Spurs (1-0) vs CSKA (1-1) – Por pouco

95×93

Por muito pouco o San Antonio Spurs não se tornou a segunda vítima do CSKA Moscow em sua turnê deste ano pelos Estados Unidos. Depois de vencer o Minnesota Timberwolves, na segunda-feira (8), os russos engrossaram diante do atual vice-campeão da NBA, conseguiram tirar uma diferença de 15 pontos no último quarto e ficaram próximos da vitória no tempo normal da partida, que terminou empatada em 86 a 86. Na prorrogação, no entanto, melhor para o time texano, que abriu a pré-temporada com vitória por 95 a 93.

Tapinha de Baynes salvou Spurs da derrota (D. Clarke Evans/NBAE Getty Images)

20 minutos ou menos

Gregg Popovich parece ter estabelecido um limite de tempo de quadra para seus principais jogadores jogadores: 20 minutos. Tony Parker, Danny Green e Manu Ginobili, por exemplo, atuaram exatamente por este período. Tim Duncan jogou por 18 minutos e Kawhi Leonard por 15. Apenas Aron Baynes e Patty Mills, com 24 e 22 minutos, respectivamente, ultrapassaram a barreira. Uma estratégia comum em partidas de pré-temporada.

Estreantes

A partida marcou a estreia de três jogadores com a camisa do Spurs, mas nenhum deles conseguiu grande destaque. Marco Belinelli, principal reforço da temporada, jogou por 19 minutos e somou três pontos e dois rebotes em 18 minutos. Jeff Pendergraph Ayres acumulou quatro pontos e pegou oito rebotes em 20 minutos, enquanto Sam Young errou todos os seis arremessos que tentou, zerando na pontuação e pegando quatro rebotes, em 18 minutos.

Reservas tiveram muito tempo para mostrar serviço (D. Clarke Evans/NBAE Getty Images)

Legião ex-NBA

Muitos dos fãs da NBA não conhecem muito sobre o basquete europeu, e por isso pouco deviam conhecer sobre a forte equipe do CSKA, uma das principais da Europa nos últimos anos. Mas até mesmo o torcedor mais desavisado deve ter reconhecido vários rostos no time russo. Ao todo, a equipe tem em seu plantel quatro atletas com passagens pelos EUA: Jeremy Pargo, Sonny Weems, Viktor Khryapa e Nenad Krstic.

Baynes salvador

O Spurs chegou ao último quarto vencendo por 15 pontos. No entanto, com seus titulares em quadra, os russos foram superiores aos reservas do Spurs e a diferença desapareceu. A cinco segundos do fim, Jeremy Pargo teve dois lances livres que poderiam colocar o time russo com três pontos de vantagem, mas errou o segundo, permitindo o contra-ataque, rapidamente puxado por Patty Mills. O australiano arriscou para três pontos, errou, mas Aron Baynes, após dois tapinhas, encestou a bola e levou o jogo para a prorrogação.

Após chegar em meio à última temporada e passar por um período de adaptação, revezando entre o San Antonio Spurs e o Austin Toros, Baynes mostrou maior desenvoltura na abertura da pré-temporada e aproveitou bem a oportunidade dada por Gregg Popovich. Aguerrido na briga dentro do garrafão, pode se tornar opção na rotação do treinador na temporada.

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Manu Ginobili – 14 pontos (4-4 FG) e 5 rebotes

Patty Mills – 14 pontos

Aron Baynes – 12 pontos e 7 rebotes

CSKA Moscow

Jeremy Pargo – 20 pontos, 6 rebotes e 5 assistências

Sonny Weems – 16 pontos

Viktor Khryapa – 12 pontos e 7 rebotes

Anúncios

Sobre Victor Moraes

Formado em Jornalismo no ano de 2012 pela Universidade Metodista de São Paulo. Fanático por esportes, sobretudo o basquete, passou pela redação do Diário Lance!, trabalhou na Liga Nacional de Basquete e no extinto Basketeria. Se orgulha de fazer parte da equipe do Spurs Brasil desde a criação em 2007.

Publicado em 10/10/2013, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 9 Comentários.

  1. Gustavo Alves

    Belo jogo! Spurs venceria com facilidade caso jogasse com os titulares por mais tempo. Como não é essa a ideia da Pretemporada, achei bem interessante.
    Gostei de ver a armação do Patty Mills e o jogo como um todo do Baynes. Achei q o Splitter precisa fazer algo diferente. Ele não parece ter evoluído nessa offseason. Duncan, Parker e Ginobili, meu senhor… Segura, Miami!

  1. Pingback: Spurs dispensa Sam Young | Spurs Brasil

  2. Pingback: Um olhar mais detalhado sobre Maggette | Spurs Brasil

  3. Pingback: Spurs pode jogar no Brasil em 2014 | Spurs Brasil

  4. Pingback: Spurs (1-0) vs Suns (2-0) – Pré-temporada | Spurs Brasil

  5. Pingback: Maggette diz que se aposenta se não ficar no Spurs | Spurs Brasil

  6. Pingback: Spurs (1-2) @ Hawks (1-2) – Pré-temporada | Spurs Brasil

  7. Pingback: Confiança para os estreantes | Spurs Brasil

  8. Pingback: Buford nega que Spurs esteja contratando Messina | Spurs Brasil

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s