Arquivo diário: 26/12/2014

Spurs (18-12) @ Pelicans (14-14) – Temporada Regular

San Antonio Spurs @ New Orleans Pelicans – Temporada regular

Data: 26/12/2014

Horário: 23h00 (Horário de Brasília)

Local: Smoothie King Center

Cotação no Apostas Online: Spurs 2,39 @ Pelicans 1,58 (favorito)

Após perder em casa para o Oklahoma City Thunder, sem Kevin Durant, por 114 a 106 em casa, o San Antonio Spurs viaja até a Luisiana para encarar o New Orleans Pelicans. O time de Anthony Davis e companhia tem as vantagens de atuar em seus domínios e de não ter jogado na noite de Natal. O time texano, por sua vez, deve se redimir pela derrota em casa na rodada especial do feriado. O adversário ocupa a nona colocação da Conferência Oeste, com 14 vitórias e 14 derrotas – a última diante do Indiana Pacers, por 96 a 84. Enquanto isso, o alvinegro está na sétima posição, com 18 triunfos e reveses derrotas.

Confrontos na temporada (0-1)

08/11/2014 – Spurs 99 vs 100 Pelicans

As duas equipes já se encontraram há pouco mais de um mês, bem no começo da temporada. E quem se deu melhor foi o Pelicans. O time texano ficou atrás do placar o jogo inteiro, mas uma virada no fim ainda deu esperanças aos torcedores. Esperanças essas que foram apagadas pelo astro Anthony Davis nos últimos segundos da partida.

Clique aqui e compre seus ingressos para o jogo

PG – Cory Joseph

SG – Marco Belinelli

SF – Danny Green

PF – Tim Duncan

C – Tiago Splitter

Fique de Olho – Parece que o veterano Tim Duncan está voando como se não sentisse o peso da idade. Tudo bem, salvo algumas exceções, como o último jogo da equipe de San Antonio, contra o Thunder, em que o camisa #21 anotou 15 pontos, seis rebotes e cinco assistências (que já são bons números). Na atual temporada, The Big Fundamental tem média de double-double, com aproximadamente 16 pontos e 10,8 rebotes por exibição.

PG –  Jrue Holiday

SG – Tyreke Evans

SF –  Luke Babbitt

PFAnthony Davis

C – Omer Asik

Fique de Olho – Não tem como falar de Pelicans sem falar do Monocelha. O #23 do Pelicans tem médias aproximadas de 24 pontos, dez rebotes e dois tocos por jogo. O ala-pivô, que pode ser problema para o Spurs, anotou 21 pontos e nove rebotes contra o Pacers.

Spurs (18-12) vs Thunder (14-16) – Uma em seis

106×114

O San Antonio Spurs enfrentou o Oklahoma City Thunder na tarde desta quinta-feira (25), na tradicional rodada de Natal da NBA, e saiu derrotado. Mesmo atuando em casa, os comandados de Gregg Popovich não foram páreos para Russell Westbrook e Serge Ibaka (Kevin Durant não jogou por conta de uma lesão). Vamos aos destaques da partida:

Ginobili foi um dos destaques do Spurs (Reprodução/nba.com/spurs)

A falta de Kawhi

Mesmo atuando sem o MVP da temporada passada, Kevin Durant, o Oklahoma City Thunder contou com ótima noite de Russell Westbrook para sair de quadra vitorioso. O armador anotou muitos pontos, pegou vários rebotes, roubou bola e distribuiu assistências. Seu vigor físico impressiona, e Tony Parker não seria capaz de segurar o ímpeto do adversário. Com Kawhi Leonard, a marcação sobre o astro adversário seria muito mais forte, forçando-o a prováveis turnovers e dando uma maior chance dos texanos obterem o triunfo.

Parker não foi tão bem (Reprodução/nba.com/spurs)

Turnovers e rebotes

Impressiona a quantidade de perdas de bola que o Spurs vem tendo nos últimos jogos. Uma equipe que, por sua essência, trabalha bem a bola vem tendo problemas nesses passes e entregando de bandeja o contra-ataque para os seus adversários. Na partida desta quinta-feira, contra o Thunder, Manu Ginobili, em especial, cometeu alguns deslizes na hora de tocar a bola que não são naturais. Outro fator foi a quantidade de rebotes permitidos ao adversário. Enquanto os texanos capturaram 38, o time de Oklahoma conseguiu nove a mais, sendo seis ofensivos.

Continuação faz falta

O Spurs teve muitos jogadores machucados desde o início da temporada. Tiago Splitter, Patty Mills, e no decorrer dela, Kawhi Leonard e Tony Parker. Quando o time estava quase completo, faltando apenas o australiano voltar às quadras, Leonard se machuca novamente e volta a ser baixa para a franquia.

Não conseguindo repetir o time titular por muitas vezes, Gregg Popovich tem sempre que colocar algum jogador novo na rotação. Com a equipe de San Antonio sendo uma que joga coletivamente, e seu banco de reservas é tão importante quanto sua equipe titular, o time vai sofrer várias derrotas que normalmente não sofreria enquanto todos não estiverem à disposição. Cabe ao torcedor entender a situação e apoiar mesmo assim.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Matt Bonner – 17 pontos

Tim Duncan – 15 pontos e 6 rebotes

Tiago Splitter – 14 pontos e 7 rebotes

Cory Joseph – 14 pontos

Manu Ginobili – 11 pontos e 13 assistências

Oklahoma City Thunder

Russell Westbrook – 34 pontos e 11 assistências

Serge Ibaka – 21 pontos e 9 rebotes

Steven Adams – 16 pontos e 15 rebotes

Anthony Morrow – 15 pontos

Perry Jones – 14 pontos