Arquivo diário: 22/02/2013

Spurs (44-12) vs Warriors (31-23) – Temporada Regular

San Antonio Spurs @ Golden State Warriors – Temporada Regular

Data: 23/02/2013

Horário: 00h30 (Horário de Brasília)

Local: Oracle Arena

TV: NBA Pass (Sky Brasil)

Cotação no Apostas Online: Spurs 1,67 (favorito) @ Warriors 2,22

Com a melhor campanha na temporada da NBA e vindo de uma boa vitória sobre o Los Angeles Clippers, o San Antonio Spurs visita, nesta sexta-feira, o Golden State Warriors buscando sua 17ª vitória em 18 jogos. O time texano possui também a melhor campanha na estrada entre todas as equipes da competição. São 22 triunfos e dez derrotas. Hoje, em Oakland, os visitantes buscam sua 17ª vitória consecutiva contra a franquia californiana.

Confrontos na temporada (1-0)

18/01/2013 – Spurs 95 vs 88 Warriors

O San Antonio Spurs superou o Golden State Warriors em casa sem o argentino Manu Ginóbili. Do lado californiano, as ausências sentidas foram de Andrew Bogut e Stephen Curry. A equipe texana contou com ótimas atuações de Tim Duncan, Tiago Splitter e Tony Parker.

PG – Tony Parker

SG  Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – Tim Duncan

C Tiago Splitter

Fique de Olho – Vindo de uma atuação dominante contra o Los Angeles Clippers, em que contribuiu  com 31 pontos e sete assistências, Tony Parker manteve o alto nível na armação do San Antonio Spurs. Nas últimas seis partidas, o francês está com uma média de 29,3 pontos.

PG – Stephen Curry

SG – Klay Thompson

SF- Harrison Barnes

PF – David Lee

C – Andrew Bogut

Fique de Olho – No último confronto entre as duas equipes, Klay Thompson  teve uma ótima atuação, contribuindo com 21 pontos. Na quarta-feira, na vitória de seu time sobre o Phoenix Suns, Thompson anotou 28 pontos, além de ter coletado oito rebotes.

Anúncios

Spurs (44-12) @ Clippers (39-18) – Saborosa revanche

116×90

Na madrugada desta quinta-feira (21), o San Antonio Spurs obteve uma das vitórias mais importantes da temporada. Diante do “carrasco” Los Angeles Clippers, os texanos venceram a primeira após duas dolorosas derrotas para os angelinos no começo da temporada. E a revanche veio de forma arrasadora, com placar de 116 a 90. Vamos aos destaques.

(Noah Graham/NBAE/Getty Images)

Team is everything…

Este já é um lema antigo do San Antonio Spurs. E o time, novamente, foi tudo na vitória diante do Clippers. Depois de um início dominante em que sua equipe logo abriu dez pontos de vantagem, o técnico Gregg Popovich aproveitou todo o seu elenco para evitar o desgaste. Os 13 jogadores à disposição do treinador entraram em quadra e todos pontuaram.

Com a rotação grande, ninguém passou dos 30 minutos jogados. Com 28 minutos, Tony Parker e Danny Green foram os que mais tempo atuaram. Os veteranos Tim Duncan e Manu Ginobili precisaram jogar por apenas 16 e 17 minutos, respectivamente. Ótimo para dar aquele fôlego aos “velhinhos” na sequência da Rodeo Trip.

(Noah Graham/NBAE/Getty Images)

Ele merece

Não há mais palavras para destacar as atuações de Tony Parker. Para aqueles que ainda torcem o nariz na hora de colocar o francês entre os concorrentes ao prêmio de MVP, o camisa 9 deu mais uma resposta ao sair de quadra com 31 pontos e sete assistências. E se na partida anterior, na vitória sobre o Sacramento Kings, foram sete desperdícios de bola, desta vez Parker compensou e não cometeu nenhum erro.

Para se ter uma ideia do nível em que Parker está atuando, no mês de fevereiro as médias do armador francês são de assombrosos 27,8 pontos e 9,1 assistências por partida.

Poupado

Com dores no joelho esquerdo, Kawhi Leonard foi poupado por Popovich, que ousou na hora de substituí-lo. Ao invés de optar por Stephen Jackson, como em ocasiões anteriores, o treinador promoveu a entrada de Gary Neal no quinteto titular, deslocando Danny Green para a posição 3.

Neal teve atuação discreta, enquanto Green foi firme e deu conta do recado. Mais consistente do que em outros tempos, o camisa 4 despejou 15 pontos e estabeleceu o novo recorde pessoal de assistências, com sete. Esperamos que ele continue assim também nos playoffs.

Assim é que se faz

Maestro da equipe do Clippers, Chris Paul foi anulado pela defesa texana. O armador, por muitos considerados o melhor da atual geração, acertou apenas um arremesso de quadra em seis tentativas e em 27 minutos anotou somente quatro pontos e três assistências. Outro que costuma causar problemas ao Spurs pelo tamanho e força física, DeAndre Jordan teve apenas dois pontos e um rebote.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tony Parker – 31 pontos e 7 assistências

Danny Green – 15 pontos e 7 assistências

Tiago Splitter – 10 pontos e 4 rebotes

Manu Ginobili – 10 pontos

Los Angeles Clippers

Matt Barnes – 18 pontos e 6 rebotes

Blake Griffin- 17 pontos e 8 rebotes

Jamaal Crawford – 15 pontos e 6 assistências