Spurs (42-16) vs Bobcats (27-31) – Chegando!

92×82

A volta para casa não poderia ter sido melhor para o San Antonio Spurs. Depois de ter superado o Detroit Pistons no retorno ao AT&T Center após o fim da Rodeo Road Trip, a franquia texana venceu o Charlotte Bobcats por 92 a 82, na noite de sexta-feira (31), e se vê cada vez mais perto do líder da Conferência Oeste, o Oklahoma City Thunder, que tem 44 triunfos e 15 derrotas na temporada. Veja, a seguir, como foi a partida.

Manu está voltando à velha forma (NBAE/Getty Images)

Desfalques acabando

Manu Ginobili, Danny Green, Kawhi Leonard, Tiago Splitter… Todos chegaram a desfalcar o time por algumas partidas durante a Rodeo Road Trip. Agora, porém, só Tony Parker está fora para recuperar a melhor condição física – e o armador francês já é esperado no time para o jogo deste domingo, contra o Dallas Mavericks. Enquanto isso, Cory Joseph e Patrick Mills se mantêm em quadra aproveitando a oportunidade, e o técnico Gregg Popovich também testa formações sem um jogador especialista na posição em quadra, com Manu Ginobili e Marco Belinelli no comando do show. Vem dando certo.

Kawhi está de volta ao time (NBAE/Getty Images)

Big Two

Sem Parker, Manu Ginobili e Tim Duncan chamaram a responsabilidade no jogo contra o Bobcats. O ala-armador argentino saiu do banco de reservas e foi o maestro do time em quadra, anotando 15 pontos (6-13 FG, 2-6 3 PT, 1-1 FT), cinco assistências e dois tocos em 25:49 minutos. O ala-pivô, por sua vez, contribuiu com 17 pontos (6-12 FG, 5-5 FT), 16 rebotes e seis assistências em 33:04 minutos, levando a melhor no duelo contra Al Jefferson, que obteve 20 pontos (10-21 FG) e sete rebotes em 34:56 minutos. Os dois tiveram ajuda de Patrick Mills (14 pontos), Marco Belinelli (14 pontos) e Kawhi Leonard (12 pontos) na parte ofensiva.

Velho conhecido

Lembram dele? Depois de não ter dado certo no Milwaukee Bucks, Gary Neal mudou de camisa e foi ser peça importante no ataque do Charlotte Bobcats, que, até então, não tinha um especialista nas bolas de três.

Contra o Spurs, Neal mostrou que terá muitos arremessos na franquia da Carolina do Norte, deixando a quadra com 15 pontos (6-13 FG, 1-3 3 PT, 2-2 FT) em 23:15 minutos. Saudades?

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tim Duncan – 17 pontos, 16 rebotes e 6 assistências

Manu Ginobili – 15 pontos, 5 assistências e dois tocos

Patrick Mills – 14 pontos e 6 rebotes

Marco Belinelli – 14 pontos e 4 assistências

Kawhi Leonard – 12 pontos, 8 rebotes, 3 roubos de bola e 2 tocos

Danny Green  – 10 pontos

Charlotte Bobcats

Al Jefferson – 20 pontos, 7 rebotes e 2 roubos de bola

Gary Neal – 15 pontos

Anúncios

Sobre Lucas Pastore

Um dos fundadores do Spurs Brasil, seu maior orgulho na carreira jornalística. Formado em Jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2010, é redator do UOL. Cobriu o basquete olímpico na Olimpíada de 2016 pelo LANCE!. Trabalhou também para Basketeria e mob36.

Publicado em 02/03/2014, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s