Quem ajuda na ausência de Parker

A vitória do San Antonio Spurs sobre o Sacramento Kings, na noite de sexta-feira (1º), trouxe preocupações muito maiores do que o placar de 130 a 102 pode supor. Durante a partida, a equipe texana viu Tony Parker, melhor jogador do time na temporada, deixar a quadra lesionado após torcer o tornozelo esquerdo. Enquanto os torcedores se preocupam, sem notícias da gravidade da contusão, uma série de atletas se prepara para assumir uma fatia relevante na rotação no caso de uma possível ausência do francês.

Na ausência de Parker e Neal, De Colo é o favorito de Pop (Reprodução/nbcnews.com)

Nesta temporada, o Spurs já teve de lidar com lesões de outros astros, como Manu Ginobili e Tim Duncan. Mas, neste caso, o buraco é mais embaixo. Parker é o líder da equipe em pontos (21), assistências (7,6) e minutos (33) por partida. O armador tem feito sua segunda melhor temporada em pontos, assistências, aproveitamento nos tiros de quadra (53,4%) e aproveitamento nos arremessos de três (37,9%) e a melhor em aproveitamento nos lances livres (82,7%). Sem dúvidas, o francês está no auge – o que, inclusive, o colocou na segunda colocação na corrida pelo MVP no site oficial da NBA. Trata-se, com certeza, do melhor jogador do time. Seria um desfalque gravíssimo.

Como todos sabem, Gary Neal é o reserva preferido do técnico Gregg Popovich para a função. O ala-armador, que vem sendo improvisado na armação da segunda unidade, jogou 1.147,5 minutos nesta temporada, aparecendo em três das dez escalações mais usadas pelo treinador no campeonato, e apresenta médias de 9,4 pontos, 2,2 rebotes e 1,7 assistências em 22,5 minutos por exibição. O problema é que o camisa #14 perdeu os últimos três jogos com uma contusão na panturrilha esquerda – lesão que, segundo relatos da imprensa americana, tem atrapalhado o atleta em toda a temporada – e é dúvida para as próximas partidas.

Em seguida, aparece Nando De Colo, com 613,6 minutos na temporada. O francês tem médias de 3,3 pontos, 1,8 assistências e 1,7 rebotes em 11,8 minutos por jogo e aparece em três dos vinte quintetos mais utilizados por Pop no campeonato. Situação melhor que a de Patrick Mills, que jogou 499,8 minutos na temporada e apresenta médias de 4,5 pontos, 0,9 rebotes e 0,8 assistências em 10,2 minutos por jogo, aparecendo em somente um dos vinte quintetos mais usados por seu treinador.

Caso Parker e Neal sejam desfalques nos próximos jogos, De Colo e Mills deverão dividir os minutos na armação. O francês tem como ponto forte o passe, enquanto o australiano está mais para um pontuador. Por isso, faz mais sentido deixar o primeiro como titular, distribuindo passes para Danny Green, Kawhi Leonard, Tim Duncan e Tiago Splitter, enquanto o segundo exerce a função de arremessador na segunda unidade, deixando Manu Ginobili comandar o ataque.

Porém, vale lembrar ainda que há um jogador correndo por fora na briga: Cory Joseph. O armador vem fazendo boa temporada na D-League pelo Austin Toros, apresentando médias de 19,4 pontos, 5,5 assistências e 4,8 rebotes em 38,5 minutos por exibição. Com o Spurs, o canadense atuou por apenas 79,2 minutos no atual campeonato, e sustenta médias de 2,5 pontos, 1,2 assistências e 1,1 rebotes em 7,2 minutos por jogo.

Se realmente desfalcar o time, Parker fará mais falta do que qualquer outro jogador do elenco texano. Mas, se há um lado bom na lesão do francês, é a chance que Pop terá para testar Neal, De Colo, Mills e Joseph, e, enfim, definir quem será o armador da segunda unidade nos playoffs. Façam suas apostas!

Sobre Lucas Pastore

Um dos fundadores do Spurs Brasil. Formado em Jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2010, é editor assistente do UOL Esporte. Cobriu o basquete olímpico na Olimpíada de 2016 pelo LANCE!. Trabalhou também para Basketeria e mob36.

Publicado em 02/03/2013, em Na linha dos 3. Adicione o link aos favoritos. 4 Comentários.

  1. Como você bem disse, o buraco aqui é mais embaixo.
    Parker assumiu uma posição na equipe difícil de igualar. Líder, referência, psicológico. Não dá substituir o francês com um único jogador. Vamos precisar de um coquetel. Na liderança e referência, vamos precisar de Manu e Duncan tomando a frente, como sempre fizeram e agora mais do que nunca.
    Na armação vamos precisar de Nando De Colo quando o negócio for distribuir o jogo. Manu, como fez com maestria ontem, pode ajudar e muito nessa hora.
    Pra infiltrar e infernizar as defesas adversárias, Pat Mills. Quando os chutadores estiverem muito marcados, vamos precisar se alguém que faça um estrago na defesa do adversário com infiltrações, e esse é o cara. Kawhi pode ajudar um pouco aqui também (perceberam como ele tem assumido um papel mais importante em entrar com a bola no garrafão?). Quando o negócio for chutar aquelas bolas improváveis, Gary Neal. Pois é, ele mesmo. Tenho certeza que teríamos vencido o Suns se ele estivesse em quadra. Junto com Danny Green, os dois são os responsáveis por aqueles chutes que nos tiram do sufoco, que ganham um jogo no buzzer ou que sufocam uma reação do adversário.
    Ou seja, vai depender de como estiver ajustado o adversário e de como os titulares estiverem rendendo.

    Você começa a entender a importância de um jogador quando tem um esquadrão pra fazer o que ele faz sozinho.

    • Silas Barboza de Sousa

      Bela definição Danilo,realmente,esta temporada,eu afirmei algumas vezes,que o Homem imprescindível ao nosso elenco era Tony Parker…Quanto a sequencia de partidas,este mês teremos muitos jogos considerados “simples” para obtenção de uma vitória e muitos jogos em casa…Apenas gostaria de contar com Parker em partidas contra OKC,Clippers e Heat..que são partidas onde a sua maestria farão muita falta…Entretanto precisamos de mais atitude de Duncan e Manu…em finalmente assumir esta equipe esta temporada..pois Parker que estava executando esta função com eles de auxiliares…

  1. Pingback: Parker deve desfalcar o Spurs por um mês | Spurs Brasil

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s