Spurs (57-10) vs (42-24) Clippers – 42 e contando

https://i2.wp.com/content.sportslogos.net/logos/6/233/thumbs/827.gif108×87

Nessa terça-feira (15), o San Antonio Spurs, jogando no AT&T Center, venceu o Los Angeles Clippers pelo placar de 108 a 87 e manteve sua sequência vitoriosa em casa, agora com 42 partidas seguidas sem derrotas. Vamos, a seguir, aos destaques do duelo.

Kawhi foi novamente o destaque do Spurs (Reprodução/nba.com/spurs)

Mais um recorde

Falar de Tim Duncan é chover no molhado. É indiscutível que ele é um dos maiores jogadores de todos os tempos e possivelmente o melhor ala-pivô que já entrou em uma quadra. Nas últimas temporadas, o craque vem batendo recordes, e não foi diferente nessa terça. Com os seis pontos anotados contra o Clippers, The Big Fundamental passou John Havlicek e se tornou o 14º maior pontuador da história da liga. É muito mito pra pouco recorde!

Duncan segue fazendo história (Reprodução/nba.com/spurs)

Caiu no AT&T, vai perdê!

De novo atuando em seus domínios, o Spurs voltou a vencer. A vitória dessa terça soma-se às outras 41, tornando o campeão de 2014 um dos times com a maior sequencia de triunfos seguidos como mandante em temporadas regulares, atrás do Golden State Warriors de Stephen Curry com 48 e do Chicago Bulls de Michael Jordan, com 44.

O jogo

A equipe de San Antonio começou a partida de maneira morna, com LaMarcus Aldridge arremessando muito e errando tudo. O Clippers, com um ótimo ataque e uma defesa consistente, ia conseguindo segurar os adversários. No fim do primeiro quarto, com ambos times com seus reservas, a diferença ficou em dois somente pontos. O segundo período começou avassalador para os donos da casa, que marcaram pontos, defenderam bem e passaram a ter dígitos duplos de vantagem, mas terminaram o primeiro tempo liderando por somente quatro.

No terceiro quarto, a equipe de Los Angeles emparelhou a partida e competiu duro até o último segundo do quarto, quando um arremesso de Kyle Anderson no estouro do cronômetro manteve os texanos na frente por um ponto. O período quarto foi um passeio de Tim Duncan e companhia. Com um time reserva melhor e anotando 37 pontos contra somente 17 de Chris Paul e companhia, a equipe de Gregg Popovich saiu novamente vitoriosa em casa.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Kawhi Leonard – 20 pontos, 5 rebotes, 4 assistências e 3 roubos de bola

LaMarcus Aldridge – 17 pontos e 6 rebotes

Patty Mills – 15 pontos, 6 assistências e 5 rebotes

Manu Ginobili – 13 pontos

Danny Green – 12 pontos

Los Angeles Clippers

Chris Paul – 22 pontos, 8 assistências, 4 rebotes e 3 roubos de bola

DeAndre Jordan – 16 pontos e 14 rebotes

Jeff Green – 15 pontos

J.J. Redick – 14 pontos

Anúncios

Sobre Vinicius Nordi Esperança

Mestrando da UFSCar. Desenvolvedor web. Spursnático e Palmeirense sofredor. email: viniciusnordiesperanca@gmail.com

Publicado em 16/03/2016, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 6 Comentários.

  1. Meu sonho de torcedor dos Spurs sempre foi ver o Chris Paul com a camisa dos Spurs, que monstro!!! Ontem parece que ele e o Parker praticaram dois esportes completamente diferente.
    Mas foi uma boa partida nossa, precisamos seguir assim, sábado é o dia\noite da verdade pra gente. Espero que o Parker não jogue, ele não está com o mínimo foco nos jogos.

  2. O clipper ja judiou da gente,esse jogo foi uma eccelente resposta. Uma boa importancia foi ver lamarcus nao deixar de tentar arremessar e ter exito por tentativa! Danny green,eis que …atoou,eeeeebaaaaa,torcida e lovers agradecem.
    E “témótêo”,nao da mais pra elogiar,só sentar boquiaberta e continuar admirando,que jogadoraço,o tempo passando e ele preenchendo seus novos capitulos,o cara é um rarissimo “fossil vivo divino”,que monstro ! Duncan forever,por favor!

    • Hehehe, um cara que apesar de toda bagagem de títulos, recordes e história, não deixa de fazer o serviço sujo, disputando cada rebote e distribuindo tocos correndo risco de sobrar um cotovelo na cara. Sem dúvida grande exemplo de atleta.

      • Sempre tem um algo a mais,me impressiona desde de que eu era uma criança pequena em barbacena,la em wake forest! Que historia .

  1. Pingback: Spurs (57-10) @ Blazers (35-33) – Temporada Regular | Spurs Brasil

  2. Pingback: Spurs (58-10) @ Blazers (35-34) – Que venham os Warriors | Spurs Brasil

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s