.

  1. Pingback: Spurs (9-3) @ Lakers (7-5) – Temporada Regular | Spurs Brasil

  2. Pingback: Spurs (11-3) vs Mavs (2-11) – A sequência continua! | Spurs Brasil

  3. Pingback: Spurs (12-3) @ Hornets (8-6) – Vitória na colmeia | Spurs Brasil

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s