Spurs (3) @ Grizzlies (0) – Varrida encaminhada

https://i2.wp.com/content.sportslogos.net/logos/6/233/thumbs/827.gif96×87

Nessa sexta-feira (22), o San Antonio Spurs contou com mais um show de Kawhi Leonard para vencer, fora de casa, o Memphis Grizzlies por 96 a 87 e abrir 3 a 0 na série, válida pela primeira rodada dos playoffs da Conferência Oeste. No domingo, o alvinegro visita o adversário de novo para confirmar sua classificação. Vamos aos destaques do jogo.

Leonard foi o dono do show (Reprodução/nba.com/spurs)

Leonard para o resgate

Nos primeiros minutos do jogo 1, que acabou com vitória tranquila do Spurs, Vince Carter converteu uma bola de longa distância e colocou o Grizzlies à frente por 3 a 2. Desde então, a equipe de Memphis não ficava em vantagem no placar. Nesse sábado, porém, a história foi um pouco diferente. Jogando em casa e apostando no small-ball, o time do Tennessee chegou a estar na frente por mais de dois minutos no terceiro período, e a partida teve oito trocas de liderança. Para vencer, o alvinegro contou com mais uma grande atuação de Kawhi Leonard, que anotou 32 pontos, igualando seu recorde pessoal nos playoffs, e ainda contribuiu com mais sete rebotes, cinco tocos e quatro roubadas de bola. Completo!

Aldridge fez bom jogo (Reprodução/nba.com/spurs)

Sequência decisiva

Restando 7:47 para o fim da partida, Boris Diaw acertou um gancho com o cronômetro de posse prestes a estourar e colocou o Spurs em vantagem no placar. A cesta iniciou uma corrida de 7 a 0 para o alvinegro, o que ajudou a decidir o confronto. Para confirmar o triunfo, a defesa da equipe de San Antonio forçou cinco turnovers do Grizzlies no último período.

Fazendo história

Se atuou por somente 13:32 minutos, contra cerca de 22 no jogo 1 e 26 no jogo 2, e anotou somente seis pontos, três assistências e dois tocos, Tim Duncan fez história mais uma vez. O ala-pivô conseguiu sua vitória de número 154 em playoffs na carreira, empatando com Kareem-Abdul Jabbar na terceira colocação no ranking de todos os tempos da NBA. Somente Derek Fisher, com 161, e Robert Horry, com 155, estão na sua frente. Será possível alcançar a dupla?

Passado e presente

Em 2004, Spurs e Grizzlies também se enfrentaram nos playoffs. O time texano venceu os jogos 1 e 2 por vantagem de dígitos duplos, e a equipe de Memphis teve seu melhor momento no jogo 3. Mesmo assim, acabou derrotada por 95 a 93. Depois, o alvinegro venceu o jogo 4 por 13 pontos de diferença, cravando uma das oito varridas que tem em sua história. Se repetir o enredo, a franquia de San Antonio vai impor seu terceiro 4 a 0 sobre o adversário.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Kawhi Leonard – 32 pontos, 7 rebotes, 5 tocos e 4 roubos de bola

LaMarcus Aldridge – 16 pontos e 10 rebotes

Manu Ginobili – 11 pontos, 5 assistências e 3 rebotes

Danny Green – 11 pontos, 4 rebotes e 3 tocos

Memphis Grizzlies

Zach Randolph – 20 pontos e 11 rebotes

Matt Barnes – 17 pontos, 11 rebotes, 4 assistências e 2 roubos de bola

Vince Carter – 11 pontos e 8 rebotes

JaMychal Green – 10 pontos, 4 rebotes e 2 tocos

Anúncios

Sobre Lucas Pastore

Um dos fundadores do Spurs Brasil, seu maior orgulho na carreira jornalística. Formado em Jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2010, é redator do UOL. Cobriu o basquete olímpico na Olimpíada de 2016 pelo LANCE!. Trabalhou também para Basketeria e mob36.

Publicado em 23/04/2016, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 8 Comentários.

  1. Alguém que não viu o jogo acreditaria se eu falasse que o Parker não jogou absolutamente nada mais uma vez?

    • O que acontece com nosso armador? Será que ele não treina? Ou falta motivação, vontade ou sei lá o que. Enfim, é um enigma. Alguém tem que avisá-lo que é o mais novo do trio.

    • Na temporada passada pensei o Ginobili tá mal, precisa se aposentar,mas essa temporada está muito bem.
      O Duncan terminou no 2 time da Nba da temporada passada, mas nesta está mal, só razoável.
      O Parker que é o mais novo do trio, mesmo não tendo nenhuma contusão grave como na temporada passada, consegue ser o pior. Uns quatro jogos muito bons, mas na maioria sem aparecer, assim fica difícil. Ele era o que mais esperava neste ano do trio.

  2. Eu sou apaixonada pelo chute de 3 do danny green. Ele deixou claro que gosta de chutar de forma rapida,sem muito tempo pra respirar,o braço dele ta muito rapido,pra parar e pensar. Nas bolas que fez isso,de pegar e chutar,converteu lindamente,quando parou pra pensar,errou com apendicite…
    Caralha! Que defesa linda! Eu havia sugerido vitorias por dois digitos,mas esse foi por pouco. Placar de 87 na casa do adversario,em p.o. é para poucos .
    Ha sim,algo errado com parker,mas o que é,ninguemdeve saber.
    Foi um jogo onde foi mostrada a total disparidade do grizzlers para o spurs no dado momento que o spurs decdiu decidir,pareceu impor respeito e o que da pra falar de kawhi,é palavrao!

  3. Espero que no muito provável confronto contra OKC o time entre com mais atitude. Com o Parker já perdi a esperança faz tempo, só o Pop que não enxerga. Se deixar ele muito tempo em quadra contra Westbrook já era. O Green ainda tá mal, mas pelo menos marca com certa eficiência. Queria que envolvessem mais o Duncan no ataque.

    • A pipoca francesa nessa temporada tá mais interessada em administrar sua rede se restaurantes francês do que de treinar, tá completamente em outro mundo, sempre desconcentrado e com medo, parece menino novo quando é chamado pra jogar com os adultos. Pop devia era dar férias pra ele.
      Ginobili ontem foi muito bem, jogou com objetividade, marcou bem e matou bolas fundamentais, quando ele tá interessado em ajudar e não a inventar manobras desnecessárias em todas as jogadas ele rende muito.

  4. O parker tem que acorda pra vida é tudo ou nada lá na frente vamos precisar dele matando bolas de todos os armadores neste mata mata ele é o pior como pode isso olha o do Detroit novato chamado a responsabilidade errando matando bola

  1. Pingback: Spurs (3) @ Grizzlies (0) – Primeira fase dos playoffs | Spurs Brasil

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s