Arquivo mensal: dezembro 2014

Spurs (19-14) vs Pelicans (16-15) – Temporada Regular

San Antonio Spurs vs New Orleans Pelicans – Temporada Regular

Data: 31/12/2014

Horário: 22h00 (Horário de Brasília)

Local: AT&T Center

Cotação no Apostas Online: Spurs 1,45 (favorito) vs Pelicans 2,78

Vindo de derrota para o Memphis Grizzlies na noite anterior, o San Antonio Spurs volta ao seu ginásio no último dia do ano para um sempre desconfortável back-to-back. O adversário da vez é o New Orleans Pelicans, do astro em ascensão Anthony Davis. O duelo pode ser considerado um confronto direto, já que o alvinegro ocupa a sétima colocação na Conferência Oeste, enquanto o oponente está em nono, dois jogos atrás. O time texano novamente não poderá contar com Tony Parker e Kawhi Leonard, lesionados. Os visitantes, por sua vez, têm o desfalque de Eric Gordon, que também está no departamento médico.

Clique aqui e compre seus ingressos para o jogo

Confrontos na temporada (0-2)

08/11/2014 – Spurs 99 x 100 Pelicans

Mesmo jogando no AT&T Center, o Spurs foi derrotado pelo Pelicans no primeiro duelo entre as duas equipes na temporada. Tony Parker, com 28 pontos e quatro assistências, e Manu Ginobili, com 17 pontos, foram os destaques do time texano na ocasião.

26/12/2014 – Spurs 90 @ 97 Pelicans

No primeiro confronto entre as duas equipes disputado em Nova Orleans na temporada, mais uma vez o Pelicans levou a melhor sobre o Spurs. Tim Duncan, com 20 pontos, 11 rebotes e quatro assistências, brilhou pela equipe de San Antonio.

PG – Cory Joseph

SG – Marco Belinelli

SF – Danny Green

PF – Tim Duncan/Boris Diaw

C – Tiago Splitter

Fique de Olho – Depois de ser peça importante na campanha dos playoffs deste ano, Boris Diaw faz campeonato abaixo da crítica, talvez estafado por conta de sua participação na Copa do Mundo com a França. Até aqui, as médias do ala-pivô na atual temporada são de 8,9 pontos, 4,8 rebotes e 3,4 assistências em 26,9 minutos por exibição.

PG – Jrue Holiday

SG – Tyreke Evans

SF – Luke Babbitt

PF – Anthony Davis

C – Omer Asik

Fique de Olho – Quem assistir ao jogo terá a oportunidade de ver de perto um fenômeno em desenvolvimento. Com médias de 24,4 pontos, 10,5 rebotes e três tocos em 35,5 minutos por exibição na temporada, Anthony Davis é um dos principais candidatos a MVP.

Anúncios

Spurs (19-14) @ Grizzlies (23-8) – Sofrendo com ausências

87×95

O San Antonio Spurs enfrentou o Memphis Grizzlies na noite desta terça-feira (30) e saiu derrotado. Mesmo contando com a ausência de Zach Randolph para o outro lado, os texanos não foram páreo para os adversário. Vamos aos destaques da partida:

Belinelli teve boa atuação e se recuperou da partida ruim contra o Rockets (Reprodução/nba.com/spurs)

Belinelli foi bem e se recuperou do jogo ruim contra o Rockets (Reprodução/nba.com/spurs)

Dezembro maluco

Mais uma vez, o Spurs perdeu para candidato ao título. O mês de dezembro trouxe, talvez, a pior sequência que a equipe teve nos últimos anos, levando em consideração o poderio dos rivais. Foram três duelos com o Memphis Grizzlies, duas com o Portland Trail Blazers e uma com Dallas Mavericks, Los Angeles Clippers e Oklahoma City Thunder. A equipe ainda enfrentou Brooklyn Nets e Denver Nuggets, duas equipes que tiveram uma ascensão durante o mês. Tudo isso dá um alívio se formos pensar no restante da temporada, sendo que, a partir de janeiro, teoricamente, os texanos terão um caminho mais fácil a percorrer.

Cory Joseph fez mais uma boa partida (Reprodução/nba.com/spurs)

Ausências que doem

O garrafão não vem sofrendo tanto. Com Tim Duncan ainda em forma, Tiago Splitter de volta e Aron Baynes jogando bem, a única preocupação é com a forma de Boris Diaw. Aparentemente, o francês ainda não entrou no ritmo da NBA, o que vem custando um pouco de seu desempenho. Entretanto, o principal fator de preocupação vem do perímetro. Tony Parker e Kawhi Leonard vivenciaram muitos problemas de lesões essa temporada, deixando-os fora do time por períodos importantes. Enquanto ambos não estiverem de volta e com ritmo de jogo, a equipe vai sofrer contra times um pouco mais fortes e organizados.

