Arquivo mensal: outubro 2013

Spurs (1-0) @ Lakers (1-1) – Temporada Regular

San Antonio Spurs @ Los Angeles Lakers – Temporada Regular

Data: 02/10/2013

Horário: 00h30 (Horário de Brasília)

Local: Staples Center

Cotação no Apostas Online: Spurs 1,31 (favorito) @ Lakers 3,48

Depois de vencer o Memphis Grizzlies em sua estreia na temporada 2013/2014 da NBA, o San Antonio Spurs viaja para fazer seu primeiro jogo como visitante no campeonato, contra o Los Angeles Lakers. Para o confronto, o time texano pode ter o importante desfalque de Tim Duncan, que deixou a partida de quarta-feira com dores no peito após choque com Tony Allen. De acordo com o site oficial da franquia, exames detectaram uma contusão na região. Mesmo assim, no entanto, o ala-pivô viajou com o elenco. Os angelinos, por sua vez, surpreenderam ao vencer o Los Angeles Clippers na noite de abertura da NBA, já que estão sem Kobe Bryant, mas sucumbiram diante do Golden State Warriors em seu segundo compromisso.

PG – Tony Parker

SG – Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – Tim Duncan/Boris Diaw

C – Tiago Splitter

Fique de Olho – Caso Duncan não possa jogar, Boris Diaw deve ser o escolhido do técnico Gregg Popovich para iniciar a partida como titular do Spurs. Na estreia contra o Grizzlies, o ala-pivô francês teve boa atuação: anotou 14 pontos, sendo um dos cestinhas do time, ao lado de Kawhi Leonard, e ainda contribuiu com quatro rebotes em 20 minutos.

PG – Steve Nash

SG – Jodie Meeks/Xavier Henry

SF – Nick Young

PF – Shawne Williams

C – Pau Gasol

Fique de Olho – Sente-se e respire fundo, porque a próxima informação que vem por aí é forte. Está pronto? Pois bem: Xavier Henry é o principal cestinha do Los Angeles Lakers na temporada até aqui, com médias de 18 pontos e cinco rebotes em 31 minutos por exibição nos dois primeiros jogos da equipe angelina. Então, bem… olho nele, Kawhi!

Anúncios

Spurs (1-0) vs Grizzlies (0-1) – Pulga atrás da orelha

101×94

Não há nada melhor do que iniciar sua campanha com vitória. Foi o que o San Antonio Spurs fez na noite de quarta-feira (30). Jogando em casa, a equipe texana venceu o Memphis Grizzlies por 101 a 94, na reedição da final da Conferência Oeste deste ano, e começou a temporada 2013/2014 com o pé direito. Mas nem tudo são flores. Apesar do resultado positivo, o time pode ter perdido Tim Duncan, que deixou o jogo mais cedo por conta de uma lesão e deixou a torcida com a pulga atrás da orelha. Confira, a seguir, os destaques da partida.

Volta logo, Duncan! (NBAE/Getty Images)

The Big Fundamental

Tim Duncan deixou a quadra no terceiro período após chocar-se com Tony Allen, cometendo falta no ala-armador do Grizzlies. Naquela altura, o ala-pivô havia atuado apenas por pouco mais de 17 minutos, anotando três pontos (1-6 FG, 1-3 FT) e seis rebotes. O camisa #21 foi para os vestiários com dores no peito e nos ombros e não voltou mais para a partida. No entanto, após o jogo, o treinador Gregg Popovich deu a entender que o jogador não deve ser problema para o jogo de sexta-feira, fora de casa, contra o Los Angeles Lakers. Tomara!

Mills se destacou entre os reservas (NBAE/Getty Images)

Show do banco

Em relação ao fim da última temporada, o banco de reservas do Spurs perdeu Gary Neal, Tracy McGrady e DeJuan Blair e ganhou Marco Belinelli e Jeff Ayres, que fizeram sua estreia oficial com a camisa da franquia nesta quarta. E, aparentemente, a segunda unidade manteve sua força. Diante do Grizzlies, os reservas da equipe texana anotaram, somados, 53 pontos, contra apenas 40 dos adversários. Os destaques foram Boris Diaw, com 14 pontos e quatro rebotes; Manu Ginobili, com 12 pontos, cinco assistências, quatro rebotes e duas roubadas de bola; e Patrick Mills, com 12 pontos.

O australiano, aliás, sai na frente na briga por minutos na reserva de Tony Parker. Cory Joseph sequer saiu do banco de reservas durante a partida, enquanto Nando De Colo foi o eleito de Pop para ir à lista de inativos e sequer estava disponível para a partida.

Titulares em alta

Apesar da boa atuação dos reservas, o Spurs faz bem em manter Tony Parker, Danny Green, Kawhi Leonard, Tim Duncan e Tiago Splitter em seu time titular. De acordo com John Schuhmman, que escreve para o site oficial da NBA, o quinteto foi o melhor defensivamente da última temporada entre todos que jogaram ao menos 200 minutos juntos. Contra o Grizzlies, a unidade esteve em quadra por só oito minutos, mas segurou o adversário a somente 88,9 pontos a cada 100 posses de bola, se aproximando dos 87,7 do campeonato anterior.

