Spurs (19-14) @ Grizzlies (23-8) – Sofrendo com ausências

87×95

O San Antonio Spurs enfrentou o Memphis Grizzlies na noite desta terça-feira (30) e saiu derrotado. Mesmo contando com a ausência de Zach Randolph para o outro lado, os texanos não foram páreo para os adversário. Vamos aos destaques da partida:

Belinelli teve boa atuação e se recuperou da partida ruim contra o Rockets (Reprodução/nba.com/spurs)

Belinelli foi bem e se recuperou do jogo ruim contra o Rockets (Reprodução/nba.com/spurs)

Dezembro maluco

Mais uma vez, o Spurs perdeu para candidato ao título. O mês de dezembro trouxe, talvez, a pior sequência que a equipe teve nos últimos anos, levando em consideração o poderio dos rivais. Foram três duelos com o Memphis Grizzlies, duas com o Portland Trail Blazers e uma com Dallas Mavericks, Los Angeles Clippers e Oklahoma City Thunder. A equipe ainda enfrentou Brooklyn Nets e Denver Nuggets, duas equipes que tiveram uma ascensão durante o mês. Tudo isso dá um alívio se formos pensar no restante da temporada, sendo que, a partir de janeiro, teoricamente, os texanos terão um caminho mais fácil a percorrer.

Cory Joseph fez mais uma boa partida (Reprodução/nba.com/spurs)

Ausências que doem

O garrafão não vem sofrendo tanto. Com Tim Duncan ainda em forma, Tiago Splitter de volta e Aron Baynes jogando bem, a única preocupação é com a forma de Boris Diaw. Aparentemente, o francês ainda não entrou no ritmo da NBA, o que vem custando um pouco de seu desempenho. Entretanto, o principal fator de preocupação vem do perímetro. Tony Parker e Kawhi Leonard vivenciaram muitos problemas de lesões essa temporada, deixando-os fora do time por períodos importantes. Enquanto ambos não estiverem de volta e com ritmo de jogo, a equipe vai sofrer contra times um pouco mais fortes e organizados.

A boa notícia

Patrick Mills realizou sua segunda partida na temporada após voltar de contusão e foi bem. Em pouco mais de 17 minutos, o armador anotou dez pontos e distribuiu três assistências. A volta do australiano é bem vinda nesse momento.

A ausência de Tony Parker é muito sentida e, mesmo Cory Joseph sendo um bom armador, Patty tem mais experiência e consegue criar melhor seus arremessos e até passes. Sem o camisa #8, Manu Ginobili ficava muito encarregado de conduzir a bola no ataque, e infelizmente o veterano não tem o mesmo pique de antes, ficando nitidamente exausto em algumas partidas. Tendo agora dois armadores de ofício, o argentino poderá ter mais tempo de descanso, ajudando muito mais quando estiver em quadra.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Marco Belinelli – 18 pontos e 4 rebotes

Cory Joseph – 18 pontos, 3 assistências, 3 rebotes e 3 roubos de bola

Patty Mills – 10 pontos e 3 assistências

Memphis Grizzlies

Mike Conley – 30 pontos, 7 rebotes e 6 assistências

Marc Gasol – 17 pontos, 9 rebotes e 5 assistências

Tayshaun Prince – 12 pontos

Anúncios

Sobre Vinicius Nordi Esperança

Mestrando da UFSCar. Desenvolvedor web. Spursnático e Palmeirense sofredor. email: viniciusnordiesperanca@gmail.com

Publicado em 31/12/2014, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s