A boa notícia

Patrick Mills realizou sua segunda partida na temporada após voltar de contusão e foi bem. Em pouco mais de 17 minutos, o armador anotou dez pontos e distribuiu três assistências. A volta do australiano é bem vinda nesse momento.

A ausência de Tony Parker é muito sentida e, mesmo Cory Joseph sendo um bom armador, Patty tem mais experiência e consegue criar melhor seus arremessos e até passes. Sem o camisa #8, Manu Ginobili ficava muito encarregado de conduzir a bola no ataque, e infelizmente o veterano não tem o mesmo pique de antes, ficando nitidamente exausto em algumas partidas. Tendo agora dois armadores de ofício, o argentino poderá ter mais tempo de descanso, ajudando muito mais quando estiver em quadra.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Marco Belinelli – 18 pontos e 4 rebotes

Cory Joseph – 18 pontos, 3 assistências, 3 rebotes e 3 roubos de bola

Patty Mills – 10 pontos e 3 assistências

Memphis Grizzlies

Mike Conley – 30 pontos, 7 rebotes e 6 assistências

Marc Gasol – 17 pontos, 9 rebotes e 5 assistências

Tayshaun Prince – 12 pontos

Spurs (19-13) @ Grizzlies (22-8) – Temporada regular

San Antonio Spurs @ Memphis Grizzlies – Temporada regular

Data: 30/12/2014

Horário: 23h00 (Horário de Brasília)

Local: FedExForum, Memphis, Tennessee

Cotação no Apostas Online: Spurs 2,08 @ Grizzlies 1,76 (favorito)

Após retomar o caminho das vitórias, em partida disputadíssima contra o Houston Rockets, o San Antonio Spurs viaja até o Tennessee para enfrentar o Memphis Grizzlies. A equipe texana terá os desfalques de Tony Parker e Kawhi Leonard, ambos machucados.

Clique aqui e compre seus ingressos para o jogo

Confrontos na temporada (1-1)

05/12/2014 – Spurs 107 @ 101 Grizzlies

Em partida marcada pelo quarto triplo-duplo da carreira de Tim Duncan, os texanos souberam anular bem o garrafão adversário e saíram com resultado positivo, mesmo fora de casa.

18/12/2014 – Spurs 116 vs 117 Grizzlies

Em jogo de três prorrogações, bolas espíritas e algumas falhas por ambos os lados, o Grizzlies conquistou a vitória em cima do Spurs, em partida realizada no Texas.

PG – Cory Joseph/Patty Mills

SG – Marco Belinelli

SF – Danny Green

PF – Tim Duncan

C – Tiago Splitter

Fique de Olho: Fora do começo da temporada por conta de uma lesão, Patty Mills retornou às quadras na última partida, contra o Houston Rockets. Mesmo não fazendo um jogo espetacular, foi importante para vitória e, pegando ritmo de jogo, tende a ser uma peça especial vindo do banco de reservas para a equipe de San Antonio.

PG – Mike Conley

SG – Tony Allen

SF – Courtney Lee

PF – Zach Randolph

C – Marc Gasol

Fique de Olho: Apontado como um dos melhores defensores da liga e lembrado quando o assunto é o MVP da temporada, Marc Gasol vem tendo mais um ótimo ano. Com médias de 20,2 pontos, 8,2 rebotes e 3,7 assistências por jogo, é também uma arma ofensiva poderosa.

Spurs (19-13) vs Rockets (21-8) – Mills e Green

110×106

Luz no fim do túnel para o San Antonio Spurs! A equipe alvinegra, que triunfou em apenas três dos seus últimos dez jogos, venceu neste sábado (27) o difícil clássico texano contra o Houston Rockets por 110 a 106, no AT&T Center, mesmo sem contar com os lesionados Tony Parker e Kawhi Leonard. Os destaques do time da casa foram a volta de Patrick Mills e a boa atuação de Danny Green. Vamos, a seguir, aos principais pontos da partida.

Green voltou a ser destaque pelo Spurs (Reprodução/nba.com/spurs)

Danny Star

Ninguém tem lidado tão bem com os desfalques de Parker e Leonard e o consequente aumento da responsabilidade quanto Danny Green. Movido para a posição 3 por conta da entrada de Marco Belinelli no quinteto titular, o camisa #14 mais uma vez foi o cestinha do Spurs, anotando 24 pontos, cinco roubadas de bola, quatro rebotes e três assistências. Cada vez mais, o coadjuvante tem assumido papel de protagonista no alvinegro.

