Spurs (3) @ (4) Heat – Obrigado

88×95

Existem jogos que não precisam ser descritos. Você não precisa saber quantos pontos, quantos rebotes ou quantas assistências eles tiveram. Assim deve ser para a visita do San Antonio Spurs ao Miami Heat no jogo sete da final da NBA. A vitória do mandante por 95 a 88 premiou um monstro pela segunda vez. LeBron James levou seu bicampeonato e faltam palavras para descrevê-lo. Como faltam palavras – e o nó na garganta é grande – para descrever a sensação de ter visto a última chance de Tim Duncan e Manu Ginobilli terem levado mais um título, já no final de suas carreiras. Vamos aos fatos, não ao jogo.

Obrigado por tudo, Duncan! (NBAE/Getty)

Obrigado, Manu

Sim, eu sei. O erro no jogo seis, no finalzinho, foi crucial. Assim como os erros neste jogo derradeiro também. Mas permitam-me fazer apenas uma observação. Ídolos não são de um dia. Eles não ascendem com um jogo e nem caem com apenas um também, por maior que seja a importância dos duelos em questão. Quando este Spurs Brasil foi fundando, juntou um fã de Tim Duncan e um fã de Manu Ginobilli – eu e Lucas Pastore. Em um jogo diante do Toronto Raptors, vitória, demos início a tudo – e nosso argentino estava lá, nos dando o triunfo. O tempo passa e passa até para os ídolos. Comecei esse resumo assim porque é preciso sim saber e reconhecer os erros (cruciais, na maioria) do ala-armador, mas é hora de saber o que ele representa para a franquia. Ídolos não são de barro. Eles não quebram. Nunca.

O futuro da franquia (NBAE/Getty)

Eu vi Tim Duncan

Não sei se Duncan vai continuar jogando, nem interessa agora. Se ele voltar, que saiba que será sempre bem-vindo (e não há algo maior, senão eu diria). Sei que, se um dia eu puder contar para alguém que eu gosto de basquete, o farei falando que vi meu maior ídolo em seu auge. Vou poder falar que vi um dos dez maiores jogadores de todos os tempos ser meu contemporâneo. O que ele faz não é desse planeta. A idade não pesa, a vontade de ganhar não diminui e a tristeza ao perder, mesmo depois de ter ganho tanto, não muda.

Confesso que cinco minutos após o jogo, ainda meio sem saber o que escrever, me inspirei – de novo – em Timmy e na força de vontade dele. Ele merece que levantemos nossa cabeça agora.

Tão perto…

Ídolos não morrem, vimos Tim Duncan, mas decepções nunca são amenizadas rapidamente. Para sempre – e sim, será eterno – pensaremos que “podia ter sido diferente” se “aquela bola caísse”, “aquela enterrada saísse”, “aquele tempo fosse pedido”. O jogo 6 terá sido para sempre o pior melhor jogo que já vimos em nossas vidas. Foi quase. E quando é quase, dói mais. Vamos lamentar tudo: pontos, rebotes e roubos perdidos. Mas chegamos. Quem pensa que segundo é o primeiro dos últimos, me desculpe, nunca disputou nada para valer. Chegar não é fácil quando se joga em alto nível. Que o segundo lugar nos mostre a grandeza da chegada, desprezando times mais badalados e/ou mais preparados até.

O ofício

Tenho que falar do jogo? Sim? Então tudo bem. O que nos matou foi o que nos mata quase sempre: rebotes. Perdemos muitos. Demos segundas chances ao Heat e perdemos oportunidade de termos segundas chances. No momento derradeiro de um torneio de alto nível, isso faz toda a diferença. Eles? Eles têm simplesmente a única figura que já foi capaz de rivalizar com Michael Jordan após o advento de Vossa Alteza ainda na década de 1980. Na hora que precisou, ele apareceu. E fez aparecer também o vão que todos sabíamos que poderia fazer a diferença na decisão. Fez.

O futuro…

Bem, ele é menos sombrio do que há alguns anos, não? Lembram quando Duncan estava mal, na temporada 2010/2011, e não tínhamos Kawhi Leonard? “O que vai ser do Spurs?”. Bem, o Spurs vai ser isso, temos um companheiro para Tony Parker – um monstro! – e já poderemos pensar em construir o (doloroso, pela saudade que ficará) futuro sem Duncan e Manu.

