Arquivo diário: 26/06/2013

Spurs recebe iraniano para treinos de olho no Draft

Famoso por sua habilidade para encontrar prospectos internacionais, o San Antonio Spurs analisou recentemente um jogador nascido fora dos Estados Unidos de olho no Draft deste ano. De acordo com reportagem do site americano Project Spurs, a franquia recebeu o iraniano Arsalan Kazemi para uma sessão de treinos no Texas.

Pintou um iraniano no Spurs? (Ezra Shaw/Getty Images)

O ala-pivô, de 2,01m de altura e 23 anos de idade, acaba de completar sua quarta e última temporada no basquete universitário americano vestindo a camisa do Oregon Ducks. No campeonato, Kazemi teve médias de 9,4 pontos (59,5% FG, 67,5% FT), dez rebotes e duas roubadas de bola em 29 minutos por exibição.

Por meio de seu Twitter pessoal, Kazemi confirmou a sessão de treinos em San Antonio.

Especialistas imaginam que o iraniano briga para ser selecionado nas últimas colocações do Draft. Em outras palavras, o ala-pivô deverá estar disponível quando for a vez do Spurs na segunda rodada – a franquia texana tem a 28ª e a 58ª escolhas do recrutamento de calouros.

O Draft de 2013 acontecerá nesta quinta-feira, em Nova York, no Barclays Center, ginásio do Brooklyn Nets, a partir das 20h (de Brasília).

Confira os demais prospectos que o Spurs pode selecionar no Draft

Anúncios

Draft 2013 – O garrafão

Depois de falar sobre os armadores e os alas, o especial do Spurs Brasil sobre o Draft de 2013 da NBA chega à sua segunda parte. Dessa vez, o assunto será o setor do elenco do San Antonio Spurs que, em um passado não tão distante, causava dores de cabeça nos torcedores e que continua sendo motivo de preocupação para muitos: o garrafão.

Jarrett pode ser mais um achado do Spurs (Reprodução/vimeo.com)

Ao menos, dessa vez, a torcida do Spurs sabe que seu melhor big man está garantido para a próxima temporada. Apesar de alguns falarem em uma possível aposentadoria do ídolo, Tim Duncan, que era agente livre na última offseason, tem mais um ano de contrato com a franquia texana, e ao longo da temporada 2013/2014 vai receber US$ 10,36 milhões. Além disso, o ala-pivô tem a opção de renovar unilateralmente pelo mesmo valor se quiser continuar defendendo as cores da equipe na temporada 2014/2015.

No entanto, para o próximo campeonato, o Spurs só tem contrato garantido com mais dois jogadores de garrafão, e nenhum deles fez parte da rotação da equipe contra o Miami Heat, na série final da NBA. O primeiro deles é Matt Bonner, que vai entrar em seu último ano de contrato e receber US$ 3,94 milhões no período. E o segundo é Aron Baynes, que vai ganhar pouco menos de US$ 789 mil na temporada 2013/2014. Depois disso, a franquia texana terá o direito de igualar qualquer proposta feita pelo australiano antes da temporada 2014/2015.

Tiago Splitter, que vinha sendo titular, tem sua situação indefinida. O Spurs tem o direito de igualar qualquer proposta feita pelo brasileiro, que recebeu US$ 3,94 milhões no último campeonato. Mas, como o pivô deve ser um dos mais concorridos da offseason, fica difícil fazer qualquer previsão a seu respeito. Além dele, Boris Diaw, que foi o principal reserva de garrafão na última temporada, ainda não exerceu sua opção – o ala-pivô, pré-convocado para a seleção francesa, pode renovar unilateralmente com a franquia por US$ 4,7 milhões. E, por fim, DeJuan Blair é agente livre irrestrito e dificilmente volta a jogar pela equipe.

Se quiser reforçar o garrafão, o Spurs pode recorrer a um dos três prospectos do setor que têm vínculo com a franquia texana e jogam na Europa. O mais interessante deles parece ser Erazem Lorbek. O ala-pivô esloveno, de 29 anos e 2,08m de altura, foi selecionado pelo Indiana Pacers na 46ª escolha do Draft de 2005, e teve seus direitos enviados para San Antonio na troca que mandou George Hill para Indianápolis. Na última temporada, atuando pelo Barcelona, o jogador apresentou médias de 8,9 pontos (48,9% FG, 41,9% 3 PT, 75% FT) e 3,4 rebotes em 20,6 minutos por exibição na Euroliga e 9,9 pontos (49,6 % FG, 32,1% 3 PT, 73,3% FT) e 3,3 rebotes em 20,6 minutos por jogo no campeonato nacional. Porém, como ele renovou seu contrato com a equipe espanhola por um alto valor salarial na offseason anterior, trazê-lo para jogar na NBA pode ser uma tarefa bem complicada.