Patty, enfim, está de volta! (Reprodução/nba.com/spurs)

Patty Thrills

Enfim recuperado de uma lesão no ombro direito, Patrick Mills fez sua primeira partida na temporada neste sábado, contra o Rockets. Saindo do banco de reservas, o armador australiano atuou por 20:18 minutos e anotou oito pontos (3-8 FG, 0-4 3 PT, 2-2 FT), quatro rebotes, uma assistência e um toco, além de cinco desperdícios de posse e uma falta durante o clássico. Bem vindo de volta, Bala!

Porém…

Apesar da festa pelo retorno, Mills terá de suar bastante para recuperar seus minutos na rotação quando Parker retornar de sua lesão. Isso porque Cory Joseph faz a melhor temporada de sua carreira e, contra o Rockets, foi, ao lado de Green, um dos principais coadjuvantes do Spurs em quadra. Foram 14 pontos, seis rebotes, quatro assistências e uma roubada de bola para o armador canadense.

Big Two

Sem Parker e Leonard, o Spurs precisa, mais do que nunca, que Tim Duncan e Manu Ginobili joguem bem para que o time tenha uma chande de sair de quadra vitorioso. Durante o clássico contra o Rockets, isso felizmente aconteceu. Foram 16 pontos, oito rebotes, três assistências, três roubadas de bola e dois tocos para The Big Fundamental e 15 pontos, cinco rebotes, quatro assistências e duas roubadas de bola para o ala-armador argentino.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Danny Green – 24 pontos, 5 roubos de bola, 4 rebotes e 3 assistências

Tim Duncan – 16 pontos, 8 rebotes, 3 assistências, 3 roubos de bola e 2 tocos

Manu Ginobili – 15 pontos, 5 rebotes, 4 assistências e 2 roubos de bola

Cory Joseph – 14 pontos, 6 rebotes e 4 assistências

Houston Rockets

James Harden – 28 pontos, 5 assistências e 2 roubos de bola

Corey Brewer – 25 pontos

Dwight Howard – 24 pontos e 17 rebotes

Spurs (18-13) vs Rockets (21-7) – Temporada Regular

San Antonio Spurs vs Houton Rockets – Temporada regular

Data: 28/12/2014

Horário: 22h00 (Horário de Brasília)

Local: AT&T Center, TX

Depois de perder longe do AT&T Center por 97 a 90 para o New Orleans Pelicans, o San Antonio Spurs volta ao seu ginásio para um dérbi texano contra o Houston Rockets. O alvinegro pode não contar com nomes como Tony Parker e Kawhi Leonard, ambos no departamento médico, enquanto o time visitante vem de uma vitória contra o Memphis Grizzlies por 117 a 111 fora de casa com belas atuações do ala-armador James Harden e do recém chegado  ala-pivô Josh Smith. Os adversários estão na terceira colocação da Conferência Oeste, enquanto o atual campeão ocupa a apenas sétima posição.

Confrontos na temporada (0-1)

06/11/2014 – Spurs 81 @ 98 Rockets

No primeiro confronto entre os dois time na temporada, quem se deu melhor foi o Rockets. O alvinegro teve desfalques importante como Manu Ginobili, Tim Duncan e Tiago Splitter, poupados por Gregg Popovich, e Patty Mills e Marco Belinelli, no departamento médico. Os destaques do jogo foram Dwight Howard, com 32 pontos, 16 rebotes e dois tocos, e James Harden, que fez 20 pontos, seis assistências, seis rebotes e três tocos.

PG – Cory Joseph

SG Danny Green/Manu Ginobili

SF – Kyle Anderson

PF – Tim Duncan

C – Tiago Splitter

Fique de Olho – Com ausências importantes no elenco principal, Manu Ginobili tem sido a ajuda vinda do banco e para o Spurs. Na derrota diante do Pelicans na sexta-feira (26), o argentino anotou exatamente sua média na temporada, com 12 pontos e cinco assistências.

PG – Patrick Berveley

SG – James Harden

SF Trevor Ariza/Josh Smith

PF – Donatas Motiejunas

C – Dwight Howard

Fique de Olho – Recentemente dispensado pelo Detroit Pistons e contratado pelo Rockets, Josh Smith chegou ao Texas querendo mostrar serviço. No seu primeiro jogo, fez 21 pontos, oito rebotes e distribuiu três assistências. Na temporada, o veterano tem médias aproximadas de 13 pontos, sete rebotes e quatro assistências por exibição.