Arquivo mensal: janeiro 2016

Spurs (39-8) @ Cavaliers (34-12) – Outro tombo

assinatura SA Br''

https://i2.wp.com/content.sportslogos.net/logos/6/233/thumbs/827.gif103×117

O San Antonio Spurs terminou a semana quase da mesma forma que começou: jogando pouco e caindo de forma dura para um candidato ao título. Dominado na maior parte do duelo, o alvinegro perdeu para o Cleveland Cavaliers por 117 a 103 na noite deste sábado (30), fora de casa, e somou sua oitava derrota na temporada. O próximo compromisso dos texanos será na segunda-feira, no AT&T Center, contra o Orlando Magic. Vamos aos destaques da partida:

LeBron James não perdoou as falhas do Spurs e foi o cestinha da partida (NBAE/Getty Images)

Fez falta

Após ser o cestinha da equipe na vitória sobre o Houston Rockets, LaMarcus Aldridge iniciou a partida muito bem, conferindo quatro dos cinco primeiros arremessos tentados. Porém, para a tristeza do torcedor alvinegro, o ala-pivô rapidamente cometeu três faltas no primeiro período e forçou o técnico Gregg Popovich a tirá-lo de quadra. Com o camisa #12 fora até o início do segundo tempo, o time de San Antonio perdeu a sua referência ofensiva e, na sequência, começou a sofrer com problemas do outro lado da quadra.

Kawhi foi o melhor spur da noite (Reprodução/nba.com/spurs)

Volta, Timmy!

Quase quarentão, Tim Duncan continua sendo essencial na rotação de Pop. Fora pelo terceiro jogo seguido por conta de dores no joelho, o camisa #21 assistiu do banco uma partida fraca da sua equipe na defesa, onde ele faz tão bem o seu trabalho. Mal na tábua – 32 rebotes, contra 43 do Cavs – e com pouca proteção no aro, o Spurs não conseguiu evitar que o time da casa anotasse 52 pontos dentro da área pintada, comandado por LeBron James e Kyrie Irving, com 29 e 21 pontos, respectivamente.

Outro que se aproveitou da noite ruim da equipe de San Antonio foi Kevin Love. Agressivo e, várias vezes, sem muita marcação, o ala-pivô foi decisivo nos primeiros dois quartos, quando anotou 18 dos seus 21 pontos (8-13 FG e 3-6 3 PT) no jogo e ajudando o Cavs a alcançar 66 pontos no primeiro tempo (pior marca sofrida pelo Spurs na temporada) e ir para os vestiários com uma vantagem de 17 pontos, que seria bem administrada no resto do embate.

Valeu a tentativa

Tentando trazer algo diferente para o segundo tempo, Gregg Popovich passou a usar mais uma defesa por zona 2-3. No princípio ela até funcionou, diminuindo a superioridade do Cavs no garrafão e cortando a diferença para 11 pontos, mas logo a tática foi desarmada pelo adversário, que aproveitou o “cobertor curto” para castigar da linha dos três pontos – quase sempre sem contestação – e recuperar o controle da partida.

Nem tudo foi ruim…

Grande surpresa do Spurs na temporada 2015/2016, Jonathon Simmons segue acumulando boas atuações nos minutos em que permanece em quadra. Após ter sido o único defensor a incomodar Steph Curry na última segunda-feira, dessa vez o ala-armador mais uma vez mostrou seu potencial e vigor defensivo, fazendo um bom trabalho em cima de Kyrie Irving e, ainda, aplicando um toco sensacional em cima de LeBron James (clique aqui e veja o vídeo). O camisa #17 também contribuiu com oito pontos e foi o destaque positivo dos visitantes junto com Kawhi Leonard (24 pontos). Com Danny Green medíocre ofensivamente no campeonato, a chance de vermos o calouro no quinteto titular é cada vez mais plausível.

