Arquivo diário: 13/02/2013

Resumo da semana em Austin

E ai galera, tudo certo? Ressaca de carnaval, todo mundo curtiu esses quatro dias de folia (ou cinco), mas nosso querido Austin Toros não tem descanso não.

Semana bem movimentada, com três jogos para o time texano: duas vitórias e uma derrota (para mim inesperada). Vamos lá para o resuminho:

Cory Joseph, o líder do time nessa D-League, mostrando serviço

05/02/2013: Austin Toros – 102 @ 91 – Texas Legends

Jogo relativamente fácil para o Toros, somente tendo dificuldades no começo do segundo quarto, quando ficou dois pontos atrás. Porém, a partir daí, a equipe não teve muitos problemas. Manteve durante todo jogo uma média de dez pontos na frente, só sendo ameaçado quando o Legends diminuiu para seis pontos de diferença. Porém, astro do time como é, Cory Joseph, com duas belas jogadas, uma cesta de três e uma roubada de bola seguida de bandeja, aumentou a diferença para onze, mantendo a calma do time.

Destaques:

Toros:

Cory Joseph: 20 pontos, 7 assistências, 6 rebotes e 6 roubadas

Rick Jackson: 18 pontos e 17 rebotes

Jamychal Green: 10 pontos e 10 rebotes

Legends:

Justin Dentmon (ele mesmo, ex-Toros): 29 pontos, 6 rebotes e 4 assistências

08/02/2013: Canton Charger – 93 @ 88 – Austin Toros

Jogo em que se esperava uma vitória do time de Austin, sendo o jogo em seus domínios, vindo de uma apresentação de gala do maestro do time, Joseph. Porém, não foi assim que aconteceu. Ao fim do primeiro tempo, o Toros liderava por 52 a 48 em um jogo parelho, mas aparentemente sem muitos problemas. Virando o terceiro quarto que tudo afundou. Nos primeiros cinco minutos, Canton fez 15 a 2, mudando totalmente o panorama do confronto. A partir daí, a equipe visitante somente administrou a partida, e terminou com quatro de seus jogadores pontuando em dígitos duplos.

Destaques:

Toros:

Patrick Sullivan: 20 pontos e 5 rebotes

Cory Joseph: 10 pontos, 12 assistências e 7 roubadas de bola

Charge:

Kyle Gibson: 18 pontos e 6 rebotes

Ryan Rossiter: 15 pontos e 4 rebotes

09/02/2013: Tulsa 66ers – 103 @ 106 – Austion Toros

Jogo complicado para o Austin, só foi resolvido na prorrogação. Cinco jogadores do 66ers marcaram mais que dez pontos. Tulsa começou o quarto período perdendo por 83 a 68, mas, após um apagão do Toros, a diferença diminuiu para 85 a 84, acabando o quarto em 101 a 101. No tempo extra,, Jamarr Sanders, com uma bola de três, e Jamychal Green, com dois lances livres puseram Toros na frente, selando a vitória para o time da casa.

Destaques:

Toros:

Jamychal Green: 29 pontos e 21 rebotes

Rick Jackson: 18 pontos e 8 rebotes

Cory Joseph: 16 pontos e 5 assistências

Jamarr Sanders: 10 pontos e 6 assistências

66ers:

Rasual Butler: 28 pontos e 7 rebotes

Dominique Sutton: 20 pontos e 6 rebotes

Chris Quinn: 15 pontos e 6 assistências

Andy Rautins: 15 pontos e 5 assistências

Atualmente, o Austin está em terceiro na divisão central, com 16 vitórias e 13 derrotas, e sétimo no campeonato em geral. Não vem mantendo uma regularidade em resultados, perdendo jogos que são considerados fáceis e ganhando os que são considerados difíceis, mas há chances de classificação para os playoffs e dificilmente o time não ficará entre os oito primeiros. O grande destaque vem sendo, como sempre, Cory Joseph, que a cada jogo mostra que tem nível para jogar na NBA e ajudar assim o Spurs em um futuro próximo. Outro que vem quase sempre se destacando é Rick Jackson, que vem se mostrando um ótimo reboteiro. Olho nele Pop!

Até semana que vem pessoal!

Anúncios

Spurs (41-12) @ Cavaliers (16-36) – Temporada Regular

San Antonio Spurs @ Cleveland Cavaliers – Temporada Regular

Data: 13/02/2013

Horário: 22h00 (Horário de Brasília)

Local: Quicken Loans Arena, Cleveland

Na TV: SKY Brasil

Com duas vitórias seguidas na Rodeo Trip, o San Antonio Spurs visita nesta quarta-feira (13) o Cleveland Cavaliers. O time texano, que em sua última partida, derrotou a forte equipe do Chicago Bulls por 103 a 89, tenta atingir a marca de 14 vitórias em 15 jogos (sua última derrota foi há dois jogos, diante do Detroit Pistons). Ainda com algumas ausências no elenco, como Manu Ginobili e Tim Duncan, Tony Parker e Tiago Splitter também são dúvidas para o confronto. O brasileiro pode não jogar devido a uma queda de mau jeito no último jogo e o armador, com inchaço no joelho esquerdo, pode ser substituído novamente pelo também francês Nando De Colo. As duas equipes ainda não se enfrentaram nesta temporada.

