Arquivo diário: 03/12/2013

Spurs (15-3) vs Hawks (9-10) – Lenda viva

102×100

Os torcedores do San Antonio Spurs têm a alegria de ver, dia a dia, um dos maiores jogadores da história da NBA defendendo as cores da franquia. Na noite de segunda-feira (2), a equipe texana recebeu o Atlanta Hawks e triunfou graças à grande atuação de Tim Duncan, que dominou o garrafão e anotou a cesta da vitória quando restavam apenas quatro décimos para o fim do jogo. Confira, a seguir, os destaques da partida.

Tim Duncan: lenda viva (NBAE/Getty Images)

The Big Fundamental

Já virou clichê dizer que Duncan, nas últimas temporadas, parece imune à ação do tempo. Porém, contra o Hawks, o ala-pivô anotou 23 pontos e 21 rebotes, se tornando o primeiro jogador com pelo menos 37 anos de idade a chegar à marca dos 20 pontos e 20 rebotes em um mesmo jogo desde que Robert Parish o fez em 1991. Se não bastasse, o eterno camisa #21 ainda teve pernas para converter o arremesso que garantiu a vitória ao time. Eterno!

Diaw fez mais um bom jogo (NBAE/Getty Images)

Rebotes

O garrafão do Spurs tomou um verdadeiro baile na derrota para o Houston Rockets, coletando apenas 33 rebotes, contra 54 dos visitantes. Porém, contra o Hawks, a grande atuação de Tim Duncan e a volta de Tiago Splitter ao time titular fizeram com que o alvinegro pegasse 48 e limitasse o Hawks, dos perigosos Paul Millsap e Al Horford, a somente 39. Valeu o esforço!

Banco em alta

Mais uma vez, o importantíssimo trio de reservas estrangeiros do Spurs foi fundamental para a vitória da equipe. Boris Diaw foi o segundo maior cestinha da equipe, deixando a quadra com 16 pontos e três assistências. Marco Belinelli, sempre eficiente na hora de marcar cestas, anotou 13 pontos, quatro rebotes, três assistências e duas roubadas de bola. E Manu Ginobili comandou a segunda unidade, contribuindo com dez pontos, sete assistências e quatro rebotes.

Legado

O Hawks é treinado por Mike Budenholzer, que até a temporada passada era o principal assistente técnico de Gregg Popovich do Spurs. E o time visitante já mostra que vem tentando implantar uma filosofia parecida com a do time texano – principalmente na movimentação de bola. Dos jogadores do quinteto titular, todos tiveram ao menos 11 e no máximo 20 arremessos, do trabalhador DeMarre Carrol ao pontuador Paul Millsap, passando pelo fominha Louis Williams. As principalis diferenças, no entanto, estão na experiência na execução do plano de jogo e na qualidade do banco de reservas.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tim Duncan – 23 pontos, 21 rebotes e 2 tocos

Boris Diaw – 16 pontos e 3 assistências

Tony Parker – 15 pontos e 7 assistências

Marco Belinelli – 13 pontos, 4 rebotes, 3 assistências e 2 roubos de bola

Tiago Splitter – 11 pontos, 5 rebotes, 3 assistências e 2 tocos

Manu Ginobili – 10 pontos, 7 assistências e 4 rebotes

Atlanta Hawks

Jeff Teague – 19 pontos, 7 assistências e 3 rebotes

Al Horford – 18 pontos, 7 rebotes, 3 assistências e 2 roubos de bola

DeMarre Carroll – 17 pontos, 8 rebotes e 2 roubos de bola

Paul Millsap – 15 pontos, 14 rebotes, 3 assistências e 2 roubos de bola

Anúncios