Arquivo diário: 15/10/2015

Spurs (0-3) @ Hawks (3-0) – Mais um revés

https://i0.wp.com/content.sportslogos.net/logos/6/233/thumbs/827.gif86×100

Em seu primeiro reencontro com Tiago Splitter, o San Antonio Spurs visitou o Atlanta Hawks nesta quarta-feira (14) e saiu de quadra derrotado pelo placar de 100 a 86. Com isso, o alvinegro texano perdeu os três jogos que disputou até agora na pré-temporada deste ano, todos eles fora de casa. Vamos, a seguir, aos principais pontos do confronto.

Ginobili foi o destaque entre os reservas (Reprodução/nba.com/spurs)

 Sem novidades

Com LaMarcus Aldridge poupado por conta de dores nas costas e Boris Diaw ainda sem ter atuado na pré-temporada, Matt Bonner recebeu a chance de iniciar o duelo no time titular do Spurs. Além dele, Tony Parker, Danny Green, Kawhi Leonard e Tim Duncan começaram jogando, em quinteto formado só por nomes que já estavam no grupo na última temporada. O destaque, de novo, foi o camisa #2, que deixou a quadra com 20 pontos e oito rebotes e chegou aos dígitos duplos pela terceira vez em três partidas nesta fase preparatória.

Leonard foi o cestinha do jogo (Reprodução/nba.com/spurs)

 As novidades

Além do poupado Aldridge, todos os reforços que têm contrato garantido para a próxima temporada saíram do banco de reservas no confronto com o Hawks. Nenhum teve grande destaque: Ray McCallum anotou três pontos em 9:04 minutos; Jonathon Simmons obteve um ponto, uma assistência e um rebote em 9:19 minutos; David West contribuiu com dois pontos, oito rebotes, três assistências e um toco em 18:06 minutos; e Boban Marjanovic deixou a quadra com dois pontos e três rebotes em 12:41 minutos.

Quem fica?

Entre os jogadores com contratos não garantidos que brigam pela 15ª e última vaga no elenco do Spurs, os destaques foram o pivô Youssou Ndoye, que conseguiu oito pontos, quatro rebotes e duas roubadas de bola em 12 minutos, e o versátil ala DeShaun Thomas, que registrou oito pontos, um rebote, uma assistência e uma roubada de bola em 19:21 minutos.

Todos os outros atletas nesta situação receberam chances: Keifer Sykes anotou um rebote em 9:19 minutos; Jimmer Fredette obteve quatro pontos e três rebotes em 15:01 minutos; Reggie Williams contribuiu com três pontos, dois rebotes e uma assistência em 8:58 minutos; e Rasual Butler deixou a quadra com cinco rebotes e duas assistências em 14:02 minutos.

Nota sobre o reencontro

Trocado pelos direitos de Georgios Printezis na offseason, Tiago Splitter, agora jogador do Hawks, jogou contra o Spurs pela primeira vez em sua carreira. O pivô brasileiro deixou a quadra com três pontos, seis rebotes, três assistências, um toco e uma roubada de bola em 18:16 minutos e, após a partida, contou um caso engraçado sobre o técnico Gregg Popovich.

“Foi engraçado que, depois de eu converter dois lances livres, ele disse ‘bom trabalho, Tiago’. Foi a primeira vez que ele disse algo bom para mim durante um jogo. Foi engraçado”, brincou Splitter, segundo reportagem do jornal americano The Atlanta Journal-Constitution.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Kawhi Leonard – 20 pontos e oito rebotes

Manu Ginobili – 10 pontos e 3 roubos de bola

Atlanta Hawks

Jeff Teague – 19 pontos, 5 rebotes e 3 assistências

Paul Millsap – 13 pontos, 9 rebotes e 2 roubos de bola

Kyle Korver – 13 pontos e 4 rebotes

Dennis Schroder – 10 pontos, 4 assistências e 3 rebotes