Obrigado, San Antonio Spurs. O que fica de 2013 é orgulho. E 2014 está logo aí. Você subestimaria esse gigante? Eu pensaria algumas vezes antes…

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tim Duncan – 24 pontos, 12 rebotes e 4 roubadas de bola

Kawhi Leonard – 19 pontos e 16 rebotes

Manu Ginobili – 18 pontos, 5 assistências e 3 rebotes

Tony Parker – 10 pontos, 4 assistências e 3 roubadas de bola

Miami Heat

LeBron James – 37 pontos, 12 rebotes, 4 assistências e 2 roubadas de bola

Dwyane Wade – 23 pontos, 10 rebotes e 2 tocos

Shane Battier – 18 pontos e 4 rebotes

Mario Chalmers – 14 pontos e 2 roubadas de bola

Anúncios

Sobre Leonardo Sacco

É jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero. Cravou a opção pelo jornalismo no estouro do cronômetro, quando criou o Spurs Brasil em uma madrugada de domingo para segunda. Escreve para o Yahoo! Esportes e dá seus pitacos no @leosacco.

Publicado em 21/06/2013, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 26 Comentários.

  1. Essa derrota doeu,principalmente porque estivemos muitos proximos do titulo no jogo 6,mas os spurs estao de parabéns,agora é ergui a cabeça e olhar pra frente,tenho muito orgulho desse time.

  2. Parabéns pelo texto , e é isso mesmo na próxima temporada vamos com força de novo , SPURS sempre

  3. Só consigo sentir ORGULHO dessa franquia. Agradeço pelo texto… Me emocionei aqui!!!
    GO SPURS GO!!!

  4. Obrigado a vocês do blog também, sempre atualizando e acreditando sempre no Spurs. E o melhor é que o futuro está aí! Kawhi é BRILHANTE e ESPETACULAR. Quando a Manu e Duncan… Meus olhos enchem d’água quando penso: “Caramba, eu vi eles jogarem”. Obrigado, monstros sagrados, muito obrigado.

  5. Victor_Heat

    Grandiosíssimo time esse do Santo Antonio!
    Vendeu muito caro a derrota, foi um adversário muito duro.
    Como o próprio Lebron James falou: São os dois melhores times do mundo, o melhor do leste contra o melhor do oeste.
    Há boatos de que o Duncan quer se aposentar.
    Se ele quiser se aposentar,e se um dia ele resolver voltar, prometo que se ele fosse para o Heat, o Pat Riley não iria ficar nenhum pouco aborrecido! hahaha
    Hoje, James é meu top 5 da história.
    1- Michael Jeffrey Jordan
    2- Kareem Abdul-Jabbar
    3- Earvin Johnson Jr
    4- William Felton Russell
    5- LeBron Raymone James
    6- Wilton Norman Chamberlain
    7- Larry Joe Bird
    8- Timothy Theodore Duncan
    9- Kobe Bean Bryant
    10- Shaquille Rashaun O’Neal

    OBS: é a minha opinião sincera, sei que opiniões nunca são unanimidade. Uns vão concordar, outros irão discordar, outros concordarão em partes.
    Levei em consideração aos principais quesitos da NBA( MVP, ANÉIS, MVP FINALS)

  6. Não foi a última vez. O Spurs não acabou, se alguém conhece bem o Duncan e Pop saberiam que eles não se aposentariam pela porta dos fundos. Calma, temos talvez a última temporada, vai depender deles..

  7. Esse time e fantastico e cada vez mais aprendo a admirar e torcer cada vez mais… Tim foi um monstro nessa serie Manu nunca vai deixar de ser o que é, e a importancia dele nos spurs mais ele enterrou o time pra mim… Kawhi sem comentarios. Jogou demais! O parker deixou um pouco a desejar nos 2 ultimos jogos o Green começou muuito bem mais depois se escondeu…

  8. Renan Colnago

    Parabéns ao Heat , campeão com méritos. Apesar de não gostar das atitudes de Lebron James tenho que admitir o quão bom ele é.
    Ao nosso Spurs apenas tenho orgulho de ser torcedor dessa franquia maravilhosa e isso vai além de ganhar ou não a NBA.
    Observações:
    1° – Kawhi Leonard é o futuro da franquia , ele é brilhante e frio, excepcional.
    2° – Aquele gancho do Duncan não ter caído foi uma das maiores injustiças que eu vi no basquete, a frustração dele me emocionou por isso ele é meu maior ídolo no basquete, e sempre vai ser.

