Arquivo diário: 08/03/2016

Spurs (50-10) @ Timberwolves (20-44) – Temporada regular

San Antonio Spurs @ Minnesota Timberwolves – Temporada regular

Data: 08/03/2016

Horário: 22h00 (Horário de Brasília)

Local: Target Center

Na TV: SporTV

Cotação no Apostas Online: Spurs 1,14 (favorito) @ Timberwolves 5,83

Uma noite depois de ser derrotado pelo Indiana Pacers, o San Antonio Spurs viaja até Minneapolis para enfrentar o Minnesota Timberwolves em mais um back-to-back.

Clique aqui e compre seus ingressos para o jogo

Confrontos na temporada (2-0)

23/12/2015 – Spurs 108 @ 83 Timberwolves

Em mais uma demonstração coletiva da capacidade da equipe, o Spurs atropelou o Timberwolves. Kawhi Leonard, com 19 pontos e seis rebotes, se destacou.

28/12/2015 – Spurs 101 vs 95 Timberwolves

Com Boban Marjanovic sendo um dos destaques da partida, os texanos tiveram certa dificuldade, mas superaram os adversários de Minneapolis.

PG – Tony Parker

SG – Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – LaMarcus Aldridge

C – Tim Duncan

Fique de olho – Sendo uma das bases do ataque da equipe de San Antonio, LaMarcus Aldridge parece agora entender seu papel no time. Apresentando ótimo rendimento nos últimos jogos, vem sendo peça importante para as atuações do alvinegro.

PG – Ricky Rubio

SG – Zach LaVine

SF – Andrew Wiggins

PF – Gorgui Dieng

C – Karl-Anthony Towns

Fique de olho – Primeira escolha do Draft de 2015 e principal novato desta temporada, Karl-Anthony Towns vem demonstrando a eficiência que os “novos” pivôs necessitam. Com 18 pontos, dez rebotes e 1,8 tocos por jogo, além de 70% de acerto nos arremessos perto do aro, 48% de meia distância e 35% de três, o jovem vem sendo o destaque do Wolves.

Anúncios

Spurs (53-10) @ Pacers (34-30) – Sem liderança

 96×78

Já classificado para os playoffs, o San Antonio Spurs, que teve o elenco completo mas não pôde contar com o técnico Gregg Popovich, foi surpreendido na noite desta segunda-feira (7) e não teve forças para vencer, fora de casa, o Indiana Pacers. Com o placar de 99 a 91 a favor dos mandantes, o time texano sofreu apenas sua décima derrota em toda a temporada. Apesar do revés, o alvinegro ainda continua firme e forte na segunda colocação da Conferência Oeste. Vamos, a seguir, aos destaques da partida:

Mesmo com time completo, o Spurs não conseguiu vencer (NBA/ Getty Images)

Tabu quebrado

O triunfo na noite desta segunda-feira (7) teve um gostinho especial para o Pacers devido a uma série de fatores. Um dos motivos do importante triunfo é o fato de ter sido apenas a segunda vitória do clube em 17 partidas contra o Spurs desde 2008. Outro fator que valoriza o bom resultado foi por ter sido conquistado sobre o segundo melhor time da liga, atrás apenas do Golden State Warriors. A vitória levantou a moral do elenco de Indianápolis, e isso pôde ser visto na atuação de Paul George. O ala, que ficou bastante tempo parado por conta de uma séria lesão na perna, vem aos poucos recuperando seu status de All-Star. Na exibição, mostrou para o que veio e liderou sua equipe com 23 pontos e cinco rebotes.

Mas, apesar da derrota, o Spurs ainda desempenha sua melhor campanha nos primeiros 63 jogos de uma temporada em toda a história da NBA: 53 vitórias e dez derrotas.

Sem Parker, Mills ganhou tempo de jogo (NBA/ Getty Images)

Sem liderança

Horas antes do jogo, o Spurs sofreu o que talvez possa ter sido seu maior desfalque até então, podendo até ter comprometido o resultado final. O técnico Gregg Popovich não pôde estar no comando da equipe por conta de problemas de saúde na família. O porta-voz da franquia não entrou em maiores detalhes a respeito da ausência do treinador, e por enquanto não há maiores informações sobre o que aconteceu. E a ausência pode ser mais longa. Pop também é baixa esperada no compromisso desta terça-feira (9), contra o Minnesota Timberwolves, fora de casa. Seu retorno está previsto apenas para quinta-feira (10), quando a equipe recebe o Chicago Bulls.

Sem Popovich, um dos responsáveis pela organização do time é Tony Parker. Porém, o armador sofreu uma lesão no dedo do pé esquerdo na segunda metade de jogo e não voltou mais. A derrota para o Pacers custou a quebra da marca de seis jogos sem perder fora de casa do time texano no campeonato.

Pior desempenho 

Fato é que a ausência de Pop parece ter afetado os atletas e a identidade do time. O Spurs errou 14 dos 15 primeiros arremessos de três que tentou, média de 35% de aproveitamento. Ao todo, foram apenas quatro tiros certos em 28 arriscados.

Os números ruins da equipe de San Antonio no jogo não param por aí. A noite em que mais arriscou arremessos na temporada, foram 96 no total, também foi a que o Spurs também teve sua menor pontuação em um quarto no campeonato: apenas 13 na primeira parcial.

Outros números que chamam atenção são de rebotes. Metade do total do time ficou com Tim Duncan, com 14, e LaMarcus Aldridge, com 12. O resto do time distribuiu os outros 26.

Sempre eles

Destaques do alvinegro na temporada atual, Kawhi Leonard e LaMarcus Aldridge já cansaram de provar que o time estará em boas mãos quando Tim Duncan e Manu Ginobili deixarem as quadras para sempre. O ala é a principal esperança da franquia e anotou 23 pontos e seis rebotes no jogo dessa segunda. Além dele, Aldridge, recém-chegado, também mostrou seu potencial com a camisa alvinegra. Foram 23 pontos e 12 rebotes para o ala-pivô.

Outro que por muito pouco não anotou mais um double-double em sua carreira foi Tim Duncan. O veterano ala-pivô mostrou que dessa fruta ainda há suco ao anotar nove pontos e conquistar 14 rebotes, além de distribuir quatro assistências contra o Pacers. O camisa #21 também chegou à incrível marca de 14.998 ressaltos coletados em sua carreira.

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

LaMarcus Aldridge – 23 pontos e 12 rebotes

Kawhi Leonard – 23 pontos e 6 rebotes

Patt Mills – 17 pontos

Tim Duncan – 9 pontos, 14 rebotes e 4 assistências

Indiana Pacers

Monta Ellis – 26 pontos

Paul George – 23 pontos e 5 rebotes

Rodney Stuckey – 12 pontos

Ian Mahinmi – 11 pontos e 9 rebotes