Spurs (65-12) @ Jazz (39-39) – Duncan é mil

https://i2.wp.com/content.sportslogos.net/logos/6/233/thumbs/827.gif88×86

Apenas três jogadores conseguiram chegar à marca de mil vitórias em toda a história da NBA. Destes, somente um conseguiu todas por uma só equipe. Trata-se de Tim Duncan, que chegou à marca nessa terça-feira (5), quando o San Antonio Spurs, fora de casa, superou o Utah Jazz pelo placar de 88 a 86. Vamos, a seguir, aos destaques do confronto.

Leonard decidiu o jogo para o Spurs (Reprodução/nba.com/spurs)

Velho ídolo

Kareem Abdul-Jabbar, com 1.074, e Robert Parish, com 1.014. Esses são os dois únicos jogadores da história da NBA que triunfaram mais vezes do que Duncan, que chegou à marca de mil vitórias na partida contra o Utah Jazz. Porém, The Big Fundamental, ao contrário dos outros dois, obteve todas por uma só equipe. Sorte da torcida do Spurs, que pôde vibrar com mais um recorde do ídolo, que esteve presente nos cinco títulos conquistados pela franquia.

Duncan fez história de novo (Reprodução/nba.com/spurs)

Novo ídolo

Para conquistar a vitória de número mil de Duncan, o Spurs teve de contar com a classe da nova cara da franquia. Restando apenas 4,9 segundos para o fim do jogo, Kawhi Leonard converteu o arremesso de meia distância que garantiu o triunfo do alvinegro. O ala foi o cestinha da equipe texana na partida, deixando a quadra com 18 pontos, oito rebotes e dois tocos.

Campanha eternizada

Ofuscada pelo campeonato brilhante que o Golden State Warriors vem fazendo, a temporada do Spurs entrou para a história da NBA. A vitória sobre o Jazz foi a de número 65, recorde da história da franquia texana. Além disso, vale lembrar que o alvinegro ainda está invicto em jogos disputados no AT&T Center e pode se tornar o primeiro time a terminar uma fase de classificação dessa forma. Vem recorde por aí?

Prévia dos playoffs?

Ainda com chances remotas de passar o Warriors, o Spurs parece conformado com a segunda colocação da Conferência Oeste rumo aos playoffs. O Jazz, por sua vez, aparece na oitava posição com apenas meio jogo de desvantagem para o Dallas Mavericks, hoje em sétimo. Com isso, o confronto dessa terça pode ter sido uma prévia da primeira rodada dos playoffs.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Kawhi Leonard – 18 pontos, 8 rebotes e 2 tocos

LaMarcus Aldridge – 14 pontos, 7 rebotes e 4 roubos de bola

Manu Ginobili – 14 pontos

Tony Parker – 11 pontos, 4 assistências e 3 rebotes

Kyle Anderson – 11 pontos, 4 assistências e 3 rebotes

Utah Jazz

Rodney Hood – 23 pontos, 7 rebotes e 4 assistências

Shelvin Mack – 13 pontos e 4 rebotes

Joe Ingles – 13 pontos

Gordon Hayward – 12 pontos e 4 rebotes

Sobre Lucas Pastore

Um dos fundadores do Spurs Brasil, seu maior orgulho na carreira jornalística. Formado em Jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2010, é editor do LANCE!Net desde 2013, três anos após ter sido estagiário do Diário LANCE!. Neste meio tempo, foi repórter de automobilismo na agência mob36, redator do UOL Esporte e colunista no Basketeria.

Publicado em 06/04/2016, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 5 Comentários.

  1. Eu só sabia que duncan era um monstro e,sabia desde as tvs de caixa de madeira que tinha em minha sala,pra ver ele descaracterizar o padrao do basquete como se conhecia e fazer com que fossemos agraciados com essa particularidade de camisa 21 . É o grande nome irretocavel da posiçao,sem duvidas,nunca o compararão a um outro,como acontece com lebron,curry,sempre em alusão a deuses do passado . Ja são quase 20 anos e não nasce outro duncan,o cara é um mito,somos afortunados por sermos testemunhas…
    Entao: quem é a melhor defesa do campeonato,mesmo ?!? Rsrsrs o jazz ta cheio de fogo e dentro de casa,sufocou 86 pontos,perderam pra arremesso de cara que é mvp da final do titulo. Totalmente melhor ver a pontuaçao em digito duplo para mais de dois jogadores,mostra que os caras “assistiram” o jogo…pena que eu não vi isso,buuuaaaaaa

  2. Nessa contagem contam as vitórias em pós-temporada? Se contar e Duncan voltar para a próxima temporada e mantivermos o bom desempenho dos últimos anos, se tornará o maior.

    • Particularmente,desconsidero os demais candidatos da posiçao,eu vejo tapes e tapes,um vai parecendo com o outro,até a camisa 21 aparecer . Eu gamei no duncan antes dele vir pro spurs,deixa esse papo de outra temporada pra la,sesrsrs,eu ja dei o veredicto :p, rsrsrs .

    • Até aqui,nem começaram os playoffs e o cara é “numero de number one em primeiro”,de minutos de playoffs,rsrsrs,duncan,eu TIM amo,kkkkkk

  1. Pingback: Spurs (65-12) @ (69-9) Warriors – Temporada regular | Spurs Brasil

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s