Destaques da partida:

San Antonio Spurs

Kawhi Leonard – 24 pontos e 6 rebotes

LaMarcus Aldridge – 15 pontos

Tony Parker – 13 pontos, 6 assistências e 4 rebotes

Kyle Anderson – 10 pontos, 3 rebotes e 3 assistências

Cleveland Cavaliers

LeBron James – 29 pontos, 7 assistências, 5 rebotes, 2 roubos de bola e 2 tocos

Kevin Love – 21 pontos e 11 rebotes

Kyrie Irving – 21 pontos, 6 assistências e 2 roubos de bola

Spurs (39-7) @ Cavaliers (33-12) – Temporada Regular

assinatura SA Br'

San Antonio Spurs @ Cleveland Cavaliers – Temporada Regular

Data: 30/01/2016

Horário: 23h30 (Horário de Brasília)

Local: Quicken Loans Arena, Cleveland, OH.

Na tv: Sportv

Cotação no Apostas Online: Spurs 1,75 (favorito) @ Cavaliers 2,09

Após atropelar o Houston Rockets na última quarta-feira, se recuperando da desastrosa derrota para o Golden State Warriors dois dias antes, o San Antonio Spurs encara outra pedreira na noite deste sábado. Ainda sem Tim Duncan, com dores no joelho direito, o alvinegro reencontra, agora fora de casa, o Cleveland Cavaliers, líder da Conferência Leste, que vem de vitória na noite sobre o Detroit Pistons na noite anterior, a terceira consecutiva sob o comando de seu novo treinador Tyronn Lue. As ausências dos donos da casa para o duelo de logo mais serão os lesionados Anderson Varejão e Mo Williams.

Clique aqui e compre seus ingressos para o jogo

Confrontos na temporada (1-0)

14/01/16 – Spurs 99 vs 95 Cavaliers

No primeiro grande teste desta temporada, o Spurs contou com grandes atuações do armador Tony Parker e do ala Kawhi Leonard para reverter uma desvantagem que chegou à marca de 15 pontos e vencer o Cavaliers, mantendo a invencibilidade dentro do AT&T Center.

https://i2.wp.com/content.sportslogos.net/logos/6/233/thumbs/827.gif

PG – Tony Parker

SG – Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – LaMarcus Aldridge

C – David West

Fique de olho – Convocado pela quinta vez consecutiva – a primeira como spur – para o All-Star GameLaMarcus Aldridge deixou para trás a noite terrível em Oakland e foi o destaque do Spurs na última vitória sobre o Rockets, anotando 25 pontos e pegando dez ressaltos. Contra um garrafão de Cleveland fraco defensivamente, o camisa #12 tem tudo para fazer outra boa atuação e ser a referência do ataque alvinegro.

Kevin Love

PG – Kyrie Irving

SG – J.R. Smith

SF – LeBron James

PF – Kevin Love

C – Tristan Thompson

Fique de olho – Em Cleveland, Kevin Love ainda passa longe daquele jogador espetacular que surgiu no Minnessota Timberwolves, mas nem por isso deixa de contribuir. Com médias de double-double (15 pontos e dez rebotes), o ala-pivô vem motivado após superar a marca dos 20 pontos nos últimos dois jogos, sendo cestinha contra o Pistons com 29 pontos.

 

Aldridge é convocado para o All-Star Game

O San Antonio Spurs terá três representantes no All-Star Game deste ano. Depois de Kawhi Leonard ter sido eleito titular da Conferência Oeste em votação popular e de Gregg Popovich ter se garantido como treinador do time, a NBA anunciou, nessa quinta-feira (28), que LaMarcus Aldridge está entre os sete convocados para o banco de reservas da equipe.

Aldridge é mais um All-Star em San Antonio (Reprodução/nba.com/spurs)

Chris Paul, do Los Angeles Clippers; James Harden, do Houston Rockets; Anthony Davis, do New Orleans Pelicans; DeMarcus Cousins, do Sacramento Kings; e Klay Thompson e Draymond Green, do Golden State Warriors, serão os outros reservas do Oeste. Para o Leste, foram convocados Isaiah Thomas, do Boston Celtics; John Wall, do Washington Wizards; DeMar DeRozan, do Toronto Raptors; Jimmy Butler, do Chicago Bulls; Paul Millsap, do Atlanta Hawks; Chris Bosh, do Miami Heat; e Andre Drummond, do Detroit Pistons.

Os jogadores foram eleitos pelos técnicos da liga, que indicaram dois das posições 1 ou 2, três das posições 3, 4 ou 5 e mais dois adicionais, sem poder votar em seus comandados.

