Arquivo diário: 14/11/2013

Uniforme especial de Natal do Spurs é lançado

Nesta quinta-feira (14), a NBA mostrou como serão os uniformes especiais das franquias que disputarão a rodada de Natal desta temporada. Entre estes times está o San Antonio Spurs, que fará clássico texano contra o Houston Rockets às 23h (de Brasília) do dia 25 de dezembro.

Eis o uniforme especial do Spurs (Reprodução/nba.com/spurs)

Os uniformes receberam o nome de “BIG Logo” e fazem parte da campanha de Natal da NBA, que inclui ainda o vídeo “Jingle Hoops”, gravado com Derrick Rose, James Harden, Kevin Durant, LeBron James, Stephen Curry e Steve Nash, astros da liga, para celebrar o feriado.

Segundo a nota divulgada pela NBA, o Brasil está entre as “áreas estratégicas” que receberão uma versão do “Jingle Hoops”, assim como África, China, Europa, México e Oriente Médio.

Os uniformes de jogo, com camisa de mangas e shorts com tecnologia ultraleve, fazem parte da coleção especial de Natal, que conta ainda com camisetas e agasalhos e já está disponível para compra na loja pficial da NBA, que não entrega para o território brasileiro.

A novidade vem um dia depois de o Spurs estrear seus novos uniformes militares na vitória sobre o Washington Wizards, nesta quarta-feira, em jogo disputado no AT&T Center.

Anúncios

Spurs (8-1) vs Wizards (2-6) – Banco se destaca

92x79

O San Antonio Spurs teve ajuda do seu banco para superar o Washington Wizards, na noite desta quarta-feira (13), no AT&T Center, casa da franquia texana. Os reservas contribuíram com 49 pontos dos 92 marcados pelos donos da casa. O time visitante, por sua vez, só foi capaz de marcar 79. A defesa da equipe preto e prata limitou os representantes da capital americana a 36% de acerto dos arremessos de quadra. Veja, a seguir, os detalhes do duelo.

Parker voltou a ser o cestinha do time (NBAE/Getty Images)

Banco forte

Não que os titulares não tenham jogado bem, já que Tony Parker fez 16 pontos, Kawhi Leonard contribuiu com 13 e Tiago adicionou mais 12, mas o banco é que fez o placar final ser favorável ao Spurs. Com 10 pontos de Manu Ginóbili, 15 de Boris Diaw e mais 10 de Marco Bellineli, a segunda unidade do time texano se destacou ao longo da partida.

Na contra-mão, Tim Duncan e Danny Green não foram nada bem. O ala-pivô fez somente dois pontos, acertando apenas uma das suas 12 tentativas de arremesso de quadra. Já o ala-armador saiu zerado, errando as três chances que teve do perímetro.

Diaw fez mais um bom jogo (NBAE/Getty Images)

Atropelando

Nos últimos três jogos, o Spurs terminou com três vitórias e uma vantagem média de 22 pontos. Além do triunfo sobre o Wizards, New York Knicks e Philadelphia 76ers foram as outras vítimas do time de San Antonio.

Defesa 

A defesa do Spurs conseguiu para o jovem armador John Wall. O atleta, que chegou ao jogo com uma média de 9,6 assistências por jogo, distribuiu apenas três. Além disso, ele só acertou cinco arremesses de quadra em 19 tentativas. O Wizards como um todo converteu apenas 33 arremessos de 91 tentados (36,3%).

“Nós sabíamos que tínhamos que parar caras como John Wall e Bradley Beal, pois eles tem jogado muito bem ultimamente. Acho que nosso time foi bem em defesa de pick-and-roll e contra-ataque. Acho que estamos onde queríamos estar defensivamente”, disse Parker.

San Antonio Spurs

Tony Parker –  16 pontos

Boris Diaw – 15 pontos e 5 rebotes

Kahwi Leonard – 13 pontos

Tiago Splitter – 12 pontos e 9 rebotes

Marco Belinelli – 10 pontos e 8 assistências

Manu Ginobili –  10 pontos e 6 rebotes

Washington Wizards

Martell Webster – 21 pontos e 10 rebotes

Bradley Beal – 19 pontos

John Wall – 14 pontos e 8 rebotes