PG – Tony Parker

SG – Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – Boris Diaw

C – Tiago Splitter

Fique de Olho – Na vitória em cima do Chicago Bulls, o Spurs, que não tinha seus principais nomes, contou com a excelente atuação de Kawhi Leonard. O segundanista, que estará no All-Star Weekend, contribuiu para equipe com 26 pontos e quatro rebotes. Na temporada, o ala possui média de 10,4 pontos por jogo.

PG Kyrie Irving

SG – Dion Waiters

SF – Alonzo Gee

PF – Tristan Thompson

C – Tyler Zeller

Fique de Olho – O armador Kyrie Irving, apesar de pouca experiência na liga, se tornou o principal jogador do Cleveland Cavaliers. No último jogo, na derrota para o Minnesota Timberwolves por 100 a 92, o astro machucou o tornozelo logo no começo, mas continuou na partida e terminou com 20 pontos, sete assistências e quatro rebotes em 36 minutos de atuação, sendo que no último período teve aproveitamento de 75% dos tiros tentados.

Spurs Brasil entrevista Alex Garcia

Os torcedores mais novos podem não saber, mas antes de Tiago Splitter um outro brasileiro já vestiu a camisa do San Antonio Spurs. E não foi Leandrinho, muito menos Nenê ou Anderson Varejão. Foi Alex Garcia, ala-armador da Seleção Brasileira, que, em 2003 recebeu um convite de Gregg Popovich e desembarcou no Texas. Depois de toda a fase de preparação e de disputar a pré-temporada pela equipe, o brasileiro sofreu uma grave lesão no pé ainda no início da temporada regular e viu o sonho acabar de forma indesejada.

Então com 23 anos, o atlético jogador, que hoje defende o Uniceub/BRB/Brasília, disputou apenas duas partidas oficiais pela franquia texana, registrando médias de 1,5 ponto e um roubo de bola em 6,5 minutos. O pouco tempo, porém, foi suficiente para deixar marcas no coração de Alex, que até hoje se declara um torcedor da equipe. E o Spurs Brasil foi ouvi-lo, para saber um pouquinho mais sobre a experiência de estar ao lado de lendas como Tim Duncan e Gregg Popovich. Confira a entrevista exclusiva:

Leia o resto deste post

Spurs tem interesse em Josh Smith, diz site

Segundo reportagem do site americano Project Spurs, o San Antonio Spurs tem interesse na contratação de Josh Smith. O jogador, que pode atuar nas posições 3 e 4, é atualmente o principal nome do Atlanta Hawks.

Que tal trocar de lado, Smith? (Scott Cunningham/NBAE/Getty Images)

A informação sobre o interesse do Spurs em Smith foi dada pela primeira mão por Marc J. Spears, que escreve para o Yahoo! Sports. De acordo com ele, o fato de Danny Ferry, General Manager do Hawks, ter passado por San Antonio – de 2000 a 2003 como jogador e de 2003 a 2005 como membro da equipe técnica – pode ajudar a franquia texana.

Na temporada, Smith tem médias de 17,1 pontos, 8,6 rebotes e quatro assistências por exibição. O ala será agente livre ao fim do campeonato.

Spurs oferece Blair para várias equipes e atrai interesse

De acordo com reportagem do site americano Pounding the Rock, o San Antonio Spurs está oferecendo DeJuan Blair para várias franquias da NBA. A ideia da equipe texana é conseguir uma troca pelo ala-pivô, que se tornará agente livre ao fim da temporada, antes do dia 21 de fevereiro, prazo final para transações entre times da liga.

Blair em sua especialidade: o rebote (Reprodução/http://redsarmy.com)

Segundo o jornalista Chris Boussard, que escreve para a ESPN, o Spurs chegou a conversar com Detroit Pistons e Toronto Raptors sobre a possibilidade de uma troca por Blair. Boston Celtics, Miami Heat e Portland TrailBlazers seriam outras franquias interessadas no ala-pivô.

Nesta temporada, Blair tem médias de 5,2 pontos e 3,9 rebotes em 13,7 minutos por exibição. Segundo relatos da imprensa americana, o Chicago Bulls também está de olho no ala-pivô, assim como o Golden State Warriors.