Arquivo diário: 07/11/2014

Spurs (2-2) @ Rockets (6-0) – Sem astros, sem vitória

81×98

Na noite desta quinta-feira (6), o San Antonio Spurs foi derrotado pelo Houston Rockets por 98 a 81, em clássico texano disputado na casa do adversário. Sem contar com Manu Ginobili, Tim Duncan e Tiago Splitter, poupados pelo treinador Gregg Popovich, e com Patrick Mills e Marco Belinelli, que se recuperam de lesões, o alvinegro foi presa fácil para o rival, que é um dos últimos invictos na temporada. Com isso, as casas de apostas já colocavam os mandantes com muito favoritismo para o confronto. Confira os principais pontos do duelo:

Cory Joseph foi o destaque do Spurs (Reprodução/nba.com)

Buraco no garrafão

Sem Duncan e Splitter, o Spurs teve de usar uma rotação de garrafão completamente enfraquecida para enfrentar o Rockets. Matt Bonner e Aron Baynes começaram como titulares, e Boris Diaw, Jeff Ayres e Austin Daye vieram do banco de reservas. O pivô australiano até foi bem no chamado “trabalho sujo” e deixou a quadra com 12 pontos e 12 rebotes – sete deles ofensivos. Mas a fragilidade no setor deixou Dwight Howard somar 32 pontos, 16 rebotes e dois tocos e ser o principal destaque da partida.

Anderson fez sua estreia oficial (Reprodução/nba.com/spurs)

Sem destaque

Com tantos desfalques, era de se esperar que Tony Parker fosse o grande nome do Spurs no confronto com o Rockets. No entanto, o armador não conseguiu impôr seu jogo contra o rival texano, mesmo jogando contra o reserva Isaiah Canaan, já que o titular Patrick Beverley estava machucado. O francês deixou a quadra com apenas seis pontos – errando cinco dos oito arremessos de quadra que tentou -, uma assistência e um rebote em 25:47 minutos.

Grata surpresa

Uma das melhores notícias do começo de temporada do Spurs é a boa forma apresentada por Cory Joseph. Aproveitando-se da ausência de Mills – e, contra o Rockets, da atuação ruim de Parker -, o armador tem mostrado cada vez mais confiança em quadra. No clássico texano, o canadense deixou a quadra com 18 pontos em apenas 21:31 minutos, errando somente dois dos 11 arremessos de quadra que tentou, e foi o cestinha da equipe de San Antonio.

Estreia oficial

Outro que se aproveitou da opção de Pop de poupar titulares, já que se tratava do primeiro back-to-back do Spurs na temporada 2014/2015, foi o novato Kyle Anderson, que fez sua primeira partida oficial na NBA. Apesar de acertar somente um dos oito arremessos de quadra que tentou, o ala pôde mostrar um pouco do seu jogo único e deixou a quadra com quatro pontos, oito rebotes, quatro assistências e duas roubadas de bola em 31:14 minutos.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Cory Joseph – 18 pontos

Aron Baynes – 12 pontos e 12 rebotes

Danny Green – 10 pontos e 2 roubos de bola

Houston Rockets

Dwight Howard – 32 pontos, 16 assistências e 2 tocos

James Harden – 20 pontos, 6 assistências, 6 rebotes e 3 tocos

Jason Terry – 16 assistências e 2 roubos de bola

Isaiah Canaan – 12 pontos

Anúncios