Além de Lorbek, o Spurs ainda tem os direitos de dois jogadores de garrafão. O primeiro deles é Ryan Richards. No entanto, o ala-pivô britânico, de 2,12m de altura e 22 anos de idade, parece ter problemas de personalidade e não costuma ficar muito tempo no mesmo time. Ele começou a temporada pelo Asseco Prokom, da Polônia, mas, em fevereiro, se mudou para o BC Zepter Vienna, da Áustria. Pela nova equipe, o jogador, selecionado pela franquia texana na 49ª escolha do Draft de 2010, apresentou médias de 16,7 pontos (48,3% FG, 31,9% 3 PT, 75,9% FT) e 5,4 rebotes em 26,2 minutos por exibição no campeonato nacional.

O terceiro jogador de garrafão ligado ao Spurs é Robertas Javtokas. O pivô lituano, de 2,10m de altura e 33 anos, foi selecionado pelo Spurs na 55ª escolha do Draft de 2001. Na última temporada, defendendo as cores do Zalgiris Kaunas, de seu país, apresentou médias de quatro pontos (54,2% FG, 71,4% FT) e 2,9 rebotes em 14,5 minutos por exibição na Euroliga e oito pontos (67,3% FG, 56,4% 3 PT) e 4,5 rebotes em 19,2 minutos por partida no campeonato nacional. No entanto, é difícil imaginar o jogador se mudando para a NBA em um estágio tão avançado de sua carreira, já como veterano estabelecido na Europa.

Pensando em tudo isso, o Spurs observou dois prospectos para o garrafão de olho no Draft deste ano. O primeiro deles é Steven Adams. O pivô neozelandês, de 2,13m de altura e apenas 19 anos, acaba de terminar sua primeira temporada no basquete universitário, na qual atuou pelo Pittsburgh Panthers e apresentou médias de 7,2 pontos (57,1% FG, 44,3% FT), 6,3 rebotes e dois tocos em 23,4 minutos por exibição. R.C. Buford, General Manager da franquia texana, teria ido pessoalmente ver um jogo do atleta. No entanto, especialistas imaginam que ele será selecionado entre as 14 primeiras escolhas do recrutamento de calouros – ou seja, fora do alcance do Spurs, que tem a 28ª e a 58ª e precisaria fazer uma troca para ter o jogador.

Abaixo, veja um vídeo feito pelo DraftExpress com lances de Adams:

Além de Adams, o Spurs observou também uma opção menos badalada. Trata-se de Grant Jarrett. O ala-pivô, de 2,08m de altura e 19 anos de idade, acaba de terminar sua primeira temporada no basquete universitário atuando pelo Arizona Wildcats, apresentando médias de 5,2 pontos (40,9% FG, 40,5% 3 PT, 81,8% FT) e 3,6 rebotes em 17,8 minutos por exibição. O desempenho rendeu um convite da franquia texana para uma sessão de treinos em San Antonio. Especialistas imaginam que o atleta, especialista em arremessos, será selecionado entre o meio e o fim da segunda rodada. Ou seja: pode ser opção para a 58ª escolha.

O Draft de 2013 vai acontecer na próxima quinta-feira (27), em Nova York, na arena do Brooklyn Nets. Até lá, o Spurs Brasil ainda vai publicar um post sobre os palpites dos especialistas para o recrutamento de calouros.

Confira os demais prospectos que o Spurs pode selecionar no Draft

As informações salariais foram retiradas do site HoopsHype

Ala-pivô treina com o Spurs de olho no Draft

Com o Draft se aproximando, o San Antonio Spurs segue estudando suas opções. De acordo com reportagem do site americano Project Spurs, a franquia texana recebeu o ala-pivô Grant Jerrett para uma seção de treinos de olho no recrutamento de calouros.

Jarrett tem o arremesso como ponto forte (Reprodução/pointguardu.com)

Apesar de ser um jogador de garrafão, Jerrett tem o arremesso como ponto forte. O ala-pivô, de 2,08m de altura e apenas 19 anos de idade, acaba de terminar sua primeira temporada no basquete universitário atuando pelo Arizona Wildcats. Ele apresentou médias de 5,2 pontos (40,9% FG, 40,5% 3 PT, 81,8% FT) e 3,6 rebotes em 17,8 minutos por exibição.