  9. Gustavo Alves

    Q jogo, moçada. Saí de casa pra não ver, mas onde fui estava passando, acabei assistindo o jogo, e q jogo! Acreditei o tempo todo que ganharíamos.
    E na verdade, ganhamos! Demos show! Valeu ver cada segundo dessa temporada! E essa pra mim é a maior vitória.
    Gostaria que o pessoal do Blog escrevesse depois dessa ressaca hehe, um pouco sobre o futuro da franquia. Green, Leonard, Splitter, e aí? Trocar Bonner? Continuar com T-Mac? O q precisamos no Draft? Q trocas podemos fazer? etc…
    Pq pensar q dependemos de draftar um próximo Duncan, me deixa mto triste… Pq provavelmente, ou nao acontecerá, ou demorará anos… mtos anos..

  10. DIEGO LOPES

    Parabéns a todos os Spursianos! eu sinceramente não acreditava mais no time, Achava que dificilmente conseguiríamos retornar a uma final da NBA e até mesmo chegar com chances de brigar com o Heat (melhor time disparado da NBA, na minha opinião) e conseguimos.. tinha jogado a toalha devido às ultimas frustrações nos playoffs e pela idade do elenco.. este ano pra mim foi uma grata surpresa, jogamos D++ e só não ganhamos por um acaso que só acontece no basquete!!
    Mas quero deixar aqui minha satisfação pessoal, mesmo não ganhando o título me sinto honrado de ser um Spursiano desde de 27 de Dezembro de 1994, quando então tinha 10 anos e fui ao Alamodome ver Spurs x Hornets.. até então eu nem sabia o que era basquete, mas com a performance de Robinson, Avery, Sean, Del Negro, Rodman, Doc Rivers, Chuck Person, entre outros fui apresentado ao basquete..

    Tenho Manu como um grande ídolo e me inspiro nele em quadra (óbvio que não chego a 1% do que ele faz), confesso que fiquei revoltado com ele no jogo “6” até acreditando que ele pudesse fazer parte de um esquema armado, para se ter um 7° jogo, afinal milhões e milhões de USD são envolvidos entre transmissões, propagandas, etc..! não era possível tantos erros infantis, que somente amadores cometem.. mas enfim tento mudar de opinião comigo mesmo para não acreditar que isso tenha ocorrido..

    O que falar de Timmy? só existe uma palavra que ele representa para mim e essa palavra é AGRADECIMENTO! pelo que?! por tudo que fez pelo basquete.

    Parker? Nunca fui muito fã dele, fez sua melhor temporada sem sombra de dúvidas, nos deu uma vitória no jogo 1, mas confesso que sinto que falta algo nele ainda.. talvez seja birra minha, mas enfim.

    Kawhi? Você é o nosso futuro cara! Tenho esperança dele se tornar um novo astro da NBA e fazer com que a nossa franquia tenha mais 15 anos de sucesso! =D

    Pop?! um mestre, como poucos que já vi.. deu para ver ontem em Lebron e Wade o respeito que tem pelo nosso comandante.

    Neal / Green? foram fundamentais nas vitórias dos Spurs na série.. fizeram até mais do que eu esperava.. sumiram no último jogo? talvez sim, mas só chegamos ao 7° através de suas contribuições.

    Bom, não quero me alongar muito..
    Mas que venha a próxima temporada, com Timmy ou sem Timmy o que sempre nos restará é a paixão por este time brilhante!

    Abraços!

