Arquivo diário: 27/07/2015

Ndoye assina contrato com o Spurs

Uma das offseasons mais movimentadas da história do San Antonio Spurs segue a todo vapor. De acordo com reportagem do site americano Project Spurs, o pivô Youssou Ndoye assinou contrato com a franquia texana para o período de pré-temporada do alvinegro.

Ndoye em ação pelo Spurs em Las Vegas (Reprodução/nba.com/spurs)

Pivô senegalês de 24 anos de idade e 2,13m de altura, Ndoye acaba de completar sua quarta e última temporada no basquete universitário americano, na qual sustentou médias de 11,8 pontos (47,0% FG, 71,1% FT), 10,1 rebotes e 2,6 tocos em 31,9 minutos por partida pelo St Bonaventure Bonnies. Ele esteve com o Spurs na Summer League de Las Vegas, obtendo, em média, 3,2 pontos (35,7% FG, 75,0% FT), 1,8 rebotes e 0,5 tocos em 9,3 minutos por jogo.

De acordo com Adrian Wojnarowski, do Yahoo! Sports, o provável destino de Ndoye para a temporada 2015/2016 é o Austin Spurs. Isso porque as franquias da D-League têm prioridade na contratação dos três últimos jogadores dispensados por sua afiliada da NBA – existe ainda a possibilidade de que esse número cresça para quatro neste ano.

Anúncios

Milutinov vai jogar no Olympiacos

Selecionado pelo San Antonio Spurs na 26ª escolha do Draft deste ano, Nikola Milutinov está de casa nova para a temporada 2015/2016. De acordo com reportagem do site americano Project Spurs, o pivô sérvio assinou um contrato de três anos com o Olympiacos, da Grécia.

Milutinov é o novo reforço do Olympiacos (Reprodução/facebook.com/olympiacosbc)

Milutinov é o novo reforço do Olympiacos (Reprodução/facebook.com/olympiacosbc)

De acordo com reportagem do site Eurohoops, o novo contrato assinado por Milutinov tem uma cláusula que permite que ele se transfira para a NBA a qualquer momento.

Em seu novo clube, Milutinov será companheiro de Georgios Printezis, que teve seus direitos adquiridos pelo Spurs na troca que enviou Tiago Splitter para o Atlanta Hawks.

Com 20 anos de idade e 2,13m de altura, Milutinov apresentou, na última temporada, médias de 9,8 pontos (57,3% FG, 58,7% FT) e 7,6 rebotes em 28,0 minutos por exibição em 29 jogos na Liga Adriática e sete pontos (44,2% FG, 77,3% FT) e seis rebotes em 22,4 minutos por partida em nove compromissos na Eurocopa com a camisa do Partizan, clube de seu país.