Spurs (14-3) vs Rockets (13-5) – Mais uma derrota

106×112

O San Antonio Spurs continua com sua sina de se complicar contra times mais qualificados na temporada 2013/2014. Na noite deste sábado (30), o alvinegro recebeu o Houston Rockets no AT&T Center e foi derrotado, repetindo o resultado que obteve contra o Portland TrailBlazers e o Oklahoma City Thunder. Apesar do revés, o time da casa – que, para ser justo, já venceu o Golden State Warriors e o Memphis Grizzlies neste campeonato – segue na liderança da Conferência Oeste. Confira, a seguir, os principais pontos do clássico texano.

Parker foi o cestinha do Spurs (NBAE/Getty Images)

Opção correta?

Por conta das características do Rockets, o técnico Gregg Popovich escalou Boris Diaw entre os titulares no jogo ao lado de Tim Duncan, deixando Tiago Splitter no banco de reservas. A verdade é que a opção não pareceu ser correta. Ao longo da partida, o time de Houston coletou 54 rebotes – sendo 16 de Terrence Jones e 11 de Dwight Howard, que formaram a dupla titular – contra apenas 33 da equipe da casa. No minuto final, a incapacidade do alvinegro de San Antonio em coletar um ressalto defensivo ajudou a definir o resultado.

Belinelli foi bem novamente (NBAE/Getty Images)

Reação inútil

Em determinado ponto do jogo, no segundo período, o Spurs chegou a estar perdendo por 23 pontos de diferença. A equipe de San Antonio mostrou poder de reação e conseguiu até mesmo ficar em vantagem no último quarto, mas, nos minutos finais, faltou perna e a jovem equipe do Rockets acabou levando a melhor.

Pontos positivos

Apesar da derrota, o banco de reservas do Spurs voltou a se destacar. Manu Ginobili distribuiu 11 assistências na partida, superando sua melhor marca da temporada, e Marco Belinelli anotou 18 pontos, convertendo quatro dos seis arremessos de três que tentou e mantendo sua eficiência na hora de pontuar. O italiano acertou, na temporada, 56,5% das bolas de longa distância que tentou e é o líder de toda a NBA no fundamento.

Próxima chance

Para colocar fim à sina contra equipes mais fortes, o San Antonio Spurs vai enfrentar em casa, no sábado, o Indiana Pacers, líder da Conferência Leste. Antes disso, a equipe texana recebe o Atlanta Hawks nesta segunda-feira e visita o Minnesota Timberwolves na quarta.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tony Parker – 27 pontos, 8 assistências e 6 rebotes

Tim Duncan – 20 pontos, 8 rebotes, 3 assistências e 3 tocos

Marco Belinelli – 18 pontos e 3 rebotes

Houston Rockets

James Harden – 31 pontos, 7 rebotes e 6 assistências

Chandler Parsons – 25 pontos, 5 assistências, 3 rebotes e 2 roubos de bola

Dwight Howard – 13 pontos e 11 rebotes

Sobre Lucas Pastore

Um dos fundadores do Spurs Brasil. Formado em Jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2010, é editor assistente do UOL Esporte. Cobriu o basquete olímpico na Olimpíada de 2016 pelo LANCE!. Trabalhou também para Basketeria e mob36.

Publicado em 01/12/2013, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 15 Comentários.

  1. Tiago Splitter que jogador horrível . E ainda foram renovar com esta draga .

  2. o barba do capeta sempre nos ferra…última temporada tínhamos que ter ganho…acho que Heat, Houston e Thunder completos, são melhores que a gente e times beeeeeeeeeem mais novos!

  3. Thiago Mattos

    É, realmente a noite não foi boa para o Tiago. Em contrapartida, parece que o Timmy está de volta o/…
    Novamente os rebotes!!! O lance crucial do jogo foi aquela 2ª chance pro Harden chutar de 3, faltando um pouco mais de 1min pra acabar. Me lembrou muito o jogo 6 da final, com o Lebron, que ele erra o chute e consegue uma nova chance pra chutar e guardar. Assim não dá!!!

  4. Igor Barbosa

    Indo para a final ou caindo na primeira rodada, fato é que o Spurs vai guardar o “sangue nos olhos” pra vencer só nos playoffs.
    Esse jogo mostrou bem isso, o time foi “na banguela” até perceber que estava perdendo por 20 pontos. Em um quarto e meio empatou o jogo… Poderia ganhar o jogo com tranquilidade se jogasse como sabe desde o começo.

  5. Os Spurs (infelizmente) mereceu perder… só pela babaquice do hack-a-Howard… que coisa estúpida, aquilo é chato d+… lamentável!!

  1. Pingback: Spurs (14-3) vs Hawks (9-9) – Temporada Regular | Spurs Brasil

  2. Pingback: Spurs (15-3) vs Hawks (9-10) – Lenda viva | Spurs Brasil

  3. Pingback: Como Malcolm Thomas pode ajudar o Spurs | Spurs Brasil

  4. Pingback: Spurs (17-4) @ Bucks (5-17) – Atropelou | Spurs Brasil

  5. Pingback: Spurs (19-4) @ Jazz (6-20) – Mais uma na conta | Spurs Brasil

  6. Pingback: Spurs (22-6) vs Rockets (18-11) – Temporada Regular | Spurs Brasil

  7. Pingback: Spurs (22-7) vs Rockets (18-12) – Roteiro repetido | Spurs Brasil

  8. Pingback: Spurs tem um problema. Belinelli é a solução? | Spurs Brasil

  9. Pingback: Spurs (33-11) @ Rockets (29-17) – Temporada Regular | Spurs Brasil

  10. Pingback: Spurs (62-18) @ Rockets (53-27) – Temporada Regular | Spurs Brasil

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s