  11. Thiaguinho

    Emocionante!! Escolhi os Spurs por causa do Tiago, ele era o brasileiro q eu mais simpatizava. Me lembro de no final temporada em q perdemos para os Thunders, eu acompanhava somente pelo site da globo e os resumos dos jogos era quase sempre o msm: Parker e Duncan lideram os Spurs a mais uma vitória. Ali eu já comecei a reparar nesse dois nomes. No meio deste ano comecei a acompanhar através de sites q transmitiam os jogos, vi Manu (este eu já tinha ouvido falar mt na argentina) e sua genialidade me encantou. Admiro muito essa franquia hj e sou grato por poder ter vistos esses monstros jogarem, hj sou feliz em dizer q vi Duncan jogar, vi a genialidade de Manu eo monstro do Parker. Estou feliz de ter optado pelos Spurs e tenho ctz q logo seremos penta. O futuro é promissor, temos Leonard q será um dos grandes e Green tbm é promissor. Obrigado Spurs!!

  12. Gustavo Alves

    Coisa que achei bacana, é que logo q acabou o jogo, James e Wade foram DIRETO pro Coach Pop com uma cara de alegria de ter vencido, mas com uma cara, q sinceramente, queria dizer “se vc fosse o técnico, nós seriamos melhores ainda”

  13. O momento que ficou marcado, para mim, NÃO foi a cesta MILAGROSA de Tony PARKER, na posse de 23s e 29/30’s, no jogo 1, NEM o recorde do tão amado/odiado Danny GREEN, OU o lance livre perdido por Kawhi LEONARD no jogo 6, NEM a subsequente bola de 3 de Ray Allen, muito menos os TO’s de Manu “GÊNIOBILI” (por mais que eu o tenha xingado mais que Judas em sábado de Aleluia), ou a falta do Bosh no Green, que não é unanimidade, mas que, ao meu ver, foi!

    O que FICA MESMO É O MURRO QUE “THE BIG FUNDAMENTAL” deu na quadra APÓS ERRAR a bandeja, pegar o rebote e errar o tapinha, jogada que, se acertada, poria o Spurs de volta no jogo…

    Ali eu entendi que ele viu o anel saindo da mão dele, e do time, pois faltavam, sei lá, 20s e a diferença tinha ficado em 3 pontos e a bola com o Heat… eu não tenho certeza disso, por que isso realmente não importa, o que FICOU GRAVADO na minha retina é a FRUSTRAÇÃO, a REVOLTA de Timmy COM ELE MESMO…

    Foi uma frustração que eu senti também, que todo Spur deve ter sentido e que Timmy, coitado, deve ter sentido não só a dele, mas a de TODOS NÓS juntos!!!!

    E foi nesse momento que o resultado deixou de importar (é lógico que eu queria gritar “É CAMPEÃO, POHAM!!!” mas o Larry O’Brien virou DETALHE), o que TOMOU CONTA DE MIM Foi o sentimento de GRATIDÃO por ser Spur, por ter PRESENCIADO (e ainda presenciar) TIM DUNCAN…

    #GOSPURSGO
    2014 é logo ali!!!!
    #ALAMOTRUCK
    #RIDEFORFIVE
    #FIGHTFOR(the)FIFTH

    Até o draft pessoal!!!
    Mais uma “steal” vem aí!!!!
    #InPopWeTrust

  14. dói só não ter ganho . do jogo? não tive extrutura para ver o surgimento de um cara que não sei gostar . saliento aqui que o spurs tem torcedor fissurado feito eu . sobre o que pensar ou dizer ??
    o time que ganhou estava mais jovem , mais inteiro , com o jogo em casa . nós , material divino no sacrificio . material jovem fresco , ainda sem esfriar . só não teve título e garanto que quem ganhou foi o spurs . quase nunca somos cultuados pela imprensa , duncan não joga um basquete de caretas , do tido ”show ball” , mas calado , fez uma historia no minimo inacreditavel …
    fomos contra todos , massacramos times de muito melhor momento na liga , desmontamos taticas de times inclusive o heat .
    digo a todos , eu estou triste pela derrota pra esse cara e essas caretas dentro de quadra , foi uma vergonha o eles ao fim de contas , não vejo outro cabimento . é uma vergonha precisar de 7 jogos pra nos arrancar a esperança do quinto . deveríamos ser massacrados , humilhados pelo que se diz na grande rede . mas no fim , precisaram de um manu já em evidente problema fisiologico ,tal como o duncan sagrado . arrancando seu espaço celeste em outra partidaça.
    7 jogos contra um time . estavamos debilitados , mas o que viu , foi fantastico .
    estamos com material humano de sobra pra desfigurar o que se conhece de infiltração e enterradas frias sem careta : green , neal , kawhi , baynes . não gostaria mais de splitter , não combina com o spurs , não atua como spurs . bonner ficaria para o resto de minha vida , mas que popp entendesse que ele só chuta de 3 .

