Spurs (0-2) @ Heat (1-2) – Tinha que ser no último quarto

SanAntonioSpurs94×97

Em duelo equilibrado com o Miami Heat, nesta segunda-feira (12), o San Antonio Spurs acabou sofrendo sua segunda derrota em duas nesta pré-temporada, ambas fora de casa. O fator determinante para o revés pelo placar de 97 a 94 foi o último quarto, no qual o time da Flórida dominou o alvinegro. Mesmo assim, LaMarcus Aldridge se destacou ao liderar os visitantes em pontos e em rebotes. Vamos, a seguir, aos principais destaques do confronto.

Aldridge se destacou pelo Spurs (Reprodução/nba.com/spurs)

Kawhi foi bem de novo (Reprodução/nba.com/spurs)

Último quarto decisivo

É interessante ver Spurs e Heat em ação dentro de quadra. Mesmo com o time de San Antonio vencendo os três primeiros quartos, os mandantes deram trabalho. Antes do período decisivo, o alvinegro estava vencendo por 84 a 71. Mas, na parcial final, os técnicos de ambas as equipes decidiram descansar suas principais peças, fazendo com que os reservas jogassem. Com isso, a equipe de Miami cresceu e fez 28 a 10 nos 12 minutos finais, superando os visitantes e vencendo por 97 a 94.

Do lado de Miami, vale destacar Gerald Green, com 17 pontos, e Dwyane Wade, com 16. Já pelos texanos, o líder da equipe em quadra foi Tim Duncan, que marcou 14 pontos e pegou seis rebotes.

Sintonia no ar

Aldridge foi, obviamente, a maior adição à equipe para a próxima temporada. Em quadra, foi possível ver ele e Duncan jogando juntos pela primeira vez.

Mesmo com o pouco tempo, ambos já trocaram bons passes dentro do garrafão e protagonizaram alguns dos principais lances da partida. Definitivamente, será divertido ver os dois juntos ao longo da temporada. O camisa 12 terminou a partida sendo o maior cestinha e reboteiro do Spurs, com 17 pontos e oito ressaltos em 24 minutos de quadra.

Desfalques e complementos

O time de Miami teve mais ausências que o de San Antonio. O pivô Hassan Whiteside lesionou sua panturrilha direita e ainda não atuou por sua equipe na pré-temporada. Entre os jogadores poupados, os donos da casa não escalaram Mario Chalmers, Josh McRoberts e Amare Stoudemire, enquanto Gregg Popovich deixou de fora apenas Boris Diaw.

Das novas peças que estão na equipe, cinco delas serão cortadas até a temporada começar. Entre os nomes, os que tiveram mais tempo em quadra foram Jonathon Simmons, que jogou quase dez minutos, marcou quatro pontos e deu duas assistências, e Boban Marjanovic, que marcou dois pontos e pegou três rebotes em 14 minutos.

Não tem descanso

O início da temporada 2015/2016 da NBA se aproxima, e o trabalho continua. Nesta quarta-feira (14), o Spurs cai na estrada e vai até a Philips Arena enfrentar o time de seu ex-assistente técnico, Mike Budenholzer, e de seu ex-pivô, o brasileiro Tiago Splitter.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

LaMarcus Aldridge – 17 pontos e 8 rebotes

Kawhi Leonard – 14 pontos e 7 rebotes

Tim Duncan – 14 pontos e 6 rebotes

Miami Heat

Gerald Green – 17 pontos e 3 rebotes

Dwyane Wade – 16 pontos e 3 rebotes

Tyler Johnson – 14 pontos

Sobre Sonia Cury

23 anos. Jornalista. Apaixonada por esportes. Torcedora do Spurs na NBA e do Packers na NFL. Gosta da vida urbana e desse contraste de caos e cores. Viajar para outros países e aprender com outras culturas é sua meta de vida. Escreve no Spurs Brasil desde 2015.

Publicado em 13/10/2015, em Pré-Temporada, Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s