Arquivo diário: 06/07/2015

Spurs contrata West, perde Joseph e é ligado a Delfino

Uma das offseasons mais movimentadas da história do San Antonio Spurs segue a todo vapor. Nesta segunda-feira (6), a franquia fechou a contratação do ala-pivô David West. Além disso, segundo reportagem do site americano Project Spurs, o alvinegro perdeu Cory Joseph, que acertou sua transferência para o Toronto Raptors, e teve seu nome ligado a Carlos Delfino.

Ele chegou! David West é do Spurs ( (USATSI)

De acordo com Marc Stein, jornalista da ESPN americana, West vai ganhar US$ 1,5 milhões do Spurs na próxima temporada, valor mínimo para veteramos com sua experiência. Na última, com a camisa do Indiana Pacers, apresentou médias de 11,7 pontos (47,1% FG, 20,0% 3 PT, 73,9% FT), 6,8 rebotes e 3,4 assistências em 28,7 minutos por exibição.

Por outro lado, o Spurs não conseguiu manter Joseph. O contrato do armador canadense com o Raptors será válido por quatro temporadas. Além dele, o Spurs já perdeu também durante esta offseason Marco Belinelli, que fechou com o Sacramento Kings; Aron Baynes, que acertou com o Detroit Pistons; e Tiago Splitter, trocado para o Atlanta Hawks.

Para lidar com as baixas e reconstruir seu elenco de olho na próxima temporada, o Spurs segue estudando o mercado de agentes livres. De acordo com reportagem do jornal argentino Olé, Delfino vai visitar o alvinegro e também o Houston Rockets. O ala está fora da NBA desde a temporada 2013/2014, quando esteve a serviço do Milwaukee Bucks.

Anúncios

Ginobili anuncia que volta para mais uma temporada

A notícia que esperávamos chegou: Manu Ginobili continuará defendendo as cores do San Antonio Spurs por pelo menos mais uma temporada. O jogador fez o anúncio por meio de seu Twitter oficial. Os valores do contrato ainda não foram divulgados.

Ginobili vai jogar ao menos mais um ano (Reprodução/nba.com/spurs)

Muito se especulou sobre uma possível aposentadoria de Ginobili. Aos 37 anos de idade, o ala-armador argentino já não exibe o mesmo físico de antigamente, mas resolveu continuar – talvez levado pelas recentes movimentações do Spurs na offseason.

No anúncio, o jogador ainda aproveitou para brincar com o companheiro Tim Duncan, que também acertou para ficar. Manu usou em seu post uma hashtag dizendo que o motivo de sua volta é que Timmy não aguentaria de saudades caso ele se aposentasse.

O ala-armador vai para sua 14ª temporada na NBA, todas defendendo as cores do Spurs. São nada menos do que quatro títulos eduas participações em All-Star Games pelo alvinegro. Na última temporada, a serviço da equipe de San Antonio, apresentou médias de 10,5 pontos, 4,2 assistências e três rebotes em 22,7 minutos por exibição na fase de classificação e oito pontos, 4,6 assistências e 3,4 rebotes em 18,7 minutos por partida nos playoffs.

Clique aqui e confira as movimentações do Spurs na offseason