    mesmo assim , ainda spursiana , ainda agradecida por ver sacrificios de duncan . o amo por tudo o que é .
    fica a mensagem : não foi facil pro melhor ganhar , sabemos disso , vimos isso e como dito acima : vi um mito , um deus , atuar , vi todas as fases dele , mesmo todas sendo o maximo .sou testemunha contemporanea junto de uma grande prole e temos o que compartilhar ainda .
    amo demais esse time . nada mudou .

  15. Belo texto, infelizmente não foi dessa vez, acho q a pior coisa agora é querer achar um culpado, todos estão de parábens.

    Quando acabou a temporada regular, viviamos uma “crise”, e ninguém apostava em nosso time, e quando chegou os Playoffs, o time rendeu muito, eliminamos times com jogadores que muitos apontavam como imparáveis, como GSW e as bolas de 3 do Curry, e o garrafão de Menphis.

    Aquela reação do Duncan realmente marcou, obrigado, saiba que você é minha inspiração.

    Acho que chegou a vez de Lebron brilhar, e que jogador…

    Queria agradecer ao Spursbrasil, vocês são D+, contínuem assim, e temporada que vem estamos ai rumo ao penta!!!

  16. acabei de ver o que dizem sobre a cena de duncan . poucas vezes doeu tanto assistir uma frutração . pra que eu fui ver … antes disso eu já o amava , agora então … leandro bem salientou, deve ser a hora de lebron …

  17. Durante vários dias acordei cedo para trabalhar, andava com sono pelos os cantos…mas…quando eu lembrava dos jogos hahahaha, valeu a pena cada jogo ganhando ou perdendo eu testemunhei a história sendo escrita.
    Haaa Duncan, aquele MURRO, meus olhos ficaram mareados na hora…que jogador, se existisse estatísticas que pudessem mensuram dedicação, humildade, espírito de equipe, liderança e etc, a meu querido Duncan vc estaria no topo, outros podem ser considerados melhores jogadores e etc, mas se tratando de caráter não chegam aos seus pés.
    Mais um dia chego do trabalho e com prazer nobres companheiros leio seus comentários com alegria, é tão bom vibrar com esse time, amo esse jogo. Esse blog é magnífico, há anos eu só leio e não compartilho nada, mas um belo dia resolvi mudar…criei um carinho especial por muitos de vcs e mal posso esperar para o ano que vem.
    Ainda em clima de nostalgia deixo um trecho de uma musica de um velho gerreiro que descreve um pouco do que sinto agora:
    “…se ganhei ou se perdi o IMPORTANTE é que emoções eu vivi…”
    Abraços a todos.

    • Julio Puiati

      Tim Duncan não merece terminar sua carreira desse jeito, se culpando por um erro crucial nos últimos minutos em uma final de NBA. É fato que todos os fãs do basquete querem assistir The Big Fundamental por mais uma temporada, mas um detalhe me encomoda.

      Durante as transmissões da ESPN Brasil, Everaldo Marques e Agra não sabiam de onde Tim Duncan encontrava forças para atuar nos confrontos contra o Heat. Segundo eles, Timmy chegava nos treinamentos mal se aguentando em pé, mas, mesmo com tantas dores, realizava seus trabalhos físicos com uma aplicação jamais vista.

      Depois de ouvir esses relatos, meu respeito por este MITO do basquetebol aumentou mais ainda. A saúde vem em primeiro lugar, e não suportaria ver Duncan nessas mesmas condições por mais um ano. Garanto que todos entenderiam se ele aposentasse por essa razão.

      Resta saber se ele irá se recuperar, o que seria uma grande dádiva para o esporte. No mais, só tenho que agradecer-lo por sua tamanha genialidade. Obrigado Tim Duncan.

