Spurs (3) @ Heat (2) – Final da NBA

San Antonio Spurs @ Miami Heat – Final da NBA

Data: 18/06/2013

Horário: 22h (Horário de Brasília)

Local: AmericanAirlines Arena

Na TV: ESPN

Cotação no Apostas Online: Spurs 3,50 vs Heat 1,33 (favorito)

Falta apenas uma vitória para o tão desejado título. Depois de vencer o quinto jogo, no Texas, e abrir 3 a 2 na série, o San Antonio Spurs tem pela frente o desafio de vencer ao menos um dos dois últimos jogos contra o Miami Heat na Flórida para erguer a taça. A primeira chance é nesta terça-feira (18). Se vencer, o alvinegro fecha a decisão e se sagra campeão sem a necessidade do sétimo jogo. Em caso de derrota, as duas equipes voltam a se enfrentar na quinta-feira, no confronto derradeiro.

Série nos playoffs (3-2)

06/06/2013 – Spurs 92 @ 88 Heat

O Heat perdeu a primeira partida das finais, jogando em casa, nos últimos instantes, por 92 a 88. O placar foi decidido quando o arremesso incrível de Tony Parker, que aumentou a vantagem dos alvinegros de dois para quatro pontos faltando cinco segundos para o término da partid,a caiu. O destaque dos  texanos foi Tim Duncan, com 20 pontos e 14 rebotes. Do lado do Heat, o cestinha foi LeBron James, que fez seu 3° triple-double seguido em finais, com 18 pontos, 18 rebotes e dez assistências.

09/06/2013 – Spurs 84 @ 103 Heat

No segundo jogo em Miami, o Spurs não conseguiu segurar o Heat, que abriu muita no terceiro quarto e ganhou facilmente a partida, com uma diferença arrasadora no placar. Mesmo com Danny Green fazendo grande partida e acertando os cinco arremessos que tentou da linha de três, a equipe da Flórida não deu chances para o resto do time texano. Os destaques do time da casa foram LeBron James e Mario Chalmers.

11/06/2013 – Spurs 113 vs 77 Heat

O Spurs devolveu o sacode que tomou do Heat no primeiro jogo em San Antonio. Após perder de 19 pontos no jogo 2, os texanos ganharam por 36 pontos diante de sua torcida. Com a mão calibrada de Danny Green e Gary Neal, o alvinegro não tomou conhecimento do seu adversário, ganhando pela terceira maior vantagem da história das finais da NBA.

13/06/2013 – Spurs 93 vs 109 Heat

Jogando em casa para abrir 3 a 1, no dia de Santo Antônio, o Spurs não honrou seu padroeiro e perdeu a partida, deixando a série novamente empatada. Com grandes atuações de LeBron James, Chris Bosh e, principalmente, de Dwyane Wade, que voltou a jogar bem, não houve santo que segurasse o time de Miami, que mereceu a vitória. Somando a produção de todos, o Big Three do Heat anotou 85 pontos e 20 rebotes.

16/06/2013 – Spurs 114 vs 104 Heat

Com Manu Ginobili, enfim, despertando na série, e mais um show de Danny Green nos arremessos, o Spurs comandou o quinto jogo diante do Heat para ficar com a vitória. O ala-armador argentino bateu seu recorde de pontos na atual temporada, anotando 24, mesma pontuação de Green. Parker foi o cestinha, com 26.

PG – Tony Parker

SG – Manu Ginobili

SF – Danny Green

PF – Kawhi Leonard

C – Tim Duncan

Fique de Olho – Com um surreal aproveitamento de 65,7% nos arremessos de três pontos ao longo do confronto contra o Heat, Danny Green é o jogador mais regular do Spurs em toda a série. A pontaria calibrada do camisa #4 vem causando estragos na defesa do time da Flórida e o coloca como forte candidato ao prêmio de MVP das Finais. Uma boa atuação, acompanha de uma vitória, pode dar ao ala-armador a honraria.

PG – Mario Chalmers

SG – Dwyane Wade

SF – Mike Miller

PF – LeBron James

C – Chris Bosh

Fique de Olho – Entre três grandes estrelas, parece estranho destacar Mike Miller. Mas esta é uma série decidida muito mais pelos coadjuvantes do que pelos astros. O camisa #13 do Heat trouxe uma nova opção tática para o treinador Erik Spoelstra, que o promoveu para o quinteto titular para que seus tiros de três pontos abram caminho para as infiltrações de Dwyane Wade e LeBron James. O ala é um especialista no fundamento e, embora hoje não traga muitas outras adições, se seus arremessos começarem a cair a defesa do Spurs poderá ceder espaços valiosos tentando evitá-los.

Anúncios

Sobre Victor Moraes

Formado em Jornalismo no ano de 2012 pela Universidade Metodista de São Paulo. Fanático por esportes, sobretudo o basquete, passou pela redação do Diário Lance!, trabalhou na Liga Nacional de Basquete e no extinto Basketeria. Se orgulha de fazer parte da equipe do Spurs Brasil desde a criação em 2007.

Publicado em 18/06/2013, em Pré-Jogo. Adicione o link aos favoritos. 11 Comentários.

  1. go Spurs, vejo NBA desde 2009/2010, espero ver o Spurs campeão pela primeira vez hoje

  2. Thiaguinho

    Os ingredientes de um time campeão apareceram pros Spurs na sua última partida em casa. Espero q hoje a história se repita!!!
    #GOSPURSGO

  3. Gustavo Alves

    cara, só queria chorar… mais nada…

  4. é não vou culpar o Kawhi, nem o Manu , mas foram os principais
    responsáveis pela perde desse titulo, uma pena !!

  5. Kaio, vc não acredita no Spurs??, pois eu acredito, e confio no time q torço, GO SAN ANTONIO SPURS GO GO

  6. Kaio, vc não acredita no Spurs??, pois eu acredito, e confio no time q torço, GO SAN ANTONIO SPURS GO GO]

    acreditar eu acredito, mas agora acredito menos.

  7. Gustavo Alves

    Eu torço, mas não acredito, infelizmente..
    Esse jogo 6, era o da vitória. Não podia perder pra sorte do Miami ou azar do Spurs.
    E ou, brincadeira falar q a culpa é do Leonard. O cara jogou horrores. Se o time ta até agora nas finais, é totalmente merito dele.
    O lance livre q ele e Ginobili erraram não foi o que fez o time perder.

  8. Cara muito triste por termos perdido o jogo de ontem, agora os fãs fake do Miami vão ficar se achando. Realmente. A culpa está longe de ser do Kawhi que está jogando no modo on fire po! Mas eu digo que o Pop vacilou bastante e tbm o nosso argentino cometeu muitos erros bobos. Agora é crer no jogo 7. Não perco as esperanças não! Apesar de estar muito mais difícil agora…

  9. Agora ta 90% pro heat ser campeão mas se tem uma equipe na nba capaz de se recuperar dessa derrota e ganhar o jogo 7 em Miami essa equipe é o spurs então eu ainda acredito se eles se recuperarem mentalmente ainda temos totais condições de título

  10. E mais pop vacilou deixando o duncan fora com ele no garrafão nunca que o noah pegava aqueles rebotes

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s