Spurs (1-0) vs Grizzlies (0-1) – Pulga atrás da orelha

101×94

Não há nada melhor do que iniciar sua campanha com vitória. Foi o que o San Antonio Spurs fez na noite de quarta-feira (30). Jogando em casa, a equipe texana venceu o Memphis Grizzlies por 101 a 94, na reedição da final da Conferência Oeste deste ano, e começou a temporada 2013/2014 com o pé direito. Mas nem tudo são flores. Apesar do resultado positivo, o time pode ter perdido Tim Duncan, que deixou o jogo mais cedo por conta de uma lesão e deixou a torcida com a pulga atrás da orelha. Confira, a seguir, os destaques da partida.

Volta logo, Duncan! (NBAE/Getty Images)

The Big Fundamental

Tim Duncan deixou a quadra no terceiro período após chocar-se com Tony Allen, cometendo falta no ala-armador do Grizzlies. Naquela altura, o ala-pivô havia atuado apenas por pouco mais de 17 minutos, anotando três pontos (1-6 FG, 1-3 FT) e seis rebotes. O camisa #21 foi para os vestiários com dores no peito e nos ombros e não voltou mais para a partida. No entanto, após o jogo, o treinador Gregg Popovich deu a entender que o jogador não deve ser problema para o jogo de sexta-feira, fora de casa, contra o Los Angeles Lakers. Tomara!

Mills se destacou entre os reservas (NBAE/Getty Images)

Show do banco

Em relação ao fim da última temporada, o banco de reservas do Spurs perdeu Gary Neal, Tracy McGrady e DeJuan Blair e ganhou Marco Belinelli e Jeff Ayres, que fizeram sua estreia oficial com a camisa da franquia nesta quarta. E, aparentemente, a segunda unidade manteve sua força. Diante do Grizzlies, os reservas da equipe texana anotaram, somados, 53 pontos, contra apenas 40 dos adversários. Os destaques foram Boris Diaw, com 14 pontos e quatro rebotes; Manu Ginobili, com 12 pontos, cinco assistências, quatro rebotes e duas roubadas de bola; e Patrick Mills, com 12 pontos.

O australiano, aliás, sai na frente na briga por minutos na reserva de Tony Parker. Cory Joseph sequer saiu do banco de reservas durante a partida, enquanto Nando De Colo foi o eleito de Pop para ir à lista de inativos e sequer estava disponível para a partida.

Titulares em alta

Apesar da boa atuação dos reservas, o Spurs faz bem em manter Tony Parker, Danny Green, Kawhi Leonard, Tim Duncan e Tiago Splitter em seu time titular. De acordo com John Schuhmman, que escreve para o site oficial da NBA, o quinteto foi o melhor defensivamente da última temporada entre todos que jogaram ao menos 200 minutos juntos. Contra o Grizzlies, a unidade esteve em quadra por só oito minutos, mas segurou o adversário a somente 88,9 pontos a cada 100 posses de bola, se aproximando dos 87,7 do campeonato anterior.

Os destaques do time titular foram Leonard, com 14 pontos, sete rebotes e dois tocos; Parker, com 13 pontos e nove assistências; e Splitter, com 11 pontos e oito rebotes.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Kawhi Leonard – 14 pontos e 8 rebotes

Boris Diaw – 14 pontos e 4 rebotes

Tony Parker – 13 pontos e 9 assistências

Manu Ginobili – 12 pontos, 5 assistências, 4 rebotes e 2 roubos de bola

Patrick Mills – 12 pontos

Tiago Splitter – 11 pontos e 8 rebotes

Memphis Grizzlies

Tony Allen – 15 pontos, 3 rebotes e 2 roubos de bola

Marc Gasol – 14 pontos e 9 rebotes

Mike Conley – 14 pontos, 7 assistências e 2 roubos de bola

Sobre Lucas Pastore

Um dos fundadores do Spurs Brasil. Formado em Jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2010, é editor assistente do UOL Esporte. Cobriu o basquete olímpico na Olimpíada de 2016 pelo LANCE!. Trabalhou também para Basketeria e mob36.

Publicado em 31/10/2013, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 15 Comentários.

  1. Gustavo Alves

    Finalmente a NBA voltou! E que jogo! Gostei de ver. Espero que continuemos assim durante toda a temporada e que não seja nada grave com Duncan!
    Go Spurs go

  2. show de defesa!!

  3. danilovboas

    Que lindo. Nossa conferência é a mais difícil da NBA, é sempre bom começar com vitória sobre um rival direto por playoffs. Esse é o meu Spurs, e que bom ver o time vencendo sem tanta dependência do Timmy e do Tony.
    Exceto pelo detalhe da lesão do Timmy, que esperamos não ser nada, tem uma dúzia de pontos positivos pra destacar. Mas sabe, o que eu acho mais legal do que tudo? A partidaça que o Manu fez. Ter o Manu firme psicologicamente e com a confiança em alta é absurdamente valioso pra esse time.

  4. avante Spurs

  1. Pingback: Spurs (1-0) @ Lakers (1-1) – Temporada Regular | Spurs Brasil

  2. Pingback: Spurs (2-0) @ Lakers (1-2) – Virada sem Duncan | Spurs Brasil

  3. Pingback: Spurs (2-0) @ Blazers (1-1) – Temporad regular | Spurs Brasil

  4. Pingback: Spurs (2-0) @ Blazers (1-1) – Temporada regular | Spurs Brasil

  5. Pingback: De olho nele | Spurs Brasil

  6. Pingback: Spurs (10-1) @ Grizzlies (7-5) – Temporada Regular | Spurs Brasil

  7. Pingback: Spurs (22-7) vs Rockets (18-12) – Roteiro repetido | Spurs Brasil

  8. Pingback: Spurs tem um problema. Belinelli é a solução? | Spurs Brasil

  9. Pingback: Spurs (26-8) @ Grizzlies (15-18) – Temporada Regular | Spurs Brasil

  10. Pingback: Spurs (26-8) @ Grizzlies (15-18) – Temporada Regular | Spurs Brasil

  11. Pingback: Spurs (59-17) @ Grizzlies (45-31) – Temporada Regular | Spurs Brasil

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s