O All-Star Game deste ano será disputado no dia 14 de fevereiro, em Toronto.

Pop será o técnico do Oeste no All-Star Game

O San Antonio Spurs garantiu mais um participante no All-Star Game deste ano. Depois de Kawhi Leonard ter sido eleito titular da Conferência Oeste em votação popular, a NBA anunciou, nessa quarta-feira (27), que Gregg Popovich será o treinador da equipe.

Pop deve levar seus assistentes (Reprodução/nba.com/spurs)

O técnico com o principal recorde de cada conferência a cada temporada se qualifica para treinar seu respectivo time no All-Star Game. Como Steve Kerr, do Golden State Warriors, está inelegível por ter recebido a honraria em 2015, Pop se garantiu como segundo melhor da Conferência Oeste. Tyronn Lue, do Cleveland Cavaliers, será o treinador do Leste.

O All-Star Game deste ano será disputado no dia 14 de fevereiro, em Toronto.

Spurs (39-7) vs. Rockets (25-23) – Pagaram o pato!

leo-resumo

https://i2.wp.com/content.sportslogos.net/logos/6/233/thumbs/827.gif130×998xe4813lzybfhfl14axgzzqeq

O Houston Rockets não tinha nada a ver com a derrota do San Antonio Spurs para o Golden State Warriors, duas noites antes. Mas foi ele o condenado a pagar o pato por uma das piores derrotas da franquia do AT&T Center nos últimos tempos. Se ao enfrentar o líder da Conferência Oeste o alvinegro sofreu, ao receber seu rival texano passeou: 130 a 99, nessa quarta-feira (27). Um jogo para lavar a alma! Vamos ao que de melhor aconteceu:

Aldridge foi o cestinha do jogo (Reprodução/nba.com/spurs)

Fechem seus Facebooks!

Logo após a derrota para o Warriors, LaMarcus Aldridge colocou para dormir suas contas nas redes sociais. E não é que funcionou? Pior em quadra no revés, ele foi o dono da vitória sobre o Rockets. Aproveitamento de quadra excelente, participação efetiva no ataque, bons passe… Enfim, tudo o que se espera dele. Se meu chefe achar que isso está relacionado à saída das redes sociais, nunca mais vou poder usar o Facebook no trabalho!

Kyle Anderson foi titular (Reprodução/nba.com/spurs)

Do small ball perdemos; com ele, ganhamos

O Spurs entrou em quadra com uma formação extremamente baixa. Aldridge era o maior em quadra, atuando como pivô. Nas alas, Kawhi Leonard e Kyle Anderson. E aí que o time de San Antonio ganhou o jogo. O Rockets até contra-atacou ao entrar sem Clint Capela, também em formação mais baixa. Mas não aguentou o ritmo de um alvinegro insano no ataque. Boa variação do treinador Gregg Popovich.

Bobanator!

Mais uma vez, Boban Marjanovic teve boas chances. E mais uma vez ele foi muito bem. O pivô sérvio esteve em quadra por somente 16 minutos, mas nesse tempo conseguiu fazer 13 pontos, pegar dez rebotes e acertar cinco de seus nove arremessos. Uma atuação e tanto para um reserva que, aos poucos, começa a cavar muito bem seu espaço na rotação da equipe.

A única preocupação…

… é Tim Duncan. Nessa quarta-feira ele ficou fora de novo e não tem tempo de retorno estipulado. Ok, esperado para um jogador em sua idade, mas começa a ser preocupante.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

LaMarcus Aldridge – 25 pontos, 10 rebotes e 5 assistências

Danny Green – 18 pontos, 6 rebotes, 3 assistências e 3 roubos de bola

Kawhi Leonard – 18 pontos

Tony Parker – 15 pontos, 7 assistências e 3 rebotes

Boban Marjanovic – 13 pontos e 10 rebotes

Houston Rockets

James Harden – 20 pontos e 3 rebotes

Dwight Howard – 13 pontos, 8 rebotes e 2 tocos

Josh Smith – 11 pontos e 7 rebotes

Terrence Jones – 11 pontos e 3 rebotes

Jason Terry – 10 pontos e 3 rebotes