Arquivo diário: 08/12/2013

Spurs (15-4) vs Pacers (18-2) – Pacers encerra tabu

100x111

Não deu para o San Antonio Spurs na noite deste sábado (7). Jogando em casa, o alvinegro não conseguiu segurar o Indiana Pacers, time de melhor campanha na temporada. Com um terceiro quarto arrasador, a equipe liderada por Paul George garantiu sua 18ª vitória no campeonato ao colocar 111 a 100 no placar. Foi o primeiro triunfo dos visitantes na cidade texano desde 2002. Agora, os donos da casa terão um tempo para descansar e se recuperar da derrota, já que só entram em quadra na terça-feira, contra o Toronto Raptors. Já o time de Indianápolis joga neste domingo, contra o Oklahoma City Thunder.

Leonard foi o cestinha do Spurs (NBAE/Getty Images)

Resumo

“Eles começaram a acertar os arremessos e nós não fomos capazes de nos mantermos no jogo. Nós ficamos frios. Eles conseguiram a liderança e nós não conseguimos nos recuperar”. A frase de Tim Duncan após a derrota resume bem o que aconteceu. As bolas do time visitante caíram com facilidade, enquanto a dos donos da casa, não. O estrago foi tão grande que no segundo e terceiro quarto, o Spurs perdeu por 67 a 37.

Manu veio bem do banco de reservas (NBAE/Getty Images)

Surra

O terceiro quarto foi onde a diferença realmente se tornou definitiva. Com o placar de 35 a 17 durante a parcial, o Pacers praticamente garantiu a vitória. A pontuação do time de Indianápolis foi bem distribuída. Sete jogadores marcaram e todos os sete atingiram dígitos duplos. Mas o grande nome mesmo foi Paul George. Foram 28 pontos, seis assistências e quatro rebotes para o ala, que é forte candidato a MVP. Ele converteu nove dos 14 arremessos de quadra que tentou, acertando todos os quatro tiros de três.

Abismo

Outro número assustador foi o de lances livres batidos na partida. O time visitante conseguiu ir para linha 28 vezes, acertando 26. Já o Spurs obteve apenas cinco pontos desta forma, desperdiçando uma cobrança.

Fez falta

Com dores na panturrilha esquerda, Tiago Splitter não era esperado para entrar em quadra. Mas, com seu time jogando contra um dos principais garrafões da NBA, o brasileiro resolveu tentar. O catarinense, porém, só aguentou oito minutos. No fim das contas, fez diferença. O Spurs perdeu por 41 a 34 nos rebotes e mostrou dificuldade ao marcar os pivôs adversários.

Tentativa de reação

O banco do Spurs bem que tentou uma reação no último quarto. Por isso, olhando para o placar final, a derrota não parece tão feia. Nos últimos sete minutos, a equipe texana venceu por 25 a 12. Patrick Mills liderou o segundo time em busca da aproximação no placar.

Notável

Com os dez pontos anotados por ele na noite deste sábado, Tim Duncan ultrapassou a marca de 24 mil marcados na carreira. Além dos dez pontos de The Big Fundamental, Kawhi Leonard deixou a quadra com 18, Manu Ginobili somou 16 e Tony Parker contribuiu com 13.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Kahwi Leonard – 18 pontos

Manu Ginobili –  16 pontos

Tony Parker –  13 pontos

Tim Duncan – 10 pontos e 6 rebotes

Patty Mills – 10 pontos e 6 assistências

Indiana Pacers

Paul George – 28 pontos e 6 assistências

David West – 20 pontos e 8 rebotes

Lance Stephenson – 15 pontos

Roy Hibbert – 12 pontos e 10 rebotes

Anúncios