Os destaques do time titular foram Leonard, com 14 pontos, sete rebotes e dois tocos; Parker, com 13 pontos e nove assistências; e Splitter, com 11 pontos e oito rebotes.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Kawhi Leonard – 14 pontos e 8 rebotes

Boris Diaw – 14 pontos e 4 rebotes

Tony Parker – 13 pontos e 9 assistências

Manu Ginobili – 12 pontos, 5 assistências, 4 rebotes e 2 roubos de bola

Patrick Mills – 12 pontos

Tiago Splitter – 11 pontos e 8 rebotes

Memphis Grizzlies

Tony Allen – 15 pontos, 3 rebotes e 2 roubos de bola

Marc Gasol – 14 pontos e 9 rebotes

Mike Conley – 14 pontos, 7 assistências e 2 roubos de bola

Spurs (0-0) vs Grizzlies (0-0) – Temporada Regular

San Antonio Spurs vs Memphis Grizzlies – Pré-temporada

Data: 30/10/2013

Horário: 22h30 (Horário de Brasília)

Local: AT&T Center

Jogando em casa, o San Antonio Spurs faz sua estreia na temporada 2013/2014 contra o Memphis Grizzlies, equipe que varreu na final da Conferência Oeste deste ano. A partida deve marcar a estreia oficial de Marco Belinelli e Jeff Ayres com a camisa do time texano. Do outro lado, estará um adversário que perdeu Kenyon Dooling, Tony Wroten, Austin Daye e Darrell Arthur, e respondeu contratando Nick Calathes, Jamaal Franklin, Mike Miller e Kosta Koufos. Além disso, o treinador Lionel Hollins foi substituído por seu antigo assistente, David Joerger.

PG – Tony Parker

SG – Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – Tim Duncan

C – Tiago Splitter

Fique de Olho – Enquanto descansa, no campeonato, os veteranos Manu Ginobili e Tim Duncan e dá repouso a Tony Parker, que defendeu a França na offseason, o Spurs aposta no desenvolvimento de Kawhi Leonard para manter-se no topo. Na pré-temporada, o ala obteve médias de 12,6 pontos – sendo o líder do time – e 4,6 rebotes em 18,2 minutos por jogo.

PG – Mike Conley

SG – Tony Allen

SF – Tayshaun Prince/Mike Miller

PF – Zach Randolph

C – Marc Gasol

Fique de Olho – Grande parte do elenco do Grizzlies foi varrido pelo Spurs na final do Oeste em 2013. Mas há um jogador que viveu sensação oposta. Mike Miller fez parte do plantel do Miami Heat que se sagrou campeão da NBA sobre o time texano. Agora, de casa nova, o ala apresentou médias de 7,4 pontos e 3,3 rebotes em 22,3 minutos por partida na pré-temporada.

Spurs prorroga contratos de Joseph e Leonard

Nesta segunda-feira (28), o San Antonio Spurs anunciou, por meio de seu site oficial, a prorrogação dos contratos de dois jogadores. A franquia exerceu a opção que tinha sobre os vínculos do armador Cory Joseph e do ala Kawhi Leonard, ambos selecionados no Draft de 2011, e garantiu a continuidade da dupla no Texas até o fim da temporada 2014/2015.

Joseph e Leonard garantidos por mais um ano (Reprodução/nba.com/spurs)

Joseph chegou ao Spurs sendo selecionado na 29ª escolha do recrutamento de calouros, e hoje briga para se firmar como o principal reserva de Tony Parker na armação. Na última temporada, o canadense apresentou médias de 4,5 pontos, 1,9 rebotes e 1,9 assistências em 13,9 minutos por jogo. Neste ano, nos amistosos de preparação do time texano, sustentou quatro pontos, 2,2 rebotes e duas assistências em 15,5 minutos por partida.

Leonard, por sua vez, foi selecionado na 15ª posição naquele Draft e rapidamente ganhou espaço como o ala titular do Spurs. Na última temporada, o atleta apresentou médias de 11,9 pontos e seis rebotes em 31,2 minutos por exibição. Agora, na fase de preparação, sustentou 12,6 pontos, sendo o principal cestinha do time, e 4,6 rebotes em 18,2 minutos por jogo.

Spurs dispensa Josh Howard

Durou pouco a passagem de Josh Howard pelo San Antonio Spurs. Neste sábado (26), um dia depois de contratar o ala, a franquia texana anunciou a dispensa do jogador.

Howard deve ir para o Toros (Greg Smith/USA Today)

As regras da pré-temporada dizem que uma franquia tem o direito de enviar seus três últimos cortes para sua equipe filiada na D-League, a Liga de Desenvolvimento da NBA. Por isso, provavelmente, o Spurs trouxe Howard para poder mandá-lo, em seguida, para o Austin Toros.

Com isso, o elenco do Spurs volta a ter 14 jogadores, um a menos do que o permitido pela NBA durante a temporada regular. Desde modo, a franquia texana abre espaço e pode optar, caso necessário, por contratar alguém com o campeonato em andamento, como fez recentemente, por exemplo, com Patrick Mills, Tracy McGrady, Boris Diaw e Aron Baynes.