  18. não é hora de achar culpados,não gosto disso,mais o Spurs perdeu o titulo no jogo 6,tava com 5 pontos de vantagem faltando 28 segundos e deixou os caras empatar!

  19. Alison Dezzotti

    Sou torcedor do spurs desde 2005! pelo seu basquete em equipe e por manu ginobili!
    Acompanho o blog desde ano passado! leio diariamente! tenho adimiração por todos vcs aqui do blog!
    Me faltam palavras pra descrever o que senti…o mesmo sentimento triste e de decepção, foi tomado por um sentimento de dever cumprido!
    Todos os jogadores estão de parabens…

    Tim duncan-sua carreira não vai terminar assim..quem sabe ainda temos uma temporada!só tenho que dizer algo: Lenda!eu vi o melhor pivo de todos os tempos!

    Manu ginobili-Apesar de estar irreconhecivel nas finais, ele é genio,tem credito!

    tony parker- sua madureza na temporada regular foi espantoso! liderou a equipe muitas vezes!

    leonard- Que jogador! futuro da franquia está em boas mãos!

    Green,neal,diaw,splinter- todos jogadores com compromentimento e nos ajudaram muito!

    Greg Popovich- Se mantemos no topo esses anos todos, esse cara ajudou muito!

    Parabens Miami heat

    perdemos de cabeça erguida!
    que venha a proxima temporada..todos nós juntos e como já foi dito:
    se ganhei ou se perdi o IMPORTANTE é que emoções eu vivi…”

    OBRIGADO#

  20. wellington felix

    Durante vários dias acordei cedo para trabalhar, andava com sono pelos os cantos…mas…quando eu lembrava dos jogos hahahaha, valeu a pena cada jogo ganhando ou perdendo eu testemunhei a história sendo escrita.
    Haaa Duncan, aquele MURRO, meus olhos ficaram mareados na hora…que jogador, se existisse estatísticas que pudessem mensuram dedicação, humildade, espírito de equipe, liderança e etc, a meu querido Duncan vc estaria no topo, outros podem ser considerados melhores jogadores e etc, mas se tratando de caráter não chegam aos seus pés.
    Mais um dia chego do trabalho e com prazer nobres companheiros leio seus comentários com alegria, é tão bom vibrar com esse time, amo esse jogo. Esse blog é magnífico, há anos eu só leio e não compartilho nada, mas um belo dia resolvi mudar…criei um carinho especial por muitos de vcs e mal posso esperar para o ano que vem.
    Ainda em clima de nostalgia deixo um trecho de uma musica de um velho gerreiro que descreve um pouco do que sinto agora:
    “…se ganhei ou se perdi o IMPORTANTE é que emoções eu vivi…”
    Abraços a todos. disse tudo que eu senti nessas semanas de final !!!

  21. wellington felix

    Mais na minha opinião pode ter sido a ultima final que eu pude acompanhar dos Spurs nos próximos anos… ”o trio de ferro” já deu tudo que podia. agradeço a eles por tudo que fizeram !!! Manu não e mais o mesmo, tony parker jogou a serie final baleado e ainda quase ganhou o campeonato (aquela bola final no jogo 6, depois da bola do empate do ray allen,ainda restou 5 segundos ,ele levou ate o perímetro chutou com o cronomento quase zerado e a bola caprichosamente bate no aro e voltou, ainda não sai da minha cabeça). Tim Duncan não tem mais oque falar dele o cara e meu maior ídolo do basquete, aquela cena dele batendo no chão e sentido que seu erro anterior custou o titulo doeu em qualquer torcedor do spurs… no mais espero que esteja errado e vejamos os spurs numa final em breve. abraço a toda nação !!!

  1. Pingback: Fim da linha com dignidade | Destino Riverwalk

  2. Pingback: Limitado como nunca antes | Spurs Brasil

  3. Pingback: Jogos do Spurs nos playoffs concorrem ao melhor da temporada | Spurs Brasil

  4. Pingback: Spurs (4) vs Heat (1) – Somos todos campeões | Spurs Brasil

Deixe uma resposta para Francis Cancelar resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s