Especialistas imaginam que Jerrett será selecionado entre o meio e o fim da segunda rodada do Draft. O site DraftExpress, inclusive, coloca o ala-pivô como alvo do Spurs no recrutamento.

Vale lembrar que o Spurs detém a 28ª e a 58ª escolhas do Draft deste ano, que acontecerá na próxima quinta-feira, em Nova York, na arena do Brooklyn Nets.

Confira os demais prospectos que o Spurs pode selecionar no Draft

Spurs teria prometido selecionar Erick Green no Draft

Com o Draft, que acontecerá na quinta-feira (27), se aproximando, os rumores envolvendo o San Antonio Spurs e o recrutamento de calouros vão ficando mais fortes. Segundo um tweet do site NBADraft.net, a franquia texana teria prometido selecionar Erick Green com a 28ª escolha.

Sorria! Você está na mira do Spurs (Getty Images)

O ala-armador, de 1,91m de altura e 22 anos de idade, acaba de terminar sua quarta e última temporada no basquete universitário atuando pelo Virginia Tech Hokies. Em seu campeonato de despedida, Green apresentou médias de 25 pontos (47,5% FG, 38,9% 3 PT, 81,6% FT), quatro rebotes e 3,8 assistências em 36,4 minutos por exibição.

Confira, abaixo, um vídeo com entrevista de Green para o site DraftExpress:

Especialistas previam que Green, que também pode atuar como armador principal, seria selecionado no início da segunda rodada do recrutamento. Em outras palavras, o jogador deverá estar disponível quando chegar a vez do Spurs.

Esse é o rumor mais forte envolvendo o Draft e o Spurs até agora. Antes, o prospecto favorito a ser selecionado pela franquia texana na 28ª escolha era o ala francês Livio Jean-Charles.

Vale lembrar que o Spurs detém a 28ª e a 58ª escolhas do Draft deste ano, que acontecerá na próxima quinta-feira, em Nova York, na arena do Brooklyn Nets.

Confira os demais prospectos que o Spurs pode selecionar no Draft

Spurs tem interesse em Robinson, mas acerto é difícil

De acordo com reportagem do site americano Project Spurs, o San Antonio Spurs tem interesse na contratação do ala-pivô Thomas Robinson, que terminou a última temporada vestindo a camisa do Houston Rockets. No entanto, fontes ligadas à situação consideram o acerto entre as franquias texanas complicado, já que o alvinegro não teria as peças certas de troca para convencer seu rival de divisão a concluir a negociação.

Quem aí gostaria de vê-lo no Spurs? (Reprodução/sportige.com)

Segundo o jornalista Jonathan Feigen, do jornal texano Houston Chronicle, o Rockets quer trocar Robinson para abrir espaço salarial e tentar a contratação de Dwight Howard, que é agente livre na offseason. A ideia da franquia é conseguir, em troca do ala-pivô, uma escolha do Draft de 2013. Assim, a equipe podia selecionar um jogador que atua na Europa e não trazê-lo imediatamente, poupando alguns milhões para oferecer ao pivô.

Cientes do cenário, Chicago Bulls, Cleveland Cavaliers e San Antonio Spurs teriam aberto negociação com o Rockets. No entanto, por uma série de cenários, o alvinegro texano é aquele com menos atrativos para negociar com o rival.

O Spurs tem apenas a 28ª escolha na primeira rodada para oferecer ao Rockets. O Cavaliers tem a primeira e a 19ª, além da 31ª e a 33ª no início da segunda rodada. E o Bulls tem a 20ª e uma trade exception que poderia ser usada na negociação para ajudar a franquia de Houston a trazer Howard. Por isso, a equipe de San Antonio teria de envolver uma terceira franquia na negociação para viabilizar a chegada de Robinson, tornando a troca mais difícil.

Robinson foi a quinta escolha do Draft do ano passado. O ala-pivô foi selecionado pelo Sacramento Kings e enviado para o Rockets em troca de Patrick Patterson no meio do campeonato. No total, o jogador apresentou médias de 4,8 pontos (43% FG, 52,3% FT) e 4,5 rebotes em 15,1 minutos por jogo ao longo